• Café da manhã

    S.9.30 S.16.56 S.24.00
    R$ 14,68 R$ 26,14 R$ 37,88
    Baixo custo Econômico Conforto
  • Almoço

    S.11.52 S.18.96 S.29.76
    R$ 18,18 R$ 29,93 R$ 46,97
    Baixo custo Econômico Conforto
  • Jantar

    S.21.60 S.27.60 S.36.00
    R$ 34,09 R$ 43,56 R$ 56,82
    Baixo custo Econômico Conforto

Onde comer em Arequipa

Lugares que você deve experimentar em Arequipa

Powered by Fousquare

Guia Alimentação em Arequipa

Nos últimos tempos, a gastronomia peruana ganhou destaque internacional e até recebeu o título de Patrimônio Cultural das Américas, concedido pela Organização de Estados Americanos (OEA). Além disso, o Peru é a casa do chef Gastón Acurio, que comanda um dos 50 melhores restaurantes do mundo, o Astrid y Gastón, em Lima. Com essa breve apresentação, já dá para ver que você não vai se arrepender de se aventurar nos sabores da cozinha peruana enquanto estiver visitando o país.

A fama de ser um paraíso gastrônomico da América Latina se deu graças à diversidade de culturas e às influências internacionais adotadas por grupos de imigrantes. Os pratos peruanos  combinam ingredientes locais muitas vezes de forma inusitada, o que os tornaram um dos mais interessantes e únicos do mundo.

E é Arequipa que se encontram os pratos mais famosos do país, como o clássico Rocoto Relleno (pimentões assados recheados de carne, ovo, queijo e especiarias), o dominical Adobo (sopa com carne de porco, cebola, pimentão e especiarias), o afrodisíaco Chupe de Camarones (sopa de camarão com arroz, batata e milho) e até o inusitado Cuy Chactado (Porquinho da Índia ao forno).

Os amantes de drinques também têm muito a conhecer em Arequipa! A começar pelo favorito do país, o Pisco Sour, que leva pisco, limão, jarabe de goma e clara de ovo. Essa bebida é como se fosse a caipirinha peruana! Já uma opção mais leve e refrescante é o Chilcano, com pisco, limão e ginger ale. Além dessas duas versões com o clássico pisco, também há diversas variedades de Chicha, uma bebida fermentada à base de milho, que pode ser alcoólica, como Chicha de Jora, ou não, como a Chicha Morada.

Se você estiver a fim de uma experiência completa pelo melhor da gastronomia peruana, pode se esbaldar no restaurante Chicha, do aclamado chef Gastón Acurio. No entanto, o preço pode ser um pouco salgado se você estiver mochilando. Para uma experiência igualmente autêntica, mas com preço moderado, não deixe de conhecer as inúmeras picanterías, restaurantes tradicionais que preparam os alimentos em forno à lenha, uma fonte natural de calor que intensifica os aromas dos temperos.

Já para refeições mais baratas e rápidas, a 5 quarteirões da Plaza de Armas, está o Mercado San Camilo, o principal da cidade e ponto turístico para quem visita Arequipa. Além de ser um ótimo lugar para passear e conhecer os alimentos locais, no piso superior há alguns restaurantes de custo acessível, sendo uma opção para tomar um café da manhã ou fazer uma refeição.