As praias da capital do Sergipe podem até não ser as mais badaladas do Nordeste. Em compensação, a cidade de Aracaju é de alto nível quando o assunto é infraestrutura, hospitalidade, variedade de atrativos e preços acessíveis.

A capital transita entre o ar de cidade do interior e a diversidade de uma metrópole. Monumentos...

Leia Mais
  • População 641.523 mil

  • Hora local 06:33

  • 1 Real R$ 1,00

  • Temperatura local 27º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para Aracaju

Atrações turísticas em Aracaju

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Aracaju

Hospedagem em Aracaju

menor valor maior valor
Albergue R$ 157,00 R$ 157,00
Pousada R$ 171,00 R$ 465,00
Apartamento R$ 185,00 R$ 765,00
Hotel R$ 199,00 R$ 659,00

Alimentação em Aracaju

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 11,04 R$ 11.04 a R$ 17,94 R$ 17.94
  • Almoço


    R$ 18,00 R$ 18.00 a R$ 25,42 R$ 25.42
  • Jantar


    R$ 21,36 R$ 21.36 a R$ 27,60 R$ 27.60

Guia Aracaju

As praias da capital do Sergipe podem até não ser as mais badaladas do Nordeste. Em compensação, a cidade de Aracaju é de alto nível quando o assunto é infraestrutura, hospitalidade, variedade de atrativos e preços acessíveis.

A capital transita entre o ar de cidade do interior e a diversidade de uma metrópole. Monumentos históricos afrontam edifícios modernos, feiras locais e grandes shoppings fazem a loucura de quem vai às compras, restaurantes regionais e contemporâneos disputam clientes, mar e rios convivem próximos. 

Um dos principais cartões-postais de Aracaju, a Orla Atalaia, esbanja seis quilômetros de atrações e garante muitos programas aos turistas. Considerada o maior centro de entretenimento e lazer de todo o Nordeste, o local reúne calçadão com ciclovia, quiosques, quadras poliesportivas, fontes luminosas, a maior pista de skate pública do país, área de ginástica, um oceanário que alegra crianças e adultos, praça de eventos, espaços culturais, entre outros vários atrativos que agradam a família toda. 

É por lá que fica também a Passarela do Caranguejo. O trecho tomado por bares e restaurantes oferece o melhor da cozinha regional: frutos do mar, carne-de-sol, pirão-de-leite e, claro, um delicioso caranguejo.

Se os focos forem história e cultura, o centro é cheio de edifícios históricos, como a Catedral Metropolitana. A arquitetura da cidade preserva os traços coloniais.

O premiado e interativo Museu da Gente Sergipana também merece uma visita. O espaço celebra a identidade do povo: as festas, praças, personagens ilustres, culinária, ecossistemas - tudo apresentado com muita tecnologia. No espaço dedicado aos repentistas, basta esperar a deixa e cantar a resposta sobre o tema proposto – e a gravação pode ser compartilhada na internet.

Já na segunda quinzena do mês de junho, o Forró Caju reúne milhares de turistas no maior evento da região. Na cidade cenográfica montada na Praça dos Eventos, as animadas quadrilhas fazem a alegria ao som das sanfonas, zabumbas e triângulos. Na Orla de Atalaia também há animação garantida, com o Forró do Povo.

Os aventureiros também têm boas opções em Aracaju: alugar um bugue é uma boa pedida para explorar as dunas, piscinas naturais e paisagens. Ou então, realizar passeios de barco pelos rios, que levam a belos cenários como a Croa do Goré e a Ilha dos Namorados 

Ainda vale lembrar que as belas cidades históricas de São Cristóvão e Laranjeiras estão a menos de 30 quilômetros de Aracaju. Os municípios guardam joias arquitetônicas coloniais, além de festivais folclóricos. Também nos arredores de Aracaju fica um dos cenários mais bonitos do Estado: o cânion de Xingó. O local pode ser desbravado a bordo de escunas e catamarãs, que cortam as águas verdes do ilustre rio São Francisco.

Como chegar

Partindo das principais cidades do Brasil, é possível chegar em Aracaju de avião, ônibus ou carro. Todas as companhias aéreas nacionais realizam voos para a capital de Sergipe, como Latam, Gol, Azul e Avianca. Os voos chegam no pequeno Aeroporto Internacional Santa Maria, a cerca de 10km do centro da cidade.

Para sair de lá, há diversas formas. Como a distância é curta até o centro, fazer o trajeto de táxi pode valer a pena. Na área de desembarque, há desde cooperativa de táxis, como a Comtaju, até táxis particulares.

Se prefere economizar nesse percurso, uma alternativa é pegar o ônibus 008, que para na Avenida Senador Júlio César Leite, em frente ao aeroporto, e vai até a orla, na Avenida Santos Dumont. O trajeto leva cerca de 20 minutos.

Se escolher viajar de ônibus para Aracaju, saiba que há duas opções de rodoviárias. O Terminal Rodoviário Luiz Garcia, conhecido como a Rodoviária Velha, é mais central, porém, além de se encontrar em piores condições, é mais usado para viagens dentro do estado. Dependendo de onde você vem, irá desembarcar nele.

Já o Terminal Rodoviário de Governador José Rollemberg Leite, chamado de Rodoviária Nova, está mais distante do centro, mas é a rodoviária de onde chegam e partem ônibus de vários lugares do Brasil. Além disso, é a que conta com uma infraestrutura um pouco melhor, devido à revitalização pela qual passou recentemente.

Se a viagem for realizada de carro, você acessará uma das rodovias federais que chegam em Aracaju. Partindo sul e sudeste, a BR 101 é a principal estrada que leva à cidade e a outras áreas do Nordeste. Já a BR 235 é uma rodovia transversal que vai de Aracaju ao Pará. Essa é uma estrada bastante complicada, o que exige muita atenção do motorista.

Vida noturna

Se apenas quiser um passeio sem compromisso durante a noite, a orla da cidade se torna iluminada, permitindo que você continue aproveitando o calçadão e os restaurantes à beira-mar depois que o sol se põe. No entanto, Aracaju oferece uma grande variedade de coisas para fazer e lugares para ir depois de um dia na praia, especialmente locais para curtir o forró local.

Se comparar com outras capitais do Brasil, Aracaju é uma cidade menos agitada, mas ainda assim possui diversas opções de diversão à noite. A área mais movimentada da cidade é a Orla do Atalaia, onde você vai encontrar restaurantes, bares e casas noturnas que ficam abertos até de madrugada.

Você pode começar sua noite pela Passarela do Caranguejo, uma área da cidade que possui muitos restaurantes de frutos do mar e bares que tocam desde o reggae ao rock. Situada logo após os Arcos da Orla de Atalaia, é o local imperdível para quem está visitando Aracaju!

Para quem gosta de forró, a capital de Sergipe é o lugar certo. Na Av. Santos Dumont, está a Casa de Forró Cariri, uma das mais famosas do Nordeste! Além de ter a oportunidade de provar a culinária local e entrar no clima da cidade através da decoração típica, você poderá aprender a dançar esse ritmo que é o símbolo da região.

Para tomar uma cerveja e relaxar, o Chopp 13 é um ótimo local. Localizado na Avenida Beira Mar, conta com música ao vivo e é aquele lugar perfeito para sentar, bebericar e aproveitar a atmosfera descontraída da vida noturna sergipana. O bar também é ponto de encontro para o esquenta antes de uma noite longa pelas baladas da cidade.

E se a ideia é cair na noite, a casa noturna Live pode ser uma boa opção. Está localizada em uma rua adjacente à Orla de Atalaia, onde toda a agitação de Aracaju se reúne para badalar. Na casa noturna, há uma grande área ao ar livre para desfrutar da noite quente da cidade. O interior conta com duas pistas de dança. Outras casas noturnas bem famosas em Aracaju são a Excalibur e a Etnia Music Bar.