Seattle abriga parte da história dos povos indígenas da América do Norte, sendo seu próprio nome uma homenagem a um chefe de uma tribo indígena, chamado Sealth.

Seattle é sede de grandes empresas conhecidas mundialmente como a Microsoft e a Amazon, é a cidade onde nasceu a rede de cafeterias Starbucks, e também onde nasceram bandas...

Leia Mais

Atrações turísticas em Seattle

  • Space Needle

    Space Needle

    Torre com 184 metros de altura, atualmente o cartão postal de Seattle.

    Entrada $29.00 R$ 158,75
    Ir para o site
  • Museu de Artes de Seattle

    Museu de Artes de Seattle

    Adulto $19.95 R$ 109,21
    Jovens (13 a 19 anos) $12.95 R$ 70,89
    Crianças ( < 12 anos) - De graça $0.00 R$ 0,00
    Ir para o site
  • Museu EMP

    Museu EMP

    Conhecido também como Museu do Rock! Diversas lendas da música estão representadas lá.

    Adulto $28.00 R$ 153,27
    Jovens (5 a 17 anos) $19.00 R$ 104,01
    Ir para o site
  • Museum of Flight

    Museum of Flight

    Parada obrigatória para os amantes da aviação!

    Adulto $24.00 R$ 131,38
    Jovens (5 a 17 anos) $15.00 R$ 82,11
    Ir para o site
  • Kerry Park

    Kerry Park

    Uma das melhores vistas da cidade de Seattle!

    De graça $0.00 R$ 0,00
    Ir para o site

Guia Seattle

Seattle abriga parte da história dos povos indígenas da América do Norte, sendo seu próprio nome uma homenagem a um chefe de uma tribo indígena, chamado Sealth.

Seattle é sede de grandes empresas conhecidas mundialmente como a Microsoft e a Amazon, é a cidade onde nasceu a rede de cafeterias Starbucks, e também onde nasceram bandas de rock como Nirvana, Alice in Chains e Pearl Jam, ou seja, Seattle é uma cidade importante não só para os Estados Unidos, como para o mundo. E como se não bastasse tudo isso, Seattle é dona de uma beleza natural que inclui um vulcão dominando a paisagem ao fundo, o Monte Rainier, com seu pico que fica coberto de neve durante quase o ano inteiro.    

Com tantas belezas naturais, não faltam atividades ao ar livre, porém prepare-se porque nem sempre o céu está azul, aliás é bem contrário, na maior parte dos dias ele está coberto, mas isso não tira a beleza da cidade. No verão é possível subir parte do Monte Rainer e fazer diversas trilhas, já no inverno é época de abrir as estações de esqui que ficam próximas da cidade. Na primavera é tempo de flores, e em Seattle as tulipas colorem a cidade deixando tudo ainda mais bonito.

Atividades culturais também não faltam em Seattle. A Biblioteca Pública combina dois passeios em um, seu prédio possui uma arquitetura moderna e diferente, e seu interior que é composto por um acervo de quase dois milhões e meio de itens. O Museum of Flight abriga uma coleção de aviões bem completa, com modelos que vão dos militares aos comerciais. A Space Needle é a torre mais famosa de Seattle, com 158 metros de altura e uma visão incrível da cidade, mais ainda se você tiver a sorte de subir em um final de tarde, depois de um dia de sol. De lá também dá para ver as montanhas Cascade e o Monte Rainier. E falando em Monte Rainier, vale a pena ir até lá para conhecer esse parque com belas trilhas e o vulcão, tudo a somente uma hora de Seattle. O Olympic Sculture Park fica de frente para a baía de Seattle e abriga esculturas modernas e variadas. É um ótimo local para assistir ao pôr do sol.

Para conhecer mais sobre o cotidiano dos moradores, produtos locais e comer bem, visite o Melrose Market, um mercado público em Capitol Hill. Inaugurado em 2010, não é um mercado enorme, mas está localizado em uma construção histórica, onde era uma antiga fábrica de automóveis, onde mesmo após uma reforma foi mantido muitas características originais do prédio. Os produtos utilizados para cozinhar são provenientes de produtores locais ou da própria fazenda dos proprietários. No local há bares, restaurantes, cafés, floricultura e algumas lojinhas, ótimo para passar uma tarde ou uma manhã. Outro mercado para conhecer é o Pike Place Market, considerado um dos mais antigos do país, com mais de 100 anos, oferece muitas opções de frutos do mar e merece uma visita. Esse mercado já é bem mais conhecido dos turistas do que o Melrose Market, fica à beira mar e possui barracas de comidas, frutas, legumes, flores e artesanatos. Como é um local bem turístico, costuma estar sempre cheio, principalmente perto do horário do almoço. Para complementar o passeio, a primeira loja da rede de cafeterias Starbucks fica bem ao lado, ainda preservando sua construção original.

O Seattle Premium Outlet fica a cerca de 50 minutos de carro do centro, e atrai pessoas até do Canadá que querem fazer compras, isso tudo porque além de ter todas as lojas típicas americanas, os preços de muitas lojas são bons e costumam compensar a viagem para quem vem do Canadá, já que Seattle está próxima da fronteira com o país. Para quem quiser pagar ainda menos, pode se cadastrar no site do próprio shopping para ganhar cupons de desconto, ou seja, o que já é barato ficará com preço melhor ainda. Além desse outlet, outros lugares bons para compras são: Nordstrom Downtown, com lojas de alto padrão, Shopping Pacific Place, Fremont Vintage Hall, com produtos de segunda mão, e para quem busca algo mais vintage, vá ao Shopping Westlake Center.

Quem tiver tempo disponível, acrescente também uma ida a Vancouver no roteiro da viagem. A cidade canadense fica a pouco mais de duas horas de carro em uma estrada de mão única, porém bem cuidada e sinalizada. É um trajeto tranquilo, e Vancouver é uma ótima combinação com Seattle.