É só fazer uma busca rápida na internet que qualquer pessoa percebe: as opções mais queridinhas de hospedagem em Maceió estão nos bairros de Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca. Além de contarem com uma maior concentração de hotéis e pousadas, eles também ficam na orla e oferecem uma boa variedade de atrações - seja na areia ou fora dela.

Com uma vista maravilhosa, os três bairros de praia da capital alagoana são também um bom refúgio gastronômico. Há muitos bares e restaurantes localizados nesta área, um número suficiente para aplacar os paladares dos inúmeros turistas que visitam a região durante a alta temporada. À noite, algumas casas noturnas prometem estender ainda mais a alegria de estar na cidade.

Mas, embora guardem muitas semelhanças, os bairros também apresentam diferenças marcantes, que podem pesar na hora de decidir onde ficar em Maceió. Vamos conhecer quais são elas?

Pajuçara

Este costuma ser o bairro mais procurado para hospedagem. Alguns dos motivos para isso são a grande variedade de restaurantes, o movimento na orla em qualquer hora do dia e a Feira de Artesanato da Pajuçara, um dos lugares preferidos dos viajantes para comprar lembranças de viagem e produtos típicos.

Por outro lado, é do bairro que partem as jangadas de passeio às piscinas naturais. Se elas já se tornaram tradicionais e enfeitam a paisagem, o passeio em si não é dos mais atraentes - as águas da piscina natural já não são tão cristalinas, o que diminui muito a graça da visita. 

Ponta Verde

Localizada ao lado de Pajuçara, a Ponta Verde é talvez a mais charmosa das três opções. Com muitos coqueiros na orla, o clima praiano ganha ainda mais destaque. Um toque residencial faz com que a região seja também um bom ponto para pegar praia quando não quiser sair da cidade.

Mesmo assim, a Ponta Verde não é apenas o bairro queridinho dos viajantes durante o dia: é também onde ficam as melhores barracas de praia, que permanecem animadas mesmo após o cair da noite. O destaque fica para as barracas Lopana e Kanoa, que funcionam da manhã à noite e atraem um grande público - no verão, elas são bastante concorridas e pode ser difícil conseguir atendimento. Se a ideia for experimentar um mergulho, dirija-se para a Lopana, de onde sai um catamarã que realiza passeios em busca de pontos de mergulho na região. 

Jatiúca

O mar da Jatiúca tem ondas mais fortes e, por isso mesmo, não é a praia urbana preferida de quem visita Maceió - é comum o aparecimento de sargaços e alguns trechos são impróprios para banho mesmo no verão. Com acomodações mais novas (e mais completas) do que as outras regiões, a Jatiúca é uma alternativa para quem quer ficar em uma área menos movimentada, mas ao mesmo tempo próxima de todas as atrações.

Esse é o também melhor bairro para quem pretende aproveitar a vida noturna da cidade. De barracas de tapioca até ótimos restaurantes e bares, você certamente encontrará uma boa opção para curtir a Jatiúca após o cair do sol. 

Fora da cidade

As praias urbanas de Maceió estão longe de ser o motivo que atrai tantos visitantes à região. Mesmo assim, elas são um ótimo ponto de partida para realizar passeios a outras partes do litoral alagoano. Quem quer curtir um clima mais tranquilo e não se importa em estar sempre passeando, pode escolher também ficar fora da cidade. Nesse caso, as praias de Pratagi e Ipioca, ao norte, oferecem resorts com uma excelente estrutura, enquanto os hotéis na Barra de São Miguel, ao sul, prometem uma experiência mais autêntica em meio a uma das principais belezas da região. 

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Maceió

Hospedagem em Maceió

menor valor maior valor
Albergue R$ 130,00 R$ 130,00
Pousada R$ 170,00 R$ 1.999,49
Hotel R$ 270,00 R$ 1.310,00
Apartamento R$ 283,00 R$ 1.800,00