Quanto Custa Viajar
Para onde viajar
Passagens aéreas baratas
BUSCAR CIDADE:

Viajar para América do Sul



Cidades turísticas na América do Sul

O subcontinente onde está localizado o Brasil faz parte da América, segundo maior continente do globo. Com belezas naturais estonteantes e graves problemas sociais e econômicos, a América do Sul é sempre uma opção para os brasileiros que querem fazer viagens internacionais, mas não pretendem gastar muito. Viajar para América do Sul, inclusive, tem sido uma alternativa de passeio muitas vezes mais barata do que viajar dentro do próprio Brasil. Com boas promoções, é possível ir para a Argentina, Chile e Uruguai, por exemplo, gastando a mesma quantia ou até menos do que uma viagem para o Nordeste brasileiro.

Com território que corresponde a 12% da superfície terrestre, quase 400 milhões de habitantes (ou seja, algo em torno de 6% da população mundial) e 13 países dentro do seu perímetro, a América do Sul tem como seu principal representante o próprio Brasil, mas nações como Argentina, Chile, Peru e Colômbia também são muito turísticos e procurados por aqueles que desejam viajar para América do Sul e conhecer mais a região.

Algumas das principais atrações do continente são as suas praias, especialmente as banhadas pelo Oceano Atlântico e pelo Mar do Caribe. Rio de Janeiro e o Nordeste são boas opções no Brasil; Cartagena e San Andrés são destinos bastante procurados na Colômbia; Isla Margarita e Los Roques são duas ilhas muito almejadas da Venezuela, assim como os territórios autônomos de Aruba e Curaçao, rodeados pelo Mar do Caribe. Mas viajar para América do Sul pode significar ver outras belezas naturais além das praias, como ter a chance de ir ao deserto do Atacama e à Cordilheira dos Andes no Chile; à Patagônia na Argentina; ao Salar de Uyuni na Bolívia; às Cataratas do Iguaçu, à Amazônia e ao Pantanal no Brasil; a Machu Picchu no Peru; ao vulcão Cotopaxi no Equador; entre outros.

Com colonizações portuguesa, espanhola e francesa, os países da América do Sul têm nas línguas originadas nesses países a sua principal herança. O subcontinente também é marcado por sua biodiversidade e pela miscigenação dos povos, uma vez que recebeu mais de 15 milhões de imigrantes europeus, muitos outros da África e, também, pela presença de diversas tribos indígenas. Para quem planeja viajar para América do Sul, essas são algumas das características mais evidentes e que são muito apreciadas pelos turistas, principalmente pelo carisma natural dos habitantes da região. Esse, portanto, é um ponto muito marcante: mesmo com diversos problemas sociais e econômicos, os países sulamericanos esbanjam simpatia, hospitalidade e alegria, sendo mundialmente conhecidos por isso.