A simpática capital uruguaia oferece mais do que se poderia esperar de uma cidade com pouco menos de um milhão e meio de habitantes. Afinal, Montevidéu é o maior município do país e reúne um povo tranquilo, que gosta de desfilar pelas ruas invariavelmente com o seu mate e uma garrafa térmica embaixo do braço. 

Leia Mais

Um passeio pela avenida 18 de Julio, principal via da cidade, é uma vitrine para o comportamento dos uruguaios, que parecem não ter pressa para nada. Uma caminhada pela Rambla de Montevidéu com seus mais de 20 quilômetros de extensão também é um convite a conhecer mais desta capital e de suas paisagens.

Outra coisa que não pode faltar a quem passa por estas terras é um tempinho para provar a autêntica parrillada uruguaia. Com uma união de diversos cortes de carne, alguns exóticos para os brasileiros, esse prato faz parte da identidade nacional. Não procure muito na hora de decidir onde prová-lo: o Mercado do Porto é o lugar ideal! Você pode se deliciar com uma morcilla ou riñones enquanto conversa com o assador - e ainda consegue algumas dicas especiais de onde ir depois do almoço.

Para aqueles que dispõem de mais tempo, a viagem pode ser perfeitamente aliada a outros destinos em um roteiro maior, principalmente se você incluir no passeio uma visita às cidades de Punta del Este, Colonia do Sacramento ou à charmosa Buenos Aires, na Argentina. Sobre o assunto, é importante não comparar as duas capitais: enquanto Buenos Aires tem uma vida agitada e multicultural de cidade grande, Montevidéu ainda conserva o ar de interior que se tornou tão característico do povo uruguaio.

Você verá ainda que a cidade tem um ótimo diferencial: um povo amigável, sempre sorridente, educado e disposto a ajudar e receber bem os turistas. Além disso, é comum encontrar atendentes de lojas, bares e restaurantes capazes de falar português muito bem, o que facilita a comunicação para quem viaja sem falar uma palavra sequer de espanhol.

O clima de Montevidéu também pode ser bem agradável para os visitantes brasileiros, principalmente no verão, em que as temperaturas amenas favorecem atividades ao ar livre. No entanto, é bom ter em conta que a temperatura pode cair bastante nos meses de inverno, de forma que qualquer viagem para a cidade nessa época deverá incluir um bom casaco na mala. Se esquecer o seu, não se preocupe: as roupas de inverno também podem ser adquiridas com ótimos preços nas muitas lojas espalhadas pelas ruas da capital uruguaia. 

Como chegar

Há apenas um aeroporto em Montevidéu, o Aeroporto Internacional de Carrasco, localizado a cerca de 20 km do centro da cidade. As principais companhias aéreas para quem vai realizar esse trajeto são a Gol e a TAM. Chegando lá, será necessário pegar um táxi ou uma van até o seu hotel - o serviço pode ser contratado no saguão do aeroporto e demora entre 20 e 30 minutos, dependendo do horário e do local de sua hospedagem. Lembre-se que os preços são tabelados e os serviços funcionam 24 horas por dia.

Outra opção é usar o Uber para ir até o local onde você está hospedado. Nesse caso, peça um carro usando o wi-fi gratuito do aeroporto e o mesmo aplicativo que você usa no Brasil, mas lembre-se de que o preço da corrida terá um adicional de 6,38% devido ao uso do cartão em moeda estrangeira.

Do Sul do país, quem quiser economizar com a viagem pode optar pelo ônibus como uma saída mais barata para chegar a Montevidéu. Nesse caso, você chegará pelo terminal Tres Cruces, bem mais próximo do centro da cidade e que oferece conexão a diversas regiões através de transporte público. De São Paulo, a viagem pode durar até 20 horas, enquanto quem sai de Porto Alegre terá que enfrentar um caminho bem mais curto, com duração aproximada de 10 horas.

Vida noturna 

Pocitos e Buceo são os principais pontos de encontro da vida noturna da cidade. São muitos bares, restaurantes e “bolichos” (as nossas baladas) para se conhecer na região. O interessante é escolher aquele lugarzinho que é a sua cara e entrar tentando a sorte. Quem sabe não é a oportunidade de descobrir um novo lugar incrível na cidade?

Em Buceo, a dica é caminhar pela avenida Luis Alberto de Herrera onde há vários bares para comer e tomar alguma coisa. Próximo ao Shopping Punta Carretas está também o Bar Tabaré, perfeito para quem busca uma noite mais descolada na capital uruguaia. Além de oferecer shows de música ao vivo, o espaço também tem boas opções para a hora da janta.

Em compensação, quem busca o melhor da música tradicional uruguaia e não tem medo de encarar um local mais turístico não pode deixar de visitar o Baar Fun Fun, na Cidade Velha. Nas quintas, sextas ou sábados, a casa oferece uma sessão de candombe, por volta das duas da madrugada. Ou seja, é para ir beeem depois de terminar a janta. Antes disso, o passeio também não deixa a desejar, com ótimos shows de tango.

Outro programa cultural que pode ser interessante é conferir a programação do Teatro Solís e tentar encaixar uma ida ao lugar. Para quem fala espanhol, a ideia é também uma forma de se aprofundar mais na cultura da cidade. 

  • População 1.305 milhões

  • Hora local 10:43

  • 10 Peso Uruguaio R$ 1,08

  • Temperatura local 16.49º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para Montevidéu

Atrações turísticas em Montevidéu

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Montevidéu

Hospedagem em Montevidéu

menor valor maior valor
Albergue R$ 36,50 R$ 202,78
Hotel R$ 85,55 R$ 841,21
Apartamento R$ 91,88 R$ 633,68

Alimentação em Montevidéu

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 12,20 UYU 113.00 a R$ 34,56 UYU 320.00
  • Almoço


    R$ 41,04 UYU 380.00 a R$ 71,27 UYU 660.00
  • Jantar


    R$ 48,59 UYU 450.00 a R$ 88,55 UYU 820.00