San Jose é a terceira maior cidade da Califórnia em número de habitantes e a maior do Condado de Santa Clara, região onde fica o famoso Vale do Silício. A cidade conta com uma grande concentração de empresas de alta tecnologia e engenharia da computação. Não à toa, os residentes de San Jose são os que geram a...

Leia Mais
  • População 945.942 mil

  • Hora local 15:38

  • 1 Dólar americano R$ 3,71

  • Temperatura local 27.85º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para San José

Atrações turísticas em San José

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em San José

Hospedagem em San José

menor valor maior valor
Apartamento R$ 447,79 R$ 2.217,23
Hotel R$ 451,55 R$ 720,35

Alimentação em San José

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 31,19 $ 8.40 a R$ 75,74 $ 20.40
  • Almoço


    R$ 62,38 $ 16.80 a R$ 124,75 $ 33.60
  • Jantar


    R$ 80,20 $ 21.60 a R$ 147,03 $ 39.60

Guia San José

San Jose é a terceira maior cidade da Califórnia em número de habitantes e a maior do Condado de Santa Clara, região onde fica o famoso Vale do Silício. A cidade conta com uma grande concentração de empresas de alta tecnologia e engenharia da computação. Não à toa, os residentes de San Jose são os que geram a maior quantidade de patentes do Estados Unidos. 

O custo de vida é um dos maiores da Califórnia e dos Estados Unidos, especialmente devido ao custo de moradia. É em San Jose também que estão empresas de tecnologia como Apple, Yahoo e Google.

O inconfundível traço tecnológico da cidade logo fica evidente se você chega na cidade de avião. O turista já se depara com o Space Observer, um robô de 7,9 metros de altura, nas cores branco e cromo, que o recepciona no terminal B do ultramoderno Aeroporto Internacional de San Jose.  

No entanto, mesmo que você não conheça o grandalhão no aeroporto, encontrará muitas outras maneiras de experimentar um pouco da tecnologia nesse importante local do Vale do Silício. O centro é repleto de atrações importantes, como o super interativo The Tech Museum. Na cidade há ainda vários outros museus únicos, bairros animados, belos parques e excelentes restaurantes.

Fundada em 1777 como El Pueblo de San José de Guadalupe, San Jose é o antigo assentamento civil espanhol da Califórnia. Parques industriais, empresas de informática de alta tecnologia e empreendimentos habitacionais semelhantes se espalharam pela paisagem da cidade, assumindo o lugar onde as fazendas, ranchos e espaços abertos se espalharam entre a baía e as colinas circundantes. Na cidade, a tecnologia se encontra com a história espanhola e os edifícios modernos residem ao lado de prédios do século XIX meticulosamente restaurados.

Os fãs de história vão adorar as mansões antigas e o turista ainda pode conhecer a riqueza agrícola e as raízes étnicas impressionantes dessa área no History San Jose, centro de preservação da herança cultural local, situado no sul da cidade.

Como o centro do Vale do Silício, San Jose é um destino popular para turistas e viajantes de negócios. Os visitantes encontram muitas comodidades na área revitalizada do centro da cidade, incluindo lojas de renome mundial. Hotéis cinco estrelas e restaurantes elegantes espalham-se pelas ruas do centro e o cenário cultural ferve com e rivaliza com qualquer outra capital famosa. 

Como chegar

Infelizmente não há voos diretos das principais cidades brasileiras para o município norte-americano. Nesse caso, o turista deverá encarar ao menos uma conexão nos Estados Unidos para chegar ao seu destino final. Para quem vai a negócios ou pretende ficar apenas na região do Vale do Silício, a melhor opção é o Aeroporto Internacional de San Jose (SJC), situado a 4km da cidade e com tráfego aéreo em torno dos 12 milhões de passageiros ao ano.

Para ir de lá ao centro da cidade, o viajante poderá pegar a linha 10 de ônibus do VAT (Valley Transportation Authority), que liga ambos os terminais do hub aéreo a estações de trem. Os ônibus são gratuitos e partem de 20 em 20 minutos entre as 5h30 e 23h30. É possível também usar táxis, que apesar de serem mais caros são bastante confortáveis.

Já para aqueles que pretendem conhecer outras regiões da Califórnia, o Aeroporto Internacional de São Francisco (SFO) também surge como boa opção. Isso porque o turista poderá pegar um BART (Bay Area Rapid Transit) e chegar diretamente ao centro de SanFran, onde poderá fazer os seus passeios.

Depois, para conhecer San José, que fica a 80km de distância de SF, o turista poderá usar os trens do Caltrain ou ainda poderá alugar um carro. Essa opção é bem favorável, pois permitirá mais flexibilidade durante a viagem. Se a sua intenção é conhecer diversas empresas do Vale do Silício, essa é a melhor alternativa, pois nem sempre uma sede fica próxima à outra. Além dos serviços tradicionais de locação de veículos como a Hertz, Avis e Dollar, em San Francisco o turista conta com aplicativos como o ZipCar, GetAround e Turo, mais especializados em pequenas distâncias. Pesquise os preços, pois como esses aplicativos cobram por horas de uso e não diárias, eles podem acabar valendo mais a pena.

Vida noturna

Não é só de tecnologia que vive a cidade californiana. Caracterizada por abrigar muitos jovens que trabalham no Vale do Silício, a cidade também garante diversão para essa galera ávida em programar, mas também badalar após o horário comercial. Por conta das características do município, a atmosfera boêmia que paira em San José é mais sofisticada e requintada, trazendo consigo preços também mais altos.

Na Rua San Pedro estão alguns dos melhores e mais animados bares da cidade. Por lá você poderá tomar uma cerveja artesanal, além de pedir porções deliciosas para acompanhar. Destaque para a San Pedro Square Market, bem no coração da cidade, que traz um mix de tudo: pizza, comida latino-americana, sushi, cachorro-quente, etc. Mas se você está confuso e não sabe direito para onde ir, talvez seja legal deixar o seu itinerário nas mãos (ou melhor, nos pés) da San José Brew Bike. Isso porque eles prepararam um tour em uma bike coletiva, com cerca de 10 pessoas, para fazer uma imersão nos bares da área. Já se você é fã dos destilados, a boa pedida é tomar um whisky no Five Points Bar, batizado em homenagem à região de Nova York.

Em Paseo também aparecem muitas opções de bons restaurantes e casas noturnas, assim como bares no estilo lounge. A maior concentração fica entre a S 1st Street e a S 2nd Street, limitadas pela E Santa Clara Street e a W Fernando Street.

Já no West Wind Capitol Drive-in você poderá assistir a um filme no melhor estilo drive-in americano. Se a sua ideia é ter uma experiência característica e bem americana, esse com certeza deve ser um passeio a ser cogitado! Enquanto isso, o Santana Row disponibiliza mais de 50 lojas e 30 restaurantes. É uma opção bem interessante, pois garante variedade ao viajante.