Granada é uma cidade que está facilmente incluída no roteiro de viagens pela Espanha. Para quem deseja se aprofundar mais em conhecer o país e sair um pouco do roteiro Madri-Barcelona, Granada é uma ótima pedida, assim como é também sua vizinha, igualmente famosa, Sevilha. As duas, inclusive, disputam o título de cidade mais bonita...

Leia Mais

Atrações turísticas em Granada

  • Parque de Ciências

    Parque de Ciências

    O complexo conta com várias salas de exposições e com algumas atrações interativas.

    Entrada Museu €7.00 R$ 29,44
    Entrada Planetário €2.50 R$ 10,51
    Ir para o site
  • Mirante de San Nicolas

    Mirante de San Nicolas

    Ótimo lugar para apreciar uma vista de Alhambra e acompanhar o por do sol.

    De graça €0.00 R$ 0,00
  • Museu de Alhambra

    Museu de Alhambra

    Vale a visita só pelo prédio do museu que é uma belíssima obra-prima arquitetônica!

    De graça €0.00 R$ 0,00
    Ir para o site
  • Basílica de San Juan de Dios

    Basílica de San Juan de Dios

    Complexo de igrejas com uma linda arquitetura de séculos atrás!

    Visita €4.00 R$ 16,82
    Ir para o site
  • Fundação Rodriguez Acosta

    Fundação Rodriguez Acosta

    Preço da Entrada €6.20 R$ 26,08
    Ir para o site

Guia Granada

Granada é uma cidade que está facilmente incluída no roteiro de viagens pela Espanha. Para quem deseja se aprofundar mais em conhecer o país e sair um pouco do roteiro Madri-Barcelona, Granada é uma ótima pedida, assim como é também sua vizinha, igualmente famosa, Sevilha. As duas, inclusive, disputam o título de cidade mais bonita da Andaluzia.

E a cultura moura é fortemente vista em todos os cantos da cidade, mesmo após a reconquista cristã anos mais tarde. As marcas da conquista árabe estão presentes na arquitetura, na gastronomia e na cultura local como um todo. Talvez em nenhuma outra cidade espanhola a cultura moura seja tão sentida e tão presente, e isso é um dos motivos que deixam Granada única e faz com que a cidade seja tão bonita. Uma mistura de povos, de cultura e de tradições.

E a fortaleza de Alhambra é um ótimo exemplo da riqueza que os árabes deixaram para trás e que é fortemente preservada. Ali o domínio árabe deixou sua marca registrada nas paredes através da arquitetura, palavras e poesias. Alhambra fica em uma colina da cidade e foi construída pelos árabes que ali viveram até 1492, quando foram expulsos e os reis católicos conquistaram a cidade construindo outro palácio, bem ao lado dos edifícios mouros. Dizem ser o monumento mais visitado do país, então a visita ali é obrigatória por quem passa pela cidade. É recomendado comprar o ingresso para entrada com antecedência, principalmente se a viagem ocorrer em períodos de alta temporada.

Albaicín é o bairro árabe que ainda preserva a herança da ocupação moura na região. O bairro é repleto de ruelas, becos e gente pelas ruas. A Carrera Del Carro é a rua mais popular do bairro e os moradores dizem ser a rua mais bonita do mundo. Se é a mais bonita ou não nem importa, porque com certeza o local é super agradável, uma rua cheia de restaurantes, bares e lojinhas, e isso já é suficiente para deixar os turistas encantados. Aproveite a visita ao bairro para ir até o Mirador San Nicolau, conhecido por oferecer as melhores vistas da cidade. Ele fica em frente à Igreja San Nicolas e lá de cima você tem a vista da cidade incluindo Alhambra e também da Sierra Nevada.

E falando em Sierra Nevada, para quem dispõe de mais tempo em Granada, essa é uma excelente alternativa de passeio, principalmente durante o inverno. Localizada a 30 quilômetros da cidade ou então 40 minutos de ônibus, o local funciona como um point de esqui durante os meses de inverno. A temporada de esqui vai de dezembro até abril e no local há um resort, escolas de esqui, pistas e lojas que alugam equipamentos para a prática do esporte. Mas fora do inverno você também pode visitar o parque e fazer caminhadas ou passeios de bicicletas. O Parque Nacional de Sierra Nevada é uma das reservas naturais mais bonitas da Espanha e desde 1986 é preservado como reserva da Biosfera.   

De volta à cidade, outro bairro que merece uma visita é o bairro de Sacromonte, tradicionalmente povoado por ciganos, ele fica fora das muralhas de Granada e é conhecido também pelas grutas escavadas nas encostas da colina e que ainda hoje são usadas como moradia. Não se sabe ao certo a origem dessas grutas, mas acreditam que elas foram construídas como refúgio após a conquista cristã e em seguida chegaram os ciganos. Ao percorrer as ruas do bairro, não deixe de visitar a Abadia de Sacromonte e fazer uma parada no Mirador Mario Maya para apreciar mais uma bela vista da cidade.    

No centro histórico, não deixe de visitar a Catedral de Granada, uma das principais atrações da cidade, caminhar pelas ruas, admirar a arquitetura, parar para provar umas tapas e se possível ainda assistir a um show de flamenco.

Para quem gosta de viajar e se aprofundar um pouco mais no assunto gastronomia, o Mercado San Agustín em Granada é o principal mercado gourmet da cidade. Ele está localizado no centro histórico, na praça que leva o mesmo nome, a Plaza San Agustín. O mercado é relativamente pequeno, mas abriga mais de 60 lojas e empórios. Parece mais um mercado de bairro e não é desses mercados super turísticos, mas isso faz com que ele seja mais original e que os preços não sejam tão elevados. Não tem também muitos lugares pra sentar, então é sempre bom chegar mais cedo, principalmente se estiver com fome e cansado.