A maior cidade da Escócia, Glasgow, tem atributos que encantam todos que chegam à cidade hospitaleira e cheia de estilo. A cidade é uma das mais visitadas do Reino Unido, vencedora dos títulos de Cidade Europeia da Cultura e Cidade Europeia da Arquitetura & Design. Seus museus e galerias de arte estão entre os mais famosos do mundo. Além disso, foi...

Leia Mais
  • População 598.83 mil

  • Hora local 12:30

  • 1 Libra esterlina R$ 4,93

  • Temperatura local 7.02º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para Glasgow

Atrações turísticas em Glasgow

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Glasgow

Hospedagem em Glasgow

menor valor maior valor
Apartamento R$ 66,52 R$ 5.964,30
Hotel R$ 147,81 R$ 554,30
Pousada R$ 155,24 R$ 1.276,40
Albergue R$ 172,49 R$ 236,55

Alimentação em Glasgow

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 23,65 £ 4.80 a R$ 38,43 £ 7.80
  • Almoço


    R$ 26,95 £ 5.47 a R$ 43,80 £ 8.89
  • Jantar


    R$ 37,83 £ 7.68 a R$ 61,48 £ 12.48

Guia Glasgow

A maior cidade da Escócia, Glasgow, tem atributos que encantam todos que chegam à cidade hospitaleira e cheia de estilo. A cidade é uma das mais visitadas do Reino Unido, vencedora dos títulos de Cidade Europeia da Cultura e Cidade Europeia da Arquitetura & Design. Seus museus e galerias de arte estão entre os mais famosos do mundo. Além disso, foi nomeada pela Unesco como a Cidade da Música.

Os museus e galerias de arte são só o pano de fundo para um cenário cultural agitado, repleto de mostras e exposições de grandes artistas, shows variados, concertos de primeira, óperas e balé, tudo enlaçado por uma atmosfera de agitação e constante transformação.

A cidade chega a realizar cerca de 130 eventos por semana segundo estimativas. Então a visita é a garantia de curtir um festival, clubes de bandas de rock ou apresentações nos animados pubs espalhados pelos seus bairros mais boêmios. O ilustre Glasgow Royal Concert Hall já recebeu shows de diversos ídolos mundiais e os apaixonados por atrações eruditas também encontram apresentações de ballet clássico e os tradicionais concertos.

A arquitetura de Glasgow vai do vitoriano ao neoclássico, com toques pitadas aqui e ali de desafiadoras obras contemporâneas, como o Clyde Auditorium e a Cidade das Ciências.

Para quem gosta de uma grande cidade, Glasgow tem tudo que se espera. Ainda que Edimburgo seja a capital da Escócia, Glasgow é uma cidade mais moderna, com muitas opções de pubs e bares. Explorar os animados pubs da West End ou da Merchant City, ouvindo as conversas sobre futebol, política, economia ou fofocas sobre o mundo das celebridades, é um programa que não pode faltar no roteiro.

A cidade é dinâmica e cosmopolita, e também o destino de compras favorito dos escoceses. O Golden Z é a meca das compras, ao longo das ruas Argyle e da Buchanan, onde designers exclusivos e de massa estão ombro a ombro em um dos melhores distritos de compras do Reino Unido.

O verão, entre julho e agosto, oferece temperaturas em torno de 20ºC e é boa opção para aproveitar o período mais quente na Escócia. Já no início do ano, o inverno gera uma queda intensa na temperatura e os dias variam entre 10ºC e 0ºC.

Como não existem voos direto do Brasil pra Escócia, a maioria dos trajetos para o país passam por Londres ou também por qualquer outra cidade europeia. Dependendo da opção escolhida, é possível chegar em Glasgow somente de avião, ou então de avião, continuando o trajeto de ônibus ou trem.

Como chegar

Partindo do Brasil, não há voos diretos para Glasgow. As companhias aéreas KLM, LATAM Lufthansa são as principais empresas que realizam o trajeto desde as principais capitais brasileiras, porém, sempre com conexões em cidades europeias, como Madri, Londres e Amsterdã.

O aeroporto internacional de Glasgow está a cerca de 10km do centro da cidade. É considerado o segundo maior aeroporto da Escócia, depois do de Edimburgo. Para sair do aeroporto e ir até o centro, as melhores opções são ônibus, shuttle e táxi. Com o táxi você fará uma viagem rápida, porém, é a forma mais cara de se locomover. Os táxis se encontram logo na saída do terminal de desembarque.

O meio mais rápido e eficiente de chegar ao centro de Glasgow é pelo serviço expresso de ônibus, o Glasgow Shutlle. Este serviço funciona 24 horas por dia com um intervalo de 10 minutos entre cada viagem. O trajeto entre o aeroporto e o centro demora aproximadamente 20 minutos. Ao sair do hall de desembarque, você irá se deparar com os ônibus roxos. O ponto final do shuttle é o terminal rodoviário de Buchanan Street, mas ele faz paradas nas estações de trem de Glasgow Central e Glasgow Queen Street.

Uma forma ainda mais econômica de chegar ao centro da cidade é de ônibus de linha. A linha de número 747 conecta o aeroporto e o centro de Glasgow via Braehead e Partick Interchange. Embora seja mais barato, a desvantagem é que o percurso é mais longo, podendo durar quase 1 hora! No entanto, se você não estiver com pressa, pode considerar essa opção.

Se Glasgow não é o seu destino principal durante a viagem. Há outras formas de chegar partindo de outros destinos no Reino Unido. Por exemplo, partindo de Londres, há opções de voos comerciais com companhias aéreas low cost (de baixo custo), ônibus e trem. De Dublin, a melhor forma é através de voos comerciais low cost. Já de Edimburgo é ainda mais simples, pois basta um ônibus, um trem ou mesmo há a possibilidade de alugar um carro para visitar a maior cidade da Escócia!

Vida noturna

Glasgow tem uma vida noturna bastante vibrante, com inúmeras opções de entretenimento para todos os gostos. Como a cidade é bastante conhecida principalmente por sua cena musical, há diversos locais onde você pode assistir a um show de uma banda da cidade. Em qualquer dia da semana há apresentações de rock, indie, pop e outros estilos rolando nos principais pubs e casas de show de Glasgow.  

O Barrowland Ballroom, perto da Glasgow Cross, é, sem dúvida, a casa de shows mais famosa e respeitada da cidade. Vale conferir a programação para ter a experiência de conhecer esse local emblemático. Um bar bastante popular onde também rolam shows é o Nice 'n' Sleazy, em Sauchiehall St. Aberto até às 3h da manhã, há shows quase todas as noites da semana. Já no icônico King Tut's Wah Wah Hut, em St Vincent St, foi onde o Oasis e a banda favorita local, os Glasvegas, foram descobertos. Só por isso já vale uma visita!

Se você prefere outros estilos de música, como eletrônica, você pode ir noite adentro no The Arches, considerada uma das melhores baladas de techno do Reino Unido! Além de pista de dança, no ambiente há um pub, um restaurante e um espaço artístico. Outro ponto famoso na cena eletrônica é o The Tunnel, na Mitchell Street. É uma das principais casas noturnas de Glasgow e frequentemente recebe DJs de todo o mundo.

Uma vez em Glasgow, aproveite para curtir a noite como um verdadeiro local em seus clássicos pubs. O The Horseshoe Bar, na Drury Street, faz parte da vida noturna da cidade escocesa desde meados do século XIX. O bar tem uma decoração dramática e estranha e está sempre cheio! É um bom lugar para entrar em contato com a cultura local.

Para uma noite completa, no Òran Mór, uma antiga igreja paroquial transformada em um espaço multifuncional, você encontra entretenimento de sobra. O local abriga um pub, um restaurante, um teatro, uma casa noturna e um espaço para shows de música ao vivo e apresentações de comédia. É um lugar que agrega diversas atrações em um único lugar, então não tem erro!