San Martin de los Andes é uma cidadezinha muito charmosa na Patagônia, que com certeza vai te atrair. E não importa se você é do estilo super aventureiro ou super romântico: lá tem espaço pra todo mundo.

O seu passeio por lá pode começar, por exemplo, pelo Lago Lácar, que fica bem próximo...

Leia Mais

Atrações turísticas em San Martin de Los Andes

  • Rota dos 7 lagos

    Rota dos 7 lagos

    Passeio adulto ARS8464.00 R$ 51,01
    Ir para o site
  • Cerro Chapelco

    Cerro Chapelco

    Passeio adulto ARS5055.00 R$ 30,47
    Ir para o site
  • Parque Nacional Lanín

    Parque Nacional Lanín

    Passeio adulto incluindo Cachoeira Cachin ARS5243.00 R$ 31,60
    Ir para o site
  • Mirante Bandurrias

    Mirante Bandurrias

    Por pessoa ARS3526.00 R$ 21,25
  • Mirante Arrayanes

    Mirante Arrayanes

    ARS0.00 R$ 0,00

Guia San Martin de Los Andes

San Martin de los Andes é uma cidadezinha muito charmosa na Patagônia, que com certeza vai te atrair. E não importa se você é do estilo super aventureiro ou super romântico: lá tem espaço pra todo mundo.

O seu passeio por lá pode começar, por exemplo, pelo Lago Lácar, que fica bem próximo à cidade. Apesar de ser de origem glacial (ou seja, água super fria), é possível aproveitar algumas de suas praias de pedrinhas.

No verão, tem quem se arrisque pra brincar nas águas geladas, de uma praia bastante conhecida: a Playa Catritre. Para chegar até lá, são 5 km da cidade, com uma estrada pavimentada. Dá pra ir caminhando, de carro, de bicicleta ou de transporte público.

No inverno, o local fica perfeito para uma caminhada. Ah! Um grande destaque para uma programação no lago é assistir ao pôr-do-sol. Belíssimo!

E ainda falando de lagos, que tal experimentar a Ruta de los Siete Lagos? Essa rota contempla um dos trajetos mais lindos da região e, apesar do nome “Siete Lagos”, o passeio contempla 11 lagos glaciares.

Quem gosta de natureza, com certeza vai se encantar com a cidade de San Martin de los Andes. É lá que você vai poder visitar o Parque Nacional Lanín: uma área protegida de 413 mil hectares, sendo o terceiro maior parque nacional da Argentina.

O parque abriga mais de 20 lagos glaciais, montanhas e rios, e ainda possui três diferentes ecorregiões: a estepe dos Andes, a estepe Patagônica e a floresta Andino-Patagônica.

Em uma das trilhas, você chegará até a Capela Maria Auxiliadora del Paimún, uma igreja branca construída em 2000. A paisagem por lá é linda! Outro ponto incrível do parque é o vulcão Lanín, com seus 3.776 metros de altura. Dizem que a melhor vista do vulcão é de um catamarã, que faz uma rota em direção ao Sul.

Para os mais aventureiros, a visita ao Cerro Chapelco é indispensável. Essa é a principal estação de esqui de San Martin de los Andes e oferece diferentes níveis de dificuldade, sendo ideal para quem viaja com crianças.

Os preços variam de acordo com a temporada. Nossa indicação é evitar as férias, pois as pistas costumam ficar cheias e com filas de espera para alugar equipamentos de esqui.

Outro ponto interessante para quem gosta de natureza e aventura é a Cascada Chachín: uma cachoeira sobre o Rio Chachín, a 60 km da cidade de San Martin de los Andes. Para chegar até lá, e fazer a trilha que leva até a cachoeira (que é cercada pela floresta), sugerimos que você reserve um dia inteiro. Assim, é possível aproveitar o percurso com calma, apreciando a paisagem ao redor.

Ah, mas engana-se quem acha que só esses lugares são bons para apreciar as belezas naturais. Em San Martin de los Andes existem dois mirantes super conhecidos: o Mirante Bandurrias e o Mirante Arrayan.

O primeiro está localizado na Comunidade de Curruhuinca e, para entrar no povoado, é preciso passar por uma barreira de acesso e pagar uma taxa de entrada. A caminhada é bem sinalizada, mas não existem barreiras de segurança, então é importante tomar cuidado.

Ao chegar no mirante, você vai poder ver como o Lago Lácar se estende até se perder perto da fronteira com o Chile.

Outro mirante é o de Arrayan. A trilha de subida é mais fácil que a Bandurrias, mas um pouco mais complexa, já que é de cascalho e você vai dividi-la com alguns carros que passam pelo caminho. Lá no mirante, é possível ver toda a cidade, a colina e o lago.

E quando você cansar de tanta aventura, dê um passeio pelo centro da cidade! São 3 avenidas principais, então é difícil se perder. Lá também tem o Museu do Parque Nacional Lanín e, pertinho dele, uma feira de artesanato que vale a pena visitar!

Perto do centrinho, também existem muitos espaços para comer, beber e se hospedar. Como tudo é muito próximo, dá pra fazer a pé, sem problemas. Basta escolher o que visitar no dia, e partir!