Águas termais no Brasil, saiba onde encontrar!

Águas termais no Brasil, saiba onde encontrar!



Desde a Grécia antiga, foi descoberto que alguns elementos da natureza carregam consigo o poder da cura. É o caso das águas termais no Brasil – e no mundo -, que possuem propriedades medicinais comprovadas, capazes de melhorar lesões de pele, dores crônicas e até problemas respiratórios.

Para saber seus tipos e benefícios, vale consultar o Código de Águas Minerais, que as classifica conforme suas características e uso. A sulfurosa, por exemplo, presente em muitas das estâncias brasileiras, tem o enxofre como principal componente, com propriedades antirreumáticas, antialérgicas, desintoxicantes e anti-inflamatórias.

Tais problemas acabam aumentando a busca por destinos que ofereçam banhos e terapias em águas que beneficiam ainda mais a saúde. Com isso, são criados hotéis, resorts, spas, clubes e balneários que abrigam piscinas e uma infinidade de tratamentos que incluem as terapias hidrotermais. A boa notícia é que em praticamente cada canto do Brasil é possível encontrá-las:

Águas termais no Brasil

São Paulo

Águas de Lindóia: considerada uma das capitais termais do Brasil, as águas saem do solo a 28ºC, que vão para o balneário municipal. Assim se formam piscinas de água mineral e são oferecidos serviços terapêuticos, duchas escocesas e hidromassagem. Tudo isso a apenas 180km de São Paulo.

águas termais

Águas de São Pedro: a cidade pequenina tem água quente por todos os lados, seja no parque aquático, no balneário ou no Fontanário, um dos grandes atrativos do destino por oferecer águas com propriedades medicinais, junto às fontes Almeida Salles e Gioconda.

Olímpia: A 450 km da capital, a cidade se destaca pelo parque Thermas dos Laranjais, com 20 piscinas térmicas, incluindo toboáguas, ondas, rio com correnteza e praia artificial. A quase mil metros de profundidade, as águas termais foram descobertas na década de 50, numa expedição em busca por petróleo.

thermas laranjais

Águas de Santa Bárbara: desde o século 19, a cidade fica às margens do Rio Pardo, onde aventureiros se divertem fazendo rafting e boia-cross. As propriedades terapêuticas das águas são usufruídas no Balneário Municipal Mizael Marques Sobrinho e no Parque das Águas.

santa barbara

Minas Gerais

Poços de Caldas: considerado o primeiro estabelecimento termal do país na modernidade, o Thermas Antonio Carlos oferece diversos serviços com águas de propriedades medicinais. Hidrologia, banhos, duchas, saunas, mecanoterapias, entre outros, são algumas das opções, oferecidas dentro de um edifício neoclássico. Outra opção é Balneário, fundado em 1896, onde há banhos de imersão com água a 37ºC.

Poços de Caldas

Araxá: os termas naturais de Araxá, a 380 km de Belo Horizonte, ficam sob domínio de hotéis, com serviços abertos a não-hóspedes. Tratamentos, banheiras e piscinas de águas termais atraem turistas do Brasil todo.

Araxa

Pocinhos do Rio Verde: a estância termal não é tão famosa quanto as demais, mas também tem seu valor. O balneário no município de Caldas promove bastante descanso, seja pela tranquilidade e o verde da Serra da Mantiqueira, ou pelos banhos quentes de imersão, saunas e hidromassagem nas fontes Samaritana, Rio Verde e São José.

Pocinhos do Rio Verde

Outras estâncias: Cambuquira. Caxambu, São Lourenço e Lambari.

Goiás

Rio Quente – uma das mais conhecidas do Brasil, está a 27 km de Caldas Novas. A cidade abriga o único rio de águas quentes do mundo, com temperaturas que variam entre 26ºC e 47ºC. Resorts com piscinas naturais, praias artificiais e parque de águas quentes são as grandes atrações de uma das maiores estâncias hidrotermais do mundo.

caldas novas

Chapada dos Veadeiros: muita gente não conhece, mas a belíssima Chapada dos Veadeiros também conta com duas propriedades com piscinas naturais de águas quentes. Uma é o Éden e a outra é o Morro Vermelho, ambas com preços bem atraentes para quem curtir um pouco de sossego e banhos termais.

Chapada dos Veadeiros aguas termais

Lagoa Santa: tranquilo e rodeado por verde, o município a 360 km de Goiânia tem como principal atrativo a lagoa natural de águas termais com temperatura de 29º à 31ºC. A equipe do Quanto Custa Viajar esteve por lá e contou tudo.

Lagoa Santa

 

Mato Grosso

Barra do Garças: a 504 km de Cuiabá, o Parque das Águas Quentes é administrado pela Prefeitura e é uma boa surpresa em Mato Grosso. Dentro de uma enorme área verde, tem em sua infraestrutura piscinas hidrotermais com temperaturas entre 31ºC e 43ºC, toboágua, rio da preguiça, bar molhado, restaurantes, vestiários e estacionamento, tudo isso a apenas R$ 5, com direito a boias gratuitas. A cidade é bem agradável para um passeio.

Barra do Garças

Foto: Edevilson Arneiro

Rio Grande do Sul

Marcelino Ramos – às margens do Lago do Uruguai, o parque de águas termais é a grande atração de Marcelino Ramos. Os turistas também desfrutam de passeios pela mata nativa, rios, vales, montanhas e um lago propício para esportes náuticos.

Nova Prata: o complexo hidrotermal, com águas vindas do Aquífero Guarany, o maior reservatório de água doce do mundo, está a 180 km de Porto Alegre. A cidade pitoresca se destaca pela preservação da natureza, com cascatas, trilhas, além do parque termal, aberto ao público.

Nova Prata

Santa Catarina

Termas de Piratuba: com águas a temperaturas por volta dos 38ºC, o parque no oeste catarinense conta com várias piscinas, banhos de imersão, duchas e tratamentos medicinais. Um chafariz natural, que joga água a uma altura de 30 m, é uma das grandes atrações do local.

piratuba

Termas do Gravatal: entre as melhores termas do mundo, a Estância de Águas Hidrominerais de Gravatal vai parar dentro de hotéis, onde há piscinas coletivas e banheiras individuais, além do Acquativo, o maior parque hidrotermal da região sul. A cidade ainda é prato cheio para o ecoturismo, repleta de trilhas, grutas e cachoeiras.

Águas Mornas – uma das estâncias hidrominerais mais famosas do mundo, atrai milhares de turistas em busca das águas com propriedades terapêuticas. Grutas e cachoeiras completam as atrações turísticas da cidade, cercada por natureza.

aguas mornas

Outras estâncias: Santo Amaro da Imperatriz, Tubarão, Itá, São Carlos, Quilombo, Águas de Chapecó, Palmitos, São João do Sul e Caldas da Imperatriz.

Paraná

Foz do Iguaçu: A apenas 11 km das famosas Cataratas do Iguaçu, as águas termais do Aquífero Guarani abastecem o Mabu Thermas Resort. O complexo conta com piscinas aquecidas a 36ºC, além da primeira praia termal do sul do Brasil.

termas Foz

Iretama: com nome tupi que significa ‘lugar das águas’, a cidade abriga a Estância Hidromineral Termas de Jurema, abastecida por uma fonte com águas a 42ºC.  Piscinas ao ar livre e cobertas, ofurô, chuveiros e torneiras abastecidos por águas termais estão disponíveis para o público.

Águas do Verê: a 454 km de Curitiba, a cidade preserva traços da cultura italiana e alemã. O termas próximo ao Rio Chopim é a grande atração turística local, com um dos maiores toboáguas do Paraná dentro do Parque Aquático.

Rio Grande do Norte

Mossoró: uma das únicas estâncias hidrotermais do Nordeste, a região conta com um enorme complexo aquático, incluindo 12 piscinas de águas termais que chegam até 58ºC, temperatura que cai a medida que a água se espalha pelas piscinas.

Mossoró

Bahia

Cipó: o município a cerca de 240 km de Salvador é um verdadeiro oásis no sertão. O balneário, fundado na década de 30, conta com águas a uma temperatura de 39º. Com estilo Art Déco, o Grande Hotel foi inaugurado em 1952 para oferecer os serviços de spa e entretenimento com o uso de piscinas

Caldas do Jorro: as fontes e poços da praça Ana Oliveira têm águas termais com temperatura média de 48ºC. Banhos de imersão, piscinas com toboágua e banheiras privativas são algumas das atrações do Parque das Águas.

Paulista Paratinga: com pouco mais de 30 mil habitantes, a cidade a 710 km de Salvador é banhada pelo Rio São Francisco e tem características barrocas. Tem como grande atração turística as  Águas Termais do Paulista e o Brejo das Moças, com piscinas naturais de água termo-mineral.

Paratinga2

Ceará

Caldas: em Barbalha, no sopé da chapada do Araripe, a estância hidromineral Balneário do Caldas atrai turistas por conta das fontes e piscinas naturais de água mineral, que tem temperaturas em torno de 26ºC.

Caldas Ceará

Post por Brunella Nunes
Fotos: divulgação

Para onde viajar
Eu tenhoBudget
e quero viajar porDias
Para onde viajar

10 comentários

Comente
  1. 4
    Rosimar

    Olá! Poderia por favor informar de qual hotel/parque pertence a foto que consta abaixo do descritivo de Aguas Mornas. É uma foto ou uma maquete??

    • 9
      Redação QCV

      Oi José! Na verdade o texto está correto. Águas de Santa Bárbara está dentro do subtítulo de SP. Na sequência vem as de Minas Gerais, por isso pode ter confundido 🙂

      Obrigada!

+ Deixe um comentário