Quando você começar a caminhar pelas ruas de Paraty pode sair com a impressão que o tempo parou.  Nascida entre a serra e o mar, no apogeu do Ciclo do Ouro, a moldura dessa bela pintura, que é a cidade, é formada por coloridos casarões coloniais, igrejas dos séculos 18 e 19 e ruas calçadas em pedras pés-de-moleque onde o tráfego...

Leia Mais
  • População 39.965 mil

  • Hora local 19:34

  • 1 Real R$ 1,00

  • Temperatura local 15.82º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para Paraty

Atrações turísticas em Paraty

Veja todos

Transporte em Paraty

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Paraty

Hospedagem em Paraty

menor valor maior valor
Pousada R$ 60,00 R$ 700,00
Albergue R$ 80,00 R$ 352,00
Apartamento R$ 96,00 R$ 600,00

Alimentação em Paraty

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 11,04 R$ 11.04 a R$ 18,84 R$ 18.84
  • Almoço


    R$ 23,40 R$ 23.40 a R$ 34,80 R$ 34.80
  • Jantar


    R$ 27,60 R$ 27.60 a R$ 42,00 R$ 42.00

Guia Paraty

Quando você começar a caminhar pelas ruas de Paraty pode sair com a impressão que o tempo parou.  Nascida entre a serra e o mar, no apogeu do Ciclo do Ouro, a moldura dessa bela pintura, que é a cidade, é formada por coloridos casarões coloniais, igrejas dos séculos 18 e 19 e ruas calçadas em pedras pés-de-moleque onde o tráfego de automóveis é proibido.

Mas, ao prestar mais atenção durante o passeio pelas suas ruelas o visitante vai descobrir uma cidade pulsante, charmosa com pessoas, sotaques e paladares do mundo inteiro. Um verdadeiro encontro entre tradução e modernidade. 

As ruas que são palco das festas religiosas são as mesmas onde os turistas se divertem e brincam durante o Carnaval. Também é o espaço onde os estrangeiros descobrem uma boa branquinha, no Festival da Cachaça. E especialmente um dos motivos que essa cidade é tão famosa:  é onde adultos e crianças se encantam com a com a famosa Festa Literária Internacional, a Flip. Além disso, a cidade ainda recebe a Paraty em Foco, que reúne fotógrafos de todo o país.

Tudo acontece em meio a vários bons restaurantes que oferecem cardápios sofisticados, dignos dos mais renomados chefs. As mesas ao ar livre com vista para as belas ruas da cidade maravilham qualquer turista.  Ao sentar-se para jantar, não deixe de brindar essa bela cidade com uma boa cachaça artesanal. As cachaças estão entre as melhores do país e será como beber um pouco da história dessa cidade.

Mas os atrativos ainda são muitos. Paraty abriga muitas praias e cachoeiras, além de quedas d´água que formam piscinas naturais perfeitas para banhos, como Pedra Branca e Tobogã. Para conhecer a bonita baía em o seu esplendor, a dica é realizar um passeio de barco, já que muitas praias e vilas só tem acesso dessa maneira ou por trilhas.

A cidade é o destino perfeito para quem deseja descansar, mas não quer necessariamente se desligar totalmente do mundo. Para conhecer todas as faces de Paraty, aposte em um roteiro abrangente que contemple desde uma imersão pelo Centro Histórico, passando pelo Caminho do Ouro, as cachoeiras, o Teatro de Bonecos e até um mergulho nas ilhas. Engana-se quem acha que conhece a cidade em um dia.

Paraty oferece passeios de barco e lancha, jeeps para visitar cachoeiras e alambiques, tours guiados pelo centro histórico, trekking, cavalgadas e até alguns bons roteiros de bike. Explore todas as possibilidades para chegar a cada cantinho desse pequeno paraíso. 

Como chegar

A cidade fluminense fica a uma distância similar do Rio de Janeiro (240km) e de São Paulo (270km), portanto o fluxo de turistas que decide conhecer essa pitoresca região litorânea vem em grande parte das duas maiores capitais brasileiras. Para aqueles que partem de regiões mais distantes ou de outros países, a melhor opção é fazer o primeiro trecho do percurso de avião, com pouso nos aeroportos do Galeão (RJ) e de Guarulhos (SP) preferencialmente, e depois fazer o resto do trajeto de ônibus ou de carro.

Para quem parte do Rio de Janeiro, a melhor rota acontece pela BR-101 (Rio-Santos). O percurso dura entre 3h30 e 4h, fato amenizado pelas belíssimas paisagens do litoral que entretém o turista e tornam a própria viagem de carro parte da experiência única de visitar Paraty. Já para aqueles que querem economizar, a opção mais viável é ir de ônibus. O trajeto entre a Rodoviária Novo Rio e a cidade tem entre 4h30 e 5h de duração e é feito em 13 horários diferentes pela companhia de viação Costa Verde.

Já para aqueles que tem São Paulo como ponto de partida, algumas são as rotas possíveis entre as duas cidades. O turista pode pegar a BR-116 (Dutra) até Guaratinguetá e, depois, a BR-459 na parte final da viagem. Outra possibilidade, também pela Dutra, é ir até Taubaté e depois pegar a BR-383 até Ubatuba no sentido de Paraty. O percurso dura em média 4h30. Já para quem quer ir de ônibus, a melhor opção é a partir da Rodoviária do Tietê com a Reunidas Paulista. O trajeto é feito 5 vezes ao dia pela companhia e tem duração média de 6h.

Há outros trajetos partindo de cidades relativamente próximas a Paraty, como Ubatuba, Visconde de Mauá, Angra dos Reis e Petrópolis, então consulte os sites das companhias de ônibus para fazer o percurso mais rápido e assertivo!

Vida noturna

Com a capacidade de reunir história, cultura e belezas naturais em um mesmo lugar, a cidade fluminense é ponto de encontro de turistas dos mais variados estilos e nacionalidades. Para quem não dispensa uma saída após o cair do sol, a região conta com diversos restaurantes que oferecem excelente comida, além de bares que tocam música ao vivo hospedados em casarões coloniais do século 18. O elo fraco fica por conta das baladas, que não são o forte da área. Por todas as suas características, Paraty tem uma vida diurna muito maior, mas o viajante mais agitado ainda conta com algumas opções interessantes (mesmo que elas não sejam tão variadas assim).

A referência de noite por lá fica a cargo do Paraty 33, que abre suas portas ainda durante o almoço como restaurante. Já no cair da tarde, o local se transforma em um ótimo lugar para fazer um after depois da praia, com mesinhas em frente a grandes janelas onde é possível tomar um chopp gelado e acompanhar o movimento da rua. No período noturno é possível jantar no estabelecimento e, mais tarde, quando a maioria dos locais já encerrou suas atividades, a casa se transforma em uma balada com música ao vivo e muitos turistas.

Já para aqueles que querem beber uma boa cerveja, de preferência em mesinhas dispostas na rua, a boa pedida são os bares perto da igreja matriz. Colados um no outro, eles garantem uma opção mais descontraída para aproveitar a noite. O destaque fica por conta do Sarau, que assim como o Paraty 33 tem música ao vivo. Ainda na região da igreja matriz está o corredor do álcool e suas barraquinhas de drinks. Lá o viajante pode conseguir bebidas a preços convidativos, o que faz dessa opção bastante democrática.

A cidade conta ainda com restaurantes incríveis, como o Margarida Café, que inclusive atrai artistas brasileiros famosos. Vale dizer que a gastronomia de Paraty é de altíssimo nível, então sair para jantar é um verdadeiro passeio por lá. Mesmo que a opção seja um pouco mais família do que as demais, é uma ótima pedida para quem quer aproveitar a noite na cidade.