Uma cidade cosmopolita e acolhedora. Por mais que as semelhanças com Nova York sejam inevitáveis, Toronto tem o seu estilo próprio e imprime nos seus quatro cantos a vibe bem típica do povo canadense. Ao contrário do que muita gente acredita, a maior cidade do país – que é a quarta maior da América do Norte também – é capital do estado de Ontário, mas não do Canadá inteiro (o posto oficial fica com Ottawa!).

Leia Mais

Com uma região metropolitana que acomoda mais de 5,5 milhões de pessoas, a grande maioria imigrantes de diferentes etnias, Toronto garante ao turista a sensação de acolhimento. Esse é um dos principais diferenciais que coloca a cidade no topo da preferência dos intercambistas, assim como a distância reduzida para os Estados Unidos e Nova York – geograficamente Toronto está na região sul do Canadá.

Para os amantes da cultura, a cidade é uma ótima opção também. Isso porque a capital de Ontário recebe festivais dos mais variados temas durante o ano inteiro, como de filmes, música, gastronomia e fotografia. Alguns dos mais tradicionais são o Toronto Fringe Festival, a Comicon e a Pride Toronto, mas a agenda cultural da cidade é tão grande que é quase impossível você ir para lá e não esbarrar com algum deles!

Outro ponto forte da região são os esportes. Os canadenses são referência mundial em modalidades que não fazem muito sucesso no Brasil, como o hóquei no gelo e o baseball. Quem vai à Toronto consegue sentir a febre e a paixão que o povo local tem por esses esportes através dos estádios, museus e muitos bares e pubs voltados para o público que deseja assistir a esses esportes com uma cerveja na mão. Não deixe de visitar o estádio de baseball Rogers Centre e o Hockey Hall of Fame!

Durante os meses de verão, Toronto pede muitos passeios ao ar livre. São mais de 1000 parques, praças e estabelecimentos ao redor do Rio Ontário. É nessa época do ano que o sol aparece efetivamente pela cidade, e como isso não dura muito tempo, o verão é uma época muito aproveitada por todos. Mas não se preocupe se você for em um período mais frio. Por ser difícil caminhar pelas ruas durante o inverno, Toronto preparou uma atração imperdível para deixar todo mundo ocupado. O PATH é um complexo subterrâneo com diversas lojas, restaurantes, bancos, mercados, etc. São mais de 30km de ruas e estabelecimentos instalados debaixo da terra para evitar que as pessoas passem frio e peguem chuva quando o termômetro está abaixo de zero. Conectado ao metrô, edifícios comerciais e pontos turísticos, o PATH é quase como uma outra Toronto instalada no subsolo, não sem razão ele é considerado o maior “shopping” subterrâneo do mundo.

Como chegar

Para nós, brasileiros, o único jeito de ir para a cidade canadense é por meio de avião. Isso porque a região não está perto – são cerca de 10 horas de viagem pelos ares – tornando outros meios de transporte totalmente inviáveis. Para fazer o trajeto em um voo direto o turista só conta com a Air Canada, que parte diariamente de São Paulo e algumas vezes durante a semana do Rio de Janeiro.

Para aqueles que não se incomodam em fazer conexão, há opções de voos por outras companhias, principalmente norte-americanas, como a American Airlines e a United. Lembre-se que nesse caso você precisará também do visto americano – além do canadense – para concluir a sua viagem com sucesso. Outra opção é a Copa Airlines, com escala no Panamá, que também faz o trecho para Toronto.

Independentemente da companhia aérea escolhida é bem provável que o seu voo chegue no Toronto Pearson International Airport, o mais importante da cidade, com ótima infraestrutura, ares de primeiro mundo e modernidade por todos os cantos.

Situado a cerca de 25km do centro da cidade, o aeroporto conta com algumas formas de transporte para levar o viajante até o seu destino final. O melhor custo-benefício é o UP Express, um trem moderno com wi-fi e ar condicionado, que faz o trajeto até o centro da cidade em apenas 15 minutos. O valor é inferior a $30, o que é uma opção interessante para quem viaja sozinho. Para aqueles que querem economizar ainda mais, a solução é utilizar a rede pública de ônibus e metrôs, porém nesse caso será necessário fazer baldeação e o tempo de viagem será consideravelmente maior (o que não é muito agradável para quem já teve 10 horas de voo e está em posse de malas grandes).

Já para aqueles que estão em grupos maiores, em que o valor diluído por pessoa acaba compensando meios de transporte mais caros e confortáveis, as melhores opções são os táxis e as limusines. Há diversos veículos no aeroporto para acomodar o alto fluxo de passageiros e essa é a forma mais tranquila de fazer o trajeto, pois você chegará sem qualquer esforço diretamente na porta da sua hospedagem. Para quem está em muitas pessoas, a boa pedida são as limos, pois além de serem uma experiência diferente de meio de transporte, elas acomodam melhor a quantidade de malas.

Vida noturna

Diversidade é a palavra que define a noite em uma das mais turísticas cidades do Canadá. Com atrações para todos gostos e idades, Toronto não permite que morram de tédio os turistas que decidirem que a diversão só acaba na calada da noite.

Para quem vai em família, uma boa pedida é visitar os monumentos da cidade. No período noturno eles costumam ganhar luzes coloridas e são um show à parte. Destaque para a CN Tower, que além de ser linda por si só, ainda permite ao viajante subir os seus 533 metros de altura até às 22h30. Na CN Tower tem também um restaurante giratório, o 360 Restaurante, que garante uma vista incrível da cidade e promete fechar a sua experiência no local com chave de ouro!

Outra possibilidade para quem quer algo mais tranquilo, mas mesmo assim bastante típico, é assistir a um jogo de baseball ou hóquei no gelo. Os esportes são bastantes populares no país, ao contrário do Brasil, e os canadenses são bastante fanáticos! Se você quiser sentir algo similar à emoção de estar em um clássico de futebol nos estádios brasileiros, esse passeio com certeza precisa estar na sua lista! Já para aqueles que querem uma noite de esportes regada à muita cerveja, a opção é ir ao Real Sports Bar & Grill, que possui televisões passando todos os jogos possíveis e imagináveis.

Agora para quem quiser cair na noite e se esbaldar, o point é o Entertainment District. Como o próprio nome diz, a região é cheia de diversão noturna, com muitos bares, boates, pubs, teatros e restaurantes. Na dúvida sobre o que fazer, vá para lá. É tanta opção que alguma certamente vai cair no seu gosto!

E especificamente para nós, brasileiros, a dica é ir ao Maná. Às quintas-feiras são tomadas pelas festas brasileiras no local e a casa serve feijoada de graça aos clientes! Se você é daqueles que ama viajar, mas ama mais ainda a animação verde e amarela, essa é uma oportunidade única e para lá de animada!

  • População 2.615 milhões

  • Hora local 10:56

  • 1 Dólar canadense R$ 2,54

  • Temperatura local 7.42º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para Toronto

Atrações turísticas em Toronto

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Toronto

Hospedagem em Toronto

menor valor maior valor
Albergue R$ 148,22 R$ 355,21
Hotel R$ 166,10 R$ 1.786,26
Apartamento R$ 191,66 R$ 5.108,36

Alimentação em Toronto

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 17,40 C$ 6.84 a R$ 30,52 C$ 12.00
  • Almoço


    R$ 27,57 C$ 10.84 a R$ 89,02 C$ 35.00
  • Jantar


    R$ 39,07 C$ 15.36 a R$ 114,45 C$ 45.00