A celebração natalina é uma das datas mais tradicionais do mundo e geralmente serve para reunir a família, trocar presentes, fazer preces e comer muito. Mas se dessa vez você está a fim de alguma coisa diferente, confira nossas dicas do que fazer e para onde ir no Natal. Sim, as luzes também brilham fora da sua zona de conforto!

Vá para Gramado

A charmosa Gramado, no Rio Grande do Sul, tem uma das atrações natalinas mais bacanas no Brasil. Chamado de Natal Luz, o evento reúne espetáculos inspirados na Disney, além de decoração iluminada por toda a cidade. Falamos muito mais sobre ele neste post.

Outra atração fantástica, especialmente para as crianças, é a Aldeia do Papai Noel, que além de estar repleta de bons velhinhos, conta com renas, trenó voador, empório, bosque, alojamento, mirante, pirâmide de Natal, praça da neve, árvore dos desejos, fábrica e museu de brinquedos, chalé dos ursos, chafariz, presépio, oratório, casa de miniaturas, trenzinho e monorail. A Casa do Papai Noel, em estilo bávaro, é uma das principais atrações. Quem não quiser ir nesta data, pode conhecer durante o ano todo.

aldeia-do-papai-noel

aldeia-do-papai-noel-gramado

 

Vá para Penedo

A pequena Penedo, no Rio de Janeiro, é conhecida pelo parque temático chamado Pequena Finlândia, aberto durante o ano todo. Replicando elementos típicos de uma cidade nórdica, conta com casas de madeira onde são abrigados alguns comércios, além da Casa do Papai Noel, onde a decoração natalina é mais forte, junto com um trenó de 1932, a fábrica de brinquedos, os correios, um teatro de arena e um salão para apresentações.

penedorj

Vá para Campos do Jordão

O espírito natalino invade a região montanhosa mais famosa de São Paulo. Entre 11 de novembro de 2016 e 06 de janeiro de 2017, a Vila de Natal entra em funcionamento e reúne chalés temáticos, decoração natalina, bonecos mecânicos, a casa do Papai Noel, e, é claro, a presença do bom velhinho. A programação inclui oficinas infantis, brinquedos, jogos, entre outros. Os ingressos custam R$ 15,00 para turistas.

natal-campos-do-jordao

Vá para Blumenau

Durante o final de ano, o parque Vila Germânica é invadido pela magia natalina.  O evento gratuito Magia do Natal resgata elementos da cultura europeia, reunindo atrações que se espalham pelas ruas. Anualmente, a programação inclui seis desfiles temáticos, desfile pet, desfile de bicicleta, carros alegóricos, Vila de Natal, cerimônia de acendimento das luzes da vila, casa do Papai Noel, oficina do Papai Noel, espaço da neve, presépio, árvore da solidariedade, pirâmide de natal, feira de artesanato, oficina de pintura de biscoitos, cerimônia de advento, Pelznickel (Papai Noel do mato), passeio de trenzinho, espaço gastronômico, minicidade, entre outras.

magia-de-natal

Vá para São José dos Pinhais

Dentro da região metropolitana de Curitiba, a cidade se enche de turistas e paranaenses durante o mês de dezembro por conta da Casa do Papai Noel. Montada anualmente numa área de cerca de 7,5 mil m², a atração conta não só com a presença do bom velhinho, mas apresentações culturais e musicais, barracas de alimentação, artesanato e presentes. A entrada para pessoas acima dos 60 anos e crianças até 12 anos é gratuita, enquanto os demais pagam apenas R$ 5,00. Confira a programação no site da Prefeitura.

casa-do-papai-noel-sjp

Visite a terra do Papai Noel

Tudo indica que a verdadeira origem do bom velhinho é da Lapônia, na Finlândia. É exatamente em Rovaniemi, a 900 km da capital Helsinque, onde fica uma das principais atrações do país, a Aldeia do Papai Noel (Santa Claus Village), que é supostamente o lar deste personagem que cativa as crianças e até os adultos há tantos anos.

Em meio a neve, é lá que chegam cerca de 700 mil cartas de pessoas ao redor do mundo, pedindo seus presentes. Com entrada gratuita, a vila reúne muitas luzes, passeios de rena, o autêntico Papai Noel – disponível para fotos, loja de souvenires, restaurantes, hotéis e um museu. Nos arredores também está o  Santa Park, um parque de diversões temático.

papai-noel-laponia

aldeia-do-papai-noel-na-finlandia

Conheça as luzes do outro lado do mundo

Viajar para relaxar e conhecer o Natal em outros lugares parece uma boa estratégia, não? Em Nova York, dá para conhecer a famosa árvore natalina montada no Rockefeller Center desde 1933, além de se divertir nos rinques de patinação no gelo. Outra ideia interessante é ir até Orlando e ver a magia da data florescendo no parque Disney Magic Kingdom, que prepara várias atrações especiais nesta época.

Em Vancouver, a decoração toma conta de toda a cidade, que fica maravilhosamente iluminada, especialmente os parques e praças. Na Alemanha, a cidade de Essen costuma atrair muita gente no Natal e investe em mais de 50 mil luzes para a ocasião, além de oferecer feiras e apresentações teatrais. O mesmo acontece em Munique, uma das que mais entram no ritmo natalino e tem um clima bastante festivo por suas ruas nesta época do ano.

Na Dinamarca, quem vai à Copenhagen consegue desfrutar de um Natal bem bacana, especialmente no Parque Tivoli, conforme mostramos neste post. Em Sydney, um show de luzes e projeções também encanta os turistas.

natal-na-disney

Que tal um passeio nos Mercados de Natal?

Durante o mês de dezembro, a Europa é tomada pelos típicos Mercados de Natal, que infelizmente não migraram para o Brasil. Um dos principais e maiores do continente é o Weihnachtsmarkt de Stuttgart, em Schlossplatz (Alemanha), composto por 280 barracas que reúnem comidas, bebidas e artesanatos típicos, além de uma decoração natalina impecável. O de Munique não fica atrás, oferecendo 200 barracas e concertos diários.

Na Estônia, o  Mercado de Natal de Tallinn é um dos mais interessantes, porque a cidade é toda medieval e fica ainda mais bela com as luzes. Outros mercados imperdíveis são os de Paris, seja em Champs-Elysées, o da La Défense, o de Montparnasse ou o de Montmartre. Em Veneza Roma também acontecem feiras de rua natalinas, que incorporam todo o charme e delícias italianas.

mercado-de-natal

mercadodenatal009

Faça uma ceia diferente

Que tal mudar a ceia natalina neste ano? Para sair da mesmice, basta mudar alguns elementos simples do seu Natal, incrementando, por exemplo, alguns costumes vindos do outro lado do mundo. Na ceia portuguesa, por exemplo, não pode faltar bacalhau, ovos, batatas cozidas e repolho. Frutos do mar como lula, bacalhau, anchovas e moluscos incrementam a cerimônia na Itália, onde também incluem massas durante a ceia.

Na Argentina, uma das atrações na mesa é a Vitela ao molho de atum. Na Índia, o Biryani, composto por arroz basmati e especiarias como cardamomo, cominho, pimenta, açafrão e hortelã, é feito em ocasiões especiais.

biryani

Fuja do Natal

Você também pode fugir do Natal, caso a data não te agrade ou se apenas está de saco cheio da mesmice. No Japão, por exemplo, apenas 1% da população é cristã, então as festividades, ainda que existam, são mais amenas por lá. O mesmo acontece em demais países onde outras religiões são mais fortes e têm suas próprias celebrações ao longo do ano, como no Butão, Turquia, Egito, Indonésia, Vietnã, Tibet, Tailândia, China e, por fim, Israel, onde se celebra, na verdade, o Hanukah. No Brasil você pode optar por um retiro espiritual, por exemplo.

visakha-bucha

Faça boas ações 🙂

Anualmente, a agência dos Correios organiza a campanha Papai Noel dos Correios, ação social em parceria com escolas na qual são divulgadas cartas de várias crianças, supostamente enviadas ao bom velhinho, fazendo seus pedidos.

Qualquer pessoa pode apadrinhar uma cartinha, retirada nas agências, e realizar o sonho de uma ou várias pessoas – prioritariamente selecionadas pela rede pública de ensino, além de creches, abrigos, orfanatos e núcleos socioeducativos – que aguardam ansiosamente por seus presentes. Às vezes, uma simples bola é capaz de multiplicar a felicidade de alguém, além de aquecer o seu coração.

Existem ainda muitas outras instituições que fazem ações do tipo, então escolha a sua e faça o Natal de alguém brilhar mais.

Foto: Marcelo Camargo/ABr
Foto: Marcelo Camargo/ABr

Post por Brunella Nunes
Fotos: divulgação