É complicado escolher o que fazer em Bangkok porque a variedade de atrações é enorme e a vontade de conhecer tudo mais ainda. Talvez a primeira coisa a ser notada são os tuk-tuks, triciclos motorizados com cabine, que funcionam como táxis no trânsito caótico e têm um preço dos mais atraentes. Mas cuidado, pois não são...

Leia Mais

Atrações turísticas em Bangkok

Guia Bangkok

É complicado escolher o que fazer em Bangkok porque a variedade de atrações é enorme e a vontade de conhecer tudo mais ainda. Talvez a primeira coisa a ser notada são os tuk-tuks, triciclos motorizados com cabine, que funcionam como táxis no trânsito caótico e têm um preço dos mais atraentes. Mas cuidado, pois não são a forma mais segura de circular pela cidade.

Os táxis oficiais são bem baratos, só não se esqueça de negociar um valor antes da corrida ou pedir para que liguem o taxímetro. Existe ainda o metrô e o Skytrain, sistema moderno e eficiente que funciona entre 6h e 0h

Não deixe também de fazer longas caminhadas, porque a capital tailandesa é surpreendente em cada esquina. Entre as grandes atrações com arquitetura de cair o queixo estão a antiga residência real, o Grande Palácio, e os templos budistas, como Wat Phra Kaew e Wat Pho, lugares sagrados cheios de energia, beleza e história.

Entre as ruas mais importantes, é legal dar um pulo em Chinatown, avenida repleta de lojas, em especial com itens de ouro, e Kao San Road, que reúne hotéis e hostels de baixo custo, tornando-se um antro de mochileiros do mundo todo. Além disso, fica animada à noite com seus bares e restaurantes superanimados.

Para conhecer ainda mais o comércio local, visite as avenidas Sukumvit Road e a Siam Square, e ainda o Mercado Chatuchak, que é simplesmente um dos maiores a céu aberto do mundo e o maior da Tailândia, reunindo mais de 15 mil barracas dispostas a pechinchar os preços. O Mercado Flutuante Damnoen Saduak é outro ponto turístico de peso, onde dá pra fazer compras percorrendo os canais de canoa.

Se quiser curtir as famosas praias paradisíacas, como Phi Phi, ilha isolada onde não circulam carros, e Phuket, que possui aeroporto, reserve alguns dias, pois não ficam tão próximas à capital, mas valem muito a visita.

Quando a noite cai, a vida noturna pulsa freneticamente. O entretenimento adulto fica nas áreas de Nana Plaza e Pat Pong, onde se encontram shows dos mais exóticos. Já as baladas ficam entre os quatro quarteirões de Royal City Avenue, enquanto os bares se reúnem em Sukumvit Road.