O menor país de língua espanhola da América do Sul merece destaque nas suas viagens. Aqui, reservamos alguns lugares imperdíveis para conhecer no Uruguai, que não podem ficar fora da sua rota.

Mas antes de entrar nessas descobertas, você sabe o que significa Uruguai? O nome vem do guarani, que significa “rio onde vive o pássaro”, “rio dos pássaros pintados”, “rio dos caracóis” ou “rio sinuoso”. Hoje, não há registros de pássaros específicos na fauna local, mas já deixamos essa curiosidade aqui pra você.

Agora vamos ao que importa: os 9 lugares imperdíveis para conhecer no Uruguai!

Colonia del Sacramento

Conhecida como a “Paraty do Uruguai”, essa cidadezinha é um encanto. Nela, você vai ter a sensação de que o tempo parou. 

Lá é o lugar ideal para quem passa alguns dias no país e quer imergir na história: no centrinho histórico é possível encontrar um passeio à beira-rio murado, que não inunda nunca, o Paseo San Gabriel. E para visitar uma pracinha, escolha a Plaza Mayor, no coração da cidade.

Foto: Rod Waddington

Se você gosta de cultura, vai adorar a Colônia del Sacramento, pois comprando apenas um ingresso é possível visitar todos os museus da cidade!

Nossa recomendação é chegar cedinho e voltar ao pôr-do-sol, porque a vila fica a apenas 2h da capital Montevidéu – e à noite ela não é muito movimentada. Neste roteiro, não deixe de visitar a casa de chá “Lentas Maravillas”. Aproveite um dia de sol para ficar no gramado à beira-rio.

Alugue um carro para ir de Montevidéu até a Colônia del Sacramento.

Laguna de Rocha

Definitivamente um dos lugares imperdíveis para conhecer no Uruguai, a Laguna de Rocha é tranquilidade e natureza. Lá, mais de 200 espécies de aves vivem protegidas. É o espaço perfeito para quem deseja uma caminhada tranquila, ou mesmo uma travessia com as pequenas balsas que se encontram no local.

Pesquise aqui passagem aérea para o Uruguai pelo melhor preço | Reserve sua hospedagem pelo Booking

Não existe uma grande infraestrutura turística, mas é interessante para quem precisa se desligar dos estímulos da cidade grande. Vale a pena se você estiver em Punta del Este, pois a lagoa fica a cerca de 1 hora de carro.

Foto: Wikimedia Commons

Playa Bikini

A mais bonita e popular de Punta del Este merece a sua atenção por aqui. No verão, é conhecida pela grande quantidade de baladas, Djs e música ao vivo, que atraem todos os tipos de turistas – principalmente os mais jovens. 

Sendo bem localizada, pode ser visitada tanto por carro quanto por ônibus urbanos que têm a praia nas suas rotas. Geralmente utilizam-se as linhas 14 e 16. 

Diferentemente das praias do Brasil, não têm uma boa infraestrutura (e é interessante que você leve sua própria comida, cooler, guarda-sol, etc). Não vai fazer uma excursão no estilo farofa-all-inclusive, mas é importante levar alguns lanchinhos para não passar fome.

Saiba onde se hospedar em Punta del Este.

Alto de la Ballena – Punta del Este

Ainda em Punta del Este, visite o Alto de La Ballena: uma vinícola super especial para visitar no final do dia. Os tours são marcados via whatsapp, e geralmente são guiados pelos próprios donos. Nossa recomendação é que você leve algum dinheiro em espécie, pois as taxas cobradas em cartão são bem altas.

Endereço: Ruta 12 Km. 16.400 / Sierra de la Ballena – Maldonado

Telefone: 094 410 328

Punta del Diablo

Pequena cidade no litoral, hotéis rústicos à beira-mar e mais perto do Brasil do que da própria capital, Montevideo. Esse paraíso atrai surfistas de toda a América Latina, e pode ser um dos seus destinos ao visitar o Uruguai.

Se você está em busca de uma atmosfera hippie e desapegada, esse é o lugar certo. Lá, o foco são as praias e os pequenos restaurantes que ficam próximos à orla. Não busque por luxo, mas por desapego. Esse é o foco da Punta del Diablo, que vive basicamente da pesca – mas que encanta pelas suas paisagens de tirar o fôlego.

Casapueblo

Construída pelo artista uruguaio Carlos Páez Vilaró, a Casapueblo fica localizada em Punta Ballena, a 13 km de Punta del Este. Essa já foi a casa de verão e a oficina do artista, e hoje inclui um museu, uma galeria de arte, uma cafeteria e um hotel.

A residência começou a ser construída em 1958 e lembra um estilo parecido com o das casas da costa mediterrânea de Santorini. Mas esse não era o intuito – o artista, na verdade, se referia ao ninho do joão de barro ao realizar esse tipo de construção. Ao todo, a Casapueblo levou 36 anos para ser finalizada.

Na sua cúpula principal, encontra-se o museu e a oficina (com visitação diária, das 10h00 às 18h00), onde se pode ver parte da obra de Carlos Páez Vilaró. São quatro salas de exposição: Sala Nicolás Guillén, Sala Pablo Picasso, Sala Rafael Squirru, Sala José Gómez Sicre, uma sala de projeção, o Terraço da Sereia, o Mirador del Hipcampo e a cafeteria Taberna del Rayo Verde.

Curiosidade: todas as tardes, desde 1994, a Cerimônia do Sol é realizada nos terraços do museu. Pouco antes do pôr do sol, a voz do artista Carlos Páez Vilaró se espalha em uma gravação que recita um poema ao sol para se despedir dele.

Mercado Agrícola de Montevideo – MAM

Um mercado onde encontra todos os sabores do Uruguai: temperos, doces, compotas, sorvetes, carnes, frutas e verduras. Vale a visita pois consegue reunir elementos da cultura e da culinária Uruguaia em um só lugar. 

Ah, e aqui um ponto bem importante: diferentemente de outros mercados, ele é bastante organizado, limpo e tem uma ótima localização, além de oferecer uma praça de alimentação boa, com opções de bares com chops de cervejas artesanais.

Se você gosta de sanduíche, uma boa pedida para o mercado é o famoso Chivito: um sanduíche bastante tradicional no país.

Foto: Wikimedia Commons

Museu Ralli em Punta Del Este

Construído em 1987, o museu reúne obras de diferentes artistas – conhecidos e desconhecidos – de toda a América Latina. Apesar das diversas obras, não possui visitas guiadas, ou explicações profundas sobre cada obra. Lá, também não são encontradas lojas nem lanchonetes.

O lado bom é que a visitação é gratuita ao longo de todo o ano, basta ficar atento aos horários de funcionamento:

Janeiro e Fevereiro: terça a domingo das 17h às 21h.

Março: terça a domingo das 14h às 18h.

Abril e Maio: sábados e domingos das 14h às 18h.

Junho a Setembro: aberto para grupos de 15 pessoas com reserva antecipada.

Outubro, Novembro e Dezembro: sábados e domingos das 14h às 18h.

Foto: Brunella Nunes

Mirador Panoramico de Montevideo 

Com quase 80 metros de altura, o mirante de Montevideo é espetacular em sua vista. E o melhor de tudo: gratuito! Basta agendar uma visita clicando neste link e desfrutar do alto da cidade com uma visão privilegiada. 

Está indo viajar e tem outras dicas de lugares imperdíveis para conhecer no Uruguai? Então conta pra gente aqui nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aproveite a Black Week da Zarpo!

Até 50% de desconto em hospedagens incríveis