• Café da manhã

    D27600.00 D33600.00 D39600.00
    R$ 4,96 R$ 6,03 R$ 7,11
    Baixo custo Econômico Conforto
  • Almoço

    D36000.00 D47040.00 D54600.00
    R$ 6,47 R$ 8,45 R$ 9,81
    Baixo custo Econômico Conforto
  • Jantar

    D49920.00 D58200.00 D63600.00
    R$ 8,97 R$ 10,45 R$ 11,42
    Baixo custo Econômico Conforto

Guia Alimentação em Hanói

Com influência dos oceanos, fato verificado especialmente pelo tempero à base de molho de peixe presente na grande maioria dos pratos locais, a culinária vietnamita ainda traz um toque francês. Mas apesar de conviverem lado a lado, as especialidades dificilmente se cruzam. Enquanto o turista pode ir a cafés mais sofisticados para experimentar as iguarias advindas do país europeu, os restaurantes locais – bem mais modestos e cheio de sabores – são os responsáveis por fazer o viajante mergulhar de cabeça na gastronomia asiática.

Para aqueles que querem experimentar de tudo um pouco, a dica é fazer um tour gastronômico oferecido por diversas empresas de turismo da região. Mas antes de comprar o passeio lembre-se que é preciso ter estômago para encarar essa comilança toda! Como os pratos asiáticos nem sempre são consumidos com frequência pelos ocidentais, assim como alguns dos ingredientes utilizados na sua composição, certifique-se de que você não passará mal por misturar tanta coisa “estranha”. Para aqueles que não possuem restrição alimentar, no entanto, essa é uma ótima pedida, pois faz um apanhado geral da típica e exótica culinária local. O passeio custa em média USD25 por pessoa e tem duas saídas diárias: no horário do almoço e do jantar. Além de incluir as comidas, o tour disponibiliza um guia turístico que orienta os viajantes pelas ruas do Old Quarter e conta um pouco mais sobre a história e a gastronomia vietnamitas.

Um dos pratos mais tradicionais da cidade é o pho bò, uma sopa composta por noodles de arroz em tiras e carne bovina. A iguaria consiste em um caldo condimentado, de consistência aguada, que leva ainda ervas e brotos. É consumida pelos locais no café da manhã e ainda atua como remédio para ressacas e má digestão. Outra sopa comum por lá é a bún bò nam bô, muito comum no sul do Vietnã. Também é feita com noodles de arroz (esses, porém, em formato redondo), carne bovina, broto de feijão, alface, amendoim e hortelã.

Outro prato local bem exótico e comum por lá é o xôi yên, uma espécie de arroz grudento de tonalidade amarela, ovo cozido e carnes diversas, como frango, porco e vaca. Não é bonito e tampouco fácil de encarar devido aos fortes sabores, mas é uma boa pedida para os mais aventureiros!

Já para aqueles que querem comer algo típico, mas um pouco mais leve, o cha ca é uma boa alternativa. O prato é formado por pedaços de peixe servidos com noodles, alho e gengibre. Outro prato que bate ponto em diversos restaurantes de Hanoi é o mien luon, um macarrão bem fino feito com farinha de mandioca e servido com enguia e legumes frescos. Ainda nessa linha, mas um pouco mais forte, há o bún cha, uma especialidade feita com carne de porco grelhada acompanhada por noodles e ervas frescas.

Partindo para as sobremesas, vale a pena experimentar o bánh trôi tàu, também chamado de bolo flutuante chinês. A iguaria é composta por massa de arroz recheada com gergelim ou semente de lótus e servida imersa em caldo à base de leite de coco. Para os mais convencionais, a indicação é o xôi chè, uma espécie de arroz doce vietnamita, mas que se assemelha bastante à sobremesa consumida no Brasil.

Para beber, as dicas ficam por conta da tradicional bia hoi (cerveja fresca vietnamita com apenas 3% de álcool que custa algo em torno de R$1,50 e pode ser encontrada na maioria dos bares do centro da cidade) e o café com ovo (uma especialidade de café ou chocolate, ambos servidos quentes ou gelados, acrescidos de uma gemada na parte superior).