A capital vietnamita está em constante evolução, mas isso de forma alguma minimiza os múltiplos encantos que o local apresenta para os mais distintos perfis de turistas. Com influência tanto oriental como ocidental, a cidade asiática expressa em sua arquitetura o tradicionalismo do Vietnã misturado aos edifícios de origem francesa. Isso garante à região um chame todo especial e único que encanta os viajantes que por lá passam!

Assim como grande parte das cidades turísticas, o centro de Hanói é o local mais próximo à maioria dos pontos de interesse procurados pelos viajantes. Por isso, as áreas mais indicadas para quem vai à capital do Vietnã são as que ficam nas imediações do centro histórico, seja pela quantidade de opções de hospedagem, seja pela proximidade com os principais monumentos históricos.

Abaixo, o Quanto Custa Viajar explica as principais características das melhores áreas hoteleiras da região. São elas:

Old Quarter

Bairro que remonta o século 13, com seus becos e ruelas em clima de labirinto. É a região preferida pelos turistas por apresentar uma grande quantidade de hotéis (para todos os bolsos) e estar próxima dos principais pontos turísticos, como parques, templos e construções antigas. Em contrapartida é a área mais cheia e tumultuada da cidade, fato que pode levar muitos turistas à loucura. No Old Quarter há também um comércio bastante ativo, com muitos restaurantes, bares, lojas, shoppings e supermercados. Para aqueles que optam por essa região, a boa notícia é que é possível fazer quase tudo a pé, economizando bastante em locomoção. O que impera por aqui são as ruas estreitas, fato que diferencia a área da segunda principal zona hoteleira da cidade.

French Quarter

Depois do Old Quarter, é a região mais buscada pelos turistas. O bairro se originou durante o período de dominância francesa, quando os europeus transformaram a área (então pantanosa e insalubre) em um núcleo urbano com padrão parisiense. Aqui são comuns as vias largas, em contraste com as ruelas do Old Quarter, assim como os palácios e edifícios elegantes de origem francesa. No French Quarter as opções de hospedagem são mais escassas e ficam por conta dos hotéis situados nas imediações da Opera de Hanói. São alternativas mais sofisticadas e, por isso, também mais caras. Essa é a dica para viajantes que querem ficar mais sossegados, longe do agito frenético do Old Quarter, mas mesmo assim próximos dos pontos turísticos.

Tay Ho District (West Lake)

É o bairro que abriga o maior lago de água doce de Hanói – o lago tem uma circunferência de nada menos que 17km. Ao redor há diversos pontos de interesse, inclusive hotéis 5 estrelas. É uma região mais afastada do centro, a uma distância de cerca de 15 minutos de carro, mas é uma alternativa para aqueles que procuram por uma estadia calma e rodeada por natureza. Até pelo perfil da região, os preços no Tay Ho District não são muito acessíveis, mas é um local interessante para quem viaja em família ou está em casal e procura por uma estadia mais romântica.

Ba Dinh District

É o núcleo político da capital vietnamita desde a época de dominância francesa. Foi nessa região também que Ho Chi Minh declarou a independência do país em 1945. É ainda no Ba Dinh District que está a maioria dos edifícios governamentais, assim como as embaixadas. O viajante que se hospedar por aqui terá acesso a hotéis medianos e bares frequentados pela população local. É uma alternativa ao Old Quarter, sempre cheio e caótico, mas ainda com preços que favorecem todos os tipos de turistas. Também está distante do centro histórico por um percurso de 15 minutos de carro, mas nada que chegue a atrapalhar.

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Hanói

Hospedagem em Hanói

menor valor maior valor
Albergue R$ 24,14 R$ 203,64
Pousada R$ 37,03 R$ 257,57
Hotel R$ 51,37 R$ 2.684,85
Apartamento R$ 51,51 R$ 1.273,69

Lugares baratos para ficar em Hanói

Média de preços por dia