5 motivos para visitar a Ilha da Madeira, em Portugal

5 motivos para visitar a Ilha da Madeira, em Portugal



Com praias, piscinas naturais, mirantes alucinantes, jardins coloridos, montanhas enormes e edifícios, a terra do craque do futebol Cristiano Ronaldo é cheia de encantos. Quer saber qual é? Para te convencer a fazer as malas, selecionamos ao menos 5 motivos para visitar a Ilha da Madeira, em Portugal, um arquipélago que une serra e cidade com perfeição.

É curioso notar que o destino de origem vulcânica, no meio do oceano Atlântico, está a apenas 500 km de Marrocos. Não muito distante da capital, a ilha é destino de veraneio dos portugas, seja na maior cidade da região, a charmosa Funchal, ou na menor delas, Porto Santo – que tem praias invejáveis. Curtindo bem as férias, eles sabem que além de maravilhas naturais, encontram ali boa comida e boa bebida, com destaque para os vinhos, reconhecidos mundialmente.

Como chegar: este pequeno éden está a 1.000 km de Portugal, ou a 2 horas de voo de Lisboa. O Aeroporto Internacional da Madeira, localizado na cidade de Santa Cruz, é a principal porta de entrada, recebendo aviões de companhias aéreas da Europa. Saindo do Brasil, os voos sempre fazem ao menos uma conexão, podendo ser em Lisboa ou Madri.

Confira aqui os custos de Funchal e comece a planejar essa viagem!

O que fazer na Ilha da Madeira

1. Tem lugares fantásticos para boas aventuras

Um dos grandes atrativos do local é, sem dúvidas, seus recursos naturais. Rodeada de árvores centenárias e cenários típicos de contos de fadas, a Floresta Laurissilva da Madeira é uma delas, reconhecida como Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco. A reserva, dentro do Parque Natural da Madeira, ocupa 2/3 da superfície da ilha.

[+] Para ver outros cenários assim em Portugal, saiba mais sobre a Quinta da Regaleira

Conhecida como Havaí do Atlântico, também atrai surfistas que se arriscam nas ondas desafiantes de Jardim do Mar, Paul do Mar, Porto da Cruz e de São Vicente. Há ainda muito espaço para outros esportes radicais, como canyoning, mergulho, asa delta, parapente e escalada.

[+] Inclua na viagem: um passeio de barco para observar baleias e golfinhos!

2. Dá para descer ladeiras a bordo de carrinhos de vime (?!)

Essa é uma tradição bem curiosa. Na vila serrana de Monte, a 6 km do centro de Funchal, está o ponto de partida para os passeios a bordo de carro de cestos, como são chamados os carrinhos artesanais de vime ou madeira, criados por volta do século 19 para transportar mercadorias do topo da montanha à cidade. Os turistas sobem até o local de teleférico, apreciando a vista para os vales e a baía, e depois podem descer a ladeira de 2 km utilizando os cestos, puxados por carreiros que controlam a velocidade do transporte.

3. É ótima para ter novos pontos de vista

Seja abaixo ou muito acima da superfície, Madeira oferece vários pontos de vista diferentes aos visitantes. Um dos mais conhecidos é a Gruta de São Vicente, formada há 890 mil anos por atividades vulcânicas. O  percurso subterrâneo total tem mais de 1000 metros de comprimento, enquanto as grutas variam entre 5 e os 6 metros de altura.

Há ainda uma porção de mirantes na região, incluindo o do Mudas.Museu de Arte Contemporânea. A obra arquitetônica imponente traz perspetivas sobre o mar e as encostas. Melhor ainda é observar as paisagens exuberantes a partir dos pontos mais altos da ilha: o Pico Ruivo (1.862 metros), o Pico das Torres (1.851 metros) e o Pico do Areeiro (1.818 metros). O Pico do Facho, em Porto Santo, tem uma altitude máxima de 517 metros, enquanto o Curral das Freiras, numa pequena vila de pescadores, também conta com um mirante incrível na Eira do Serrado.

[+] Visite também o exuberante Arquipélago dos Açores

4. Os jardins são maravilhosos

Madeira também é famosa por conta de seus jardins floridos o ano todo e com diversas espécies botânicas. Clima subtropical, temperaturas amenas e solo vulcânico fértil colaboram para que brotem espécies europeias que, fora dali, só crescem em estufas. Exemplos de vegetação exótica, vinda da Austrália, China, África ou México, também se espalham pelos jardins da ilha. Entre os mais emblemáticos estão: a Quinta do Palheiro, a Quinta Palmeira, o Jardim Botânico da Madeira, o Jardim Tropical Monte Palace e os Jardins do Imperador.

Além disso, oferecem mirantes devido sua altura, como é o caso do Jardins do Palheiro, que se situa a 500 metros de altitude. A 3 km do centro de Funchal, o Jardim Botânico fica entre os 150 e 300 metros de altitude, oferecendo vista para os arredores.

[+] Sem tempo para ir à Madeira? Então visite Alentejo, a 100 km de Lisboa

5. Tem uma piscina natural no meio do mar

Os balneários também são uma ótima opção de lazer em Madeira, como o Complexo Balnear Doca do Cavacas, a poucos metros da praia Formosa, em Funchal. Nele, se destaca a Poça do Gomes, piscinas de origem vulcânica oferecem solário e acesso direto ao mar. De sua plataforma se tem uma esplêndida vista panorâmica sobre o mar e o Cabo Girão, o promontório mais alto da Europa.

[+] Confira as melhores praias de Portugal para curtir no Verão!

Quer calcular uma viagem para Lisboa? Clique e confira!

Post por Brunella Nunes
Fotos: divulgação/Visit Madeira e Madeira Best

*Simulação de custos em Lisboa feita dia 11/04/17 podendo haver alteração
Para onde viajar
Eu tenhoBudget
e quero viajar porDias
Para onde viajar

+ Não há comentários

Comente