O principal ponto de partida para explorar o Deserto do Atacama é o pequeno vilarejo de San Pedro de Atacama, no norte do Chile. O povoado fica a 2.450 metros de altitude e a cerca de 100 km de distância de Calama, onde está localizado o aeroporto mais próximo.

Com chuvas escassas e uma paisagem árida comparável a atmosfera de Marte, San Pedro de Atacama é considerado o lugar mais seco do mundo e, mesmo assim, consegue atrair inúmeros turistas de diversos países. A explicação reside no seu misterioso e singular cenário de fundo. 

Leia Mais

O Deserto do Atacama, considerado o deserto mais seco do mundo, tem cerca de 105 mil km, e suas paisagens vão muito além das tradicionais dunas de areia. 

Os cenários são surpreendentes: lagos a 4 mil metros de altitude, formações rochosas esculpidas pelo vento, superfícies com aparência lunar, lagos em que não se afunda, sítios arqueológicos, deserto de sal e vida selvagem. O Atacama é palco de paisagens variadas e incríveis.

Vale lembrar, como um bom deserto, as noites na região são extremamente frias e chegam a temperaturas negativas.

Voltando ao pequeno povoado, mesmo com sua intensa atividade no turismo, ele não se entrega às modernidades e preserva ruas de terra e casinhas rústicas erguidas com adobe (barro socado), como faziam os primeiros atacamenhos que viviam na região.

E, embora o ambiente seja rústico, a vila tem bastante estrutura para seu tamanho. Alguns dos melhores hotéis do Chile residem em suas ruas e San Pedro está cheio de bons restaurantes. A Calle Caracoles, uma rua pequena e rústica no centro da cidade, é repleta de bares, restaurantes e lojinhas de artesanato local.

Na pequena cidade é possível contratar nas diversas agências turísticas passeios para chegas às atrações naturais mais interessantes, localizadas fora do setor urbano de São Pedro.

Partindo para a natureza selvagem e árida da região, as Gêiseres del Tatio, cercadas por mini vulcões que expelem água fervente, são uma boa dica. Na Cordilheira do Sal, os Valles de La Luna e de La Muerte são roteiros obrigatórios para qualquer turista que se preze. A geografia local lembra, segundo dizem, o solo lunar.

E já pensou em ver um lago de águas cristalinas, cheio de flamingos? Pois no Atacama isso é possível e esse cenário existe no Salar de Atacama. Um deserto de sal no Chile, o local tem um microclima diferente o que permite a paisagem deslumbrante. 

Como chegar

Trecho 1: Brasil – Santiago de avião

Não há voos diretos do Brasil para a cidade, então a primeira fase da sua viagem deverá ser procurar a melhor forma de chegar a Santiago, onde você deverá fazer uma conexão. Várias companhias aéreas fazem o percurso saindo de diferentes cidades brasileiras, como Latam, Gol, Avianca e Aerolíneas Argentinas, então você não deve encontrar dificuldades para achar boas opções. Essa também pode ser uma ótima oportunidade de conhecer a capital do Chile, uma vez que você necessariamente deverá parar na cidade para, então, seguir até o seu destino final.

Trecho 2: Santiago – Calama/San Pedro de Atacama de avião, ônibus ou carro

A segunda etapa da viagem deverá ser ir de Santiago a Calama, cidade que possui o aeroporto mais próximo a San Pedro de Atacama. São cerca de 2h de viagem aérea e você pode pesquisar as melhores opções de voos na própria Latam ou na Sky Airline.

Se o foco for economizar o máximo possível, há a possibilidade de chegar à região de ónibus. A empresa Pulmann Bus vai até Calama por cerca de 24 mil pesos chilenos. Há também uma companhia que vai diretamente para San Pedro de Atacama, a TurBus, por cerca de 25 mil pesos. Em ambos os casos, a viagem é barata, mas também bastante desconfortável e cansativa. São quase 24 horas de viagem, fato que já inviabiliza a possibilidade para a maioria dos viajantes que não contam com tantos dias assim.

Outra opção é alugar um carro em Santiago e ir diretamente para San Pedro no melhor estilo road trip. Lembre-se que nesse caso a viagem também é bastante cansativa, pois são mais de 1.600 km e 20 horas de percurso. Essa opção só é indicada para aqueles que realmente gostam desse tipo de aventura, pois o valor não sai barato e o motorista precisa ser bastante resistente.

Trecho 3: Calama – San Pedro de Atacama de transfer e carro

A melhor forma de chegar a San Pedro de Atacama a partir do aeroporto de Calama é via transfer. Você pode alugar o serviço no aeroporto por 12 mil pesos cada trecho. Caso contrate ida e volta juntos, o segundo percurso sai por 10 mil pesos. Vários guichês de companhias ficam disponíveis, então não é preciso contratar o serviço com antecedência.

Outra opção é alugar um carro no aeroporto e explorar a região por conta própria. Nesse caso, só opte por esse tipo de transporte se você já conhecer bem a região e essa não for a sua primeira viagem para o Atacama. Os passeios ficam em regiões bastante afastadas, onde GPS e telefone celular não funcionam, o que torna essa escolha bastante arriscada.

Vida noturna

Assim como grande parte dos lugares mais exóticos do planeta, San Pedro de Atacama não é um destino conhecido por sua agitação. De qualquer forma, por receber muitos mochileiros e turistas ao ano, a vila conta com algumas boas opções de bares e restaurantes para aqueles que querem recarregar as energias e sair para ver gente.

Grande parte da badalação de San Pedro acontece na Calle Caracoles, principal rua da cidade, assim como nas suas imediações. Lá que estão os estabelecimentos mais famosos – e também mais caros – da região! Vale lembrar que no Atacama as leis são diferentes e podem causar estranheza aos brasileiros, mas é bom ficar por dentro para não ser pego de surpresa.

A primeira regra é que por lá você precisa pedir comida sempre que quiser beber algo. Em 90% dos estabelecimentos do Atacama é impossível “sair para beber”, pois ficar bêbado é fora da lei. Por este motivo, sempre que for beber algo, você deve pedir algum prato salgado, justamente para não ser convidado a se retirar do lugar (que, inclusive, paga multa se os carabineros – a polícia local – encontrarem alguém bêbado em seu interior). Uma das exceções é o ChelaCabur, um bar com decoração de futebol, que permite aos clientes pedirem cervejas sem consumirem comida alguma.

Os estabelecimentos de San Pedro de Atacama também não possuem alvará de boate e, portanto, é muito difícil encontrar um lugar para dançar. Mesmo assim, alguns deles contratam DJs e trazem música ao vivo para animar a noite no deserto mais árido do mundo. O El Toconar conta com mesinhas ao ar livre e música ao vivo nas noites dos finais de semana, já o Lola conta com DJs e é uma ótima opção para os mais jovens que estão em busca de drinks e música animada.

Também é proibido fazer festas na região, mas essa lei é burlada todo sábado. Na cidade existem festas clandestinas – e, portanto, ilegais – que mudam de local a cada semana para despistarem os carabineros. São festas que geralmente acontecem no meio do deserto e são muito procuradas pelos mais jovens, que querem uma experiência única durante sua estadia por lá. Apesar de não serem muito divulgadas, justamente pelo seu caráter secreto, essas festas contam inclusive com transporte, mas você precisa encontrar algum guia de turismo ou nativo que te mostre o caminho das pedras até elas.

Para aqueles que só querem recarregar as energias, uma ótima opção é escolher bons restaurantes para jantar. Duas das casas mais procuradas na cidade são o Blanco, com seus pratos contemporâneos, e o Adobe, com sua tradicional fogueira ao ar livre. Fique atento: a maioria dos lugares fecha pontualmente a meia noite, com raras exceções, então não se atrase para jantar ou você corre o risco de dormir de barriga vazia.

  • População 1.938 mil

  • Hora local 12:56

  • 100 Peso chileno R$ 0,51

  • Temperatura local 14.01º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para San Pedro de Atacama

Atrações turísticas em San Pedro de Atacama

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em San Pedro de Atacama

Hospedagem em San Pedro de Atacama

menor valor maior valor
Albergue R$ 85,13 R$ 361,78
Hotel R$ 121,14 R$ 978,94
Apartamento R$ 261,92 R$ 664,63

Alimentação em San Pedro de Atacama

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 10,23 CLP 2000.00 a R$ 23,54 CLP 4600.00
  • Almoço


    R$ 20,47 CLP 4000.00 a R$ 63,71 CLP 12450.00
  • Jantar


    R$ 24,31 CLP 4750.00 a R$ 72,66 CLP 14200.00