Só você, o rio Sena e a Torre Eiffel. O cenário já fez parte dos sonhos de praticamente qualquer viajante e tirou o sono de muitos durante a espera para conhecer a tão famosa Cidade Luz. Sim, Paris é tudo isso e mais um pouco!

A capital da França tem pouco mais de 2 milhões de habitantes, o que faz dela uma cidade não tão grande que faria alguém se perder, nem tão pequena para se conhecer a pé. Isso, por sinal, não será preciso, já que Paris conta também com um dos melhores sistemas de transporte público do mundo.

Leia Mais

Dizem até que é possível encontrar uma estação de metrô a cada 500 metros caminhados por lá - e não custa nada descobrir se isso é verdade ou lenda enquanto desbrava um pouco do charme desta romântica capital europeia.

Mesmo que o metrô seja ótimo, não deixe de aproveitar tudo o que puder na superfície da cidade. Um passeio rápido levará você a conhecer alguns dos principais pontos turísticos do mundo, incluindo a belíssima Torre Eiffel, a catedral de Notre-Dame de Paris, a paisagem cortada pelo rio Sena e o exuberante Arco do Triunfo, inaugurado em 1836 em comemoração às vitórias de Napoleão Bonaparte.

Quando cansar de passear pela cidade, será hora de desfrutar de um autêntico café parisiense, de preferência acompanhado de um macaron, doce típico do país que é puro luxo! Por sinal, a gastronomia francesa não deixa a desejar em nenhum momento e poderá ser apreciada em restaurantes estrelados ou pequenas cantinas espalhadas pelo bairro latino (ou Quartier Latin), que ganhou esse nome por ter uma grande concentração de universidades e escolas - o estudo na região era realizado em latim durante a Idade Média. 

Aproveite e esqueça a ideia de que os franceses não gostam de dar informações: é possível encontrar pessoas muito bem dispostas e prontas para ajudar você a chegar onde for preciso. Mesmo sem falar uma palavra de francês, será possível aproveitar a estadia, já que a maior parte das grandes lojas, restaurantes e serviços turísticos oferecem atenção em outros idiomas, como inglês e espanhol.

Então esqueça a barreira linguística e deixe-se levar por todos os encantos desta Cidade Luz, aproveitando cada cantinho, sem nunca esquecer de parar para observar até mesmo os pequenos detalhes que completam o charme da cidade, como seus edifícios antigos que remontam à Belle Époque francesa. Você vai ver que é impossível não se apaixonar por Paris!

Como chegar

O acesso a Paris pode ser feito principalmente através de seus três aeroportos: o principal deles é o Aeroporto Charles de Gaulle, localizado a 23 quilômetros da cidade, destino dos voos intercontinentais que chegam à França. É de lá que partem voos diários com destino ao Brasil operados pelas companhias Air France e Latam. Para ir até a região hoteleira, você pode pegar um ônibus ou o trem RER B, que liga Paris ao aeroporto em cerca de meia hora. Os táxis do aeroporto também são uma opção bastante confiável, apesar de normalmente mais cara.

Quem viaja entre cidades europeias pode descobrir que seu voo tem como destino os aeroportos de Orly, a 14 quilômetros de Paris; ou Beauvais, a 85 quilômetros da cidade. Se chegar por Orly, a oferta de transporte até Paris costuma ser ótima, contando também com uma variedade de opções de ônibus e trens para realizar o trajeto. No caso do Aeroporto de Beauvais, usado por companhias aéreas low cost, a melhor opção costuma ser usar o ônibus que liga o aeroporto à cidade em cerca de 1 hora - não há outra opção de transporte público disponível e um táxi entre os dois pontos é bastante caro.

Quem já estiver no Velho Continente também pode optar por pegar um trem até Paris. A cidade conta com 8 estações sendo que a mais conhecida delas e também a mais movimentada da capital francesa é a Gare du Nord, que recebe cerca de 180 milhões de passageiros por ano.

Vida Noturna

Parada obrigatória da vida noturna em Paris é o Moulin Rouge. Não precisa nem entrar no local: a vista da fachada já dá aquele gostinho de missão cumprida. Além disso, a região oferece diversos bares e restaurantes próximos para quem pretende apreciar um bom vinho e uma refeição sem precisar arcar com os valores dos caríssimos ingressos da atração.

Mas é claro que há muitas outras surpresas escondidas em Paris ao cair da noite. Cada bairro aqui acaba sendo famoso por suas tribos. Marais é o lugar da comunidade LGBT se encontrar, enquanto o Quartier Latin e a região de St-Germain-des-Prés são famosos por uma boemia mais cult, formada por estudantes universitários e intelectuais. Já os bares e restaurantes de Champs-Élysées têm um foco maior no requinte - e, por isso mesmo, também costumam ser mais caros, atraindo uma clientela mais sofisticada; enquanto a Bastilha é um local de encontro informal e cheio de estilo.

O lado bom é que você não precisa gostar de todos, nem mesmo se dar ao trabalho de visitar aqueles lugares que não encaixam muito bem com o seu estilo. Afinal, com tanta opção, o melhor pode ser mesmo procurar o seu grupo para conhecer a cidade em ótima companhia. Apesar disso, uma dica que encanta qualquer turista é fazer um passeio noturno de barco pelo Sena. A saída costuma ser próxima da Torre Eiffel e existem opções que incluem brinde de champanhe e até mesmo jantar. Imperdível!

  • População 2.244 milhões

  • Hora local 21:21

  • 1 Euro R$ 3,74

  • Temperatura local 17.57º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para Paris

Atrações turísticas em Paris

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Paris

Hospedagem em Paris

menor valor maior valor
Hotel R$ 138,33 R$ 9.945,00
Albergue R$ 142,61 R$ 374,91
Apartamento R$ 202,65 R$ 3.696,54

Alimentação em Paris

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 23,53 € 6.30 a R$ 37,73 € 10.10
  • Almoço


    R$ 41,09 € 11.00 a R$ 70,60 € 18.90
  • Jantar


    R$ 56,03 € 15.00 a R$ 112,06 € 30.00