Muitas vezes chamada de “Las Vegas da China”, a Região Administrativa Especial de Macau é realmente o lugar luxuoso para diversão, mas a cidade tem muito mais a oferecer do que apenas jogos ao cair da noite. Macau teve dominação portuguesa por cerca de 400 anos, portanto, é um lugar inusitado, onde a cultura ocidental se mescla com a cultura...

Leia Mais
  • População 566.375 mil

  • Hora local 10:47

  • 1 Pataca R$ 0,47

  • Temperatura local 23.75º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para Macau

Atrações turísticas em Macau

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Macau

Hospedagem em Macau

menor valor maior valor
Hotel R$ 260,70 R$ 1.998,21

Alimentação em Macau

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 11,44 MOP$ 24.48 a R$ 18,74 MOP$ 40.08
  • Almoço


    R$ 22,44 MOP$ 48.00 a R$ 36,69 MOP$ 78.48
  • Jantar


    R$ 26,93 MOP$ 57.60 a R$ 37,98 MOP$ 81.24

Guia Macau

Muitas vezes chamada de “Las Vegas da China”, a Região Administrativa Especial de Macau é realmente o lugar luxuoso para diversão, mas a cidade tem muito mais a oferecer do que apenas jogos ao cair da noite. Macau teve dominação portuguesa por cerca de 400 anos, portanto, é um lugar inusitado, onde a cultura ocidental se mescla com a cultura oriental.

Macau foi uma das primeiras colônias europeias a existir na Ásia e também foi a última a ser abandonada, sendo libertada, de fato, somente em 1999. Por causa disso, tem uma história colonial mais visível do que Hong Kong. Andando pela cidade antiga às vezes você se sente na Europa, mesmo com a população sendo a maioria de chineses nativos hoje em dia.

Imponentes templos chineses ocupam as ruas com os tradicionais azulejos portugueses. A língua cantonesa pronuncia os nomes portugueses das ruelas da cidade. E lá você pode ter experiências gastronômicas autênticas alternadas. Pode ter um café da manhã português bem farto e depois desfrutar de um aconchegante almoço chinês, ou até mesmo provar pratos híbridos locais, como o Minchi (carne moída ou carne de porco, geralmente servida com arroz).

Macau é um lugar fascinante para passear, pois está repleto de igrejas, templos, fortalezas e outros edifícios antigos que evidenciam a mistura de características portuguesas e chinesas. Uma grande parte da península foi designada como Património Mundial da UNESCO.

Depois de conhecer os pontos turísticos, você ainda pode se perder nas centenas de ruazinhas estreitas na parte antiga que formam um labirinto perfeito para ser explorado. É uma ótima maneira de entrar mais a fundo na cultura local. As vielas revelam o dia a dia de Macau, pois é onde as pessoas trabalham e cuidam dos seus negócios.

E é de noite que a diversão toma conta da “Vegas da China”. O jogo é a maior indústria de Macau, e os ônibus lotados de apostadores chegam diariamente da China continental. Além disso, muitos moradores de Hong Kong vão para a cidade nos fins de semana com o mesmo objetivo. O Casino Lisboa foi o mais famoso durante décadas e é um marco conhecido por pessoas de fora de Macau.

A península abriga o antigo centro da cidade, mas mais ao sul estão as ilhas da Taipa, Cotai e Coloane, que também fazem parte do território de Macau. Taipa preservou a arquitetura macaense, Cotai é o lar dos novos mega cassinos e em Coloane se encontram aldeias coloniais e algumas praias. Não deixe de também visitar esses lugares.

Como chegar

Ir para Macau a partir do Brasil não é uma tarefa tão simples, uma vez que não existem voos diretos. Partindo do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, no mínimo você terá que fazer duas conexões, geralmente uma na Europa ou nos Emirados Árabes e outra na China.

A viagem é longa e cansativa, podendo durar até 35 horas, dependendo do trajeto escolhido. Algumas das companhias que você pode buscar voos combinados que te levem até Macau são Air China, Qatar Airways, Etihad Airways, Emirates e TAP.

O Aeroporto Internacional de Macau, situado na Ilha de Taipa, tem uma pista de pouso que é como um braço no meio do mar, o que dá a impressão de estar aterrissando em cima d'água. A 5 km do centro de Macau, o aeroporto é conectado por rotas de ônibus de transporte público, táxis, carros particulares e serviços regionais de ônibus.

Se você já estiver na China ou em Hong Kong, o acesso para Macau é mais variado, já que você terá outras formas para chegar, como de barco, carro, ônibus e até a pé! No entanto, os meios mais comuns entre os turistas são barco e ônibus. O principal porto é o Terminal Marítimo de Macau, que possui barcos que fazem a rota Macau-Hong Kong.

Há ainda um terminal de ferry no cais 11 que é mais próximo do centro da cidade de Macau e é possível chegar nele a pé. De lá saem barcos que vão para outras regiões da China, como Shenzhen, Jiangmen e Wanzai. Também existe um serviço de balsa que serve Taipa, Cotai e Coloane e tem conexão com Hong Kong e Shekou.

Se prefere uma viagem terrestre, você pode fazer o trajeto de ônibus a partir de Guangzhou. O ônibus irá parar nas Portas do Cerco, a entrada de Macau. Você também pode optar por um ônibus em Shenzhen e em Dongguan (província de Guangdong).

Vida noturna

Nos últimos anos, Macau tem se tornado um destino para quem quer curtir a vida noturna, sobretudo para aqueles que adoram apostas e jogos. Conhecida como a “Vegas da China”, diversão durante a noite é o que não falta, principalmente dentro dos muitos cassinos. Porém, cada vez mais a cidade tem variado sua noite e hoje oferece entretenimento para todos os estilos e bolsos.

Macau está evoluindo e a cena de casas noturnas e pubs está cada vez mais emergindo dentro da cidade. Alguns clubes conhecidos internacionalmente, como a Pacha, hoje podem ser encontrados no destino. Se você está atrás de festa, não se preocupe, pois lá não há como ficar entediado!

Para aqueles que procuram algo no meio do caminho de badalação e algo descontraído, também há muitas opções. O China Rouge é uma delas. O estilo único desse bar-balada celebra o glamour da antiga Xangai, com obras de arte contemporâneas e uma decoração oriental glamourosa. É um lugar bastante interessante para conhecer na noite de Macau.

Se deseja relaxar enquanto prova um drinque, o Sky 21 é o lugar certo. No topo de um arranha-céu no centro da cidade, é a para certa para descansar de pois de um dia de turismo, comer e ouvir música ao vivo. Com uma vista impressionante para a cidade, o mar, o continente e o céu, é aquele local que pode ser aproveitado do fim da tarde até à noite.

A noite pelos bares de Macau se encontra em Lan Kwai Fong, onde há diversos bares próximos um do outro. A maior concentração fica em uma área conhecida como Docas, na Avenida Dr. Sun Yat Sem. Ali você encontrará uma série de locais bastante discretos, mas animados. O V Bar e Bar One são apenas alguns dos mais famosos.

Se você prefere uma noite mais tranquila, não deixe de ir a um clássico karaokê, que é bastante popular e garante uma boa diversão. Você ainda pode ter uma noite à moda portuguesa. Os edifícios coloniais têm sido cada vez mais restaurados para funcionarem como restaurantes e bares. Muitos deles dispõem de um cardápio com uma seleção invejável de vinhos do Porto. Um lugar imperdível é o Fernando’s, um bar português que tem uma área aberta aconchegante e uma atmosfera despojada.