O sistema de transporte possui uma extensa linha de metrô (chamado de Tunnelbana), que se integra com ônibus, trem e elétrico. As bicicletas estão disponíveis para aluguel e costumam ser o meio mais rápido para circular pelas regiões principais. Os táxis são caros e em pouca quantidade. Vale a pena checar o valor base num aviso em amarelo...

Leia Mais

Atrações turísticas em Estocolmo

  • Museu Vasa

    Museu Vasa

    Adultos kr130.00 R$ 54,93
    Ir para o site
  • Skansen - Museu ao ar livre

    Skansen - Museu ao ar livre

    Valor da entrada varia conforme o mês do ano.

    Adultos (Preço médio) kr195.00 R$ 82,40
    Crianças kr60.00 R$ 25,35
    Ir para o site
  • Palácio de Drottningholm

    Palácio de Drottningholm

    Adultos kr130.00 R$ 54,93
    Crianças 0-17 kr0.00 R$ 0,00
    Ir para o site
  • Museu Fotografiska

    Museu Fotografiska

    Adultos kr145.00 R$ 61,27
    Estudantes e Idosos kr115.00 R$ 48,60
    Ir para o site
  • Museu do grupo musical Abba

    Museu do grupo musical Abba

    Adultos kr250.00 R$ 105,64
    Criança 7-15 kr95.00 R$ 40,14
    Adicional áudio-guia kr20.00 R$ 8,45
    Ir para o site
  • Parque Gröna Lund

    Parque Gröna Lund

    Entrada Adultos kr120.00 R$ 50,71
    Ir para o site
  • Skyview

    Skyview

    Adultos kr150.00 R$ 63,39
    Crianças kr100.00 R$ 42,26
    Ir para o site
  • Museu Livrustkammaren

    Museu Livrustkammaren

    kr0.00 R$ 0,00
    Ir para o site

Guia Estocolmo

O sistema de transporte possui uma extensa linha de metrô (chamado de Tunnelbana), que se integra com ônibus, trem e elétrico. As bicicletas estão disponíveis para aluguel e costumam ser o meio mais rápido para circular pelas regiões principais. Os táxis são caros e em pouca quantidade. Vale a pena checar o valor base num aviso em amarelo na janela do passageiro.

A maior parte das atrações turísticas da cidade está entre os distritos de Norrmalm e Östermalm. Uma das grandes jóias de Estocolmo é o centro antigo, chamado de Gamla Stan, estabelecido por Vikings no século 13. É onde se encontram as construções históricas da época medieval, o Palácio Real Kungliga Slottet e a igreja Riddarholmskyrkan, espalhadas entre ruas estreitas, restaurantes, bares, livrarias, casas coloridas, hotéis não tão em conta e muitas pontes.

Para apreciar mais edifícios, vá até a Câmara Municipal, onde há a chamativa torre de 100 metros Stadshuset, com detalhes belíssimos e ao Palácio de Drottningholm, atual residência da realeza sueca. Salões com obras de arte e decorados jardins barrocos encantam os turistas.

Outra atração imperdível é o Museu Nacional da Suécia, às margens do rio Norrstrom, que carrega em seu acervo uma importante coleção de arte, com artistas renomados como Rembrandt e Boucher. Na ilha de Djurgården, não deixe de visitar o Museu Vasa, onde há um navio de guerra “Vasa”, afundado em 1628 e recuperado em 1961.

Já o Skansen, também em Djurgården, é um enorme museu à céu aberto, bem diferente dos demais. Revelando a cultura e a arquitetura sueca, possui até um zoológico onde vivem animais típicos do país, como ursos, lobos e alces.

A cidade esbanja magníficos parques em todo o seu território, sendo 26 ao todo na área urbana. Vale a pena visitar o Fjärilshuset, o borboletário sueco, o Hagaparken e o Rålambshovsparken, onde há belos lagos, e o enorme Parque Nacional Real Urbano, que reúne a fauna da cidade.

O inovador design sueco é um dos grandes trunfos do país, então não vá embora sem visitar as lojas, como a Ikea e a Åhléns City, maior loja de departamentos da cidade. A avenida Klarabergsgatan chega à principal área comercial da cidade e na região de Biblioteksstan, Stureplan e Norrmalmstorg. se concentram conhecidas lojas internacionais.

Se preferir se concentrar nas qualidades locais, não deixe de visitar Nordiska Kompaniet. com um andar inteiro dedicado ao artesanato regional, ganhando fama por conta dos cristais, além do maior mercado coberto de alimentos do país, Östermalmshallen.