Apenas 200 dos 2.700 hectares possuem permissão para serem visitados na Ilha do Mel, já que os outros milhares foram tombados como uma reserva ecológica do Patrimônio Histórico, em 1975.

Mas não se engane: as duas centenas de terra onde os turistas e moradores são permitidos circular parecem um paraíso. Mata, praias, cachoeiras...

Leia Mais

Tours e Passeios em Ilha do Mel

Atrações turísticas em Ilha do Mel

  • Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres

    Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres

    É hoje o único exemplar da arquitetura militar do século XVIII no Paraná

    R$0.00 R$ 0,00
    Ir para o site
  • Taxa de visitação obrigatória

    Taxa de visitação obrigatória

    R$8.00 R$ 8,00
  • Farol das Conchas

    Farol das Conchas

    Uma construção de 1870

    R$0.00 R$ 0,00
  •  Gruta das Encantadas

    Gruta das Encantadas

    R$0.00 R$ 0,00
  • Praia Grande

    Praia Grande

    R$0.00 R$ 0,00
  • Praia de Brasília

    Praia de Brasília

    R$0.00 R$ 0,00

Guia Ilha do Mel

Apenas 200 dos 2.700 hectares possuem permissão para serem visitados na Ilha do Mel, já que os outros milhares foram tombados como uma reserva ecológica do Patrimônio Histórico, em 1975.

Mas não se engane: as duas centenas de terra onde os turistas e moradores são permitidos circular parecem um paraíso. Mata, praias, cachoeiras e muita paz habitam a ilha, a tornando um verdadeiro refúgio para os que buscam um destino rústico com muita natureza selvagem.

É o destino ideal para quem procura se distanciar do movimento intenso das cidades. Não há carros, em alguns lugares não há energia elétrica. Mas não falta beleza.

Confira o que fazer enquanto estiver desbravando a linda ilha. 

Praias
Existem 11 praias na ilha: Encantadas, Brasília, Limoeiro, Cassual, Fortaleza, Farol, Grande, Miguel, Fora, Belo e Ponta Oeste. Há opções para todos os gostos – praias com ondas ou de águas tranquilas, desertas ou mais cheias, de fácil e de difícil acesso. Mas todas muito bonitas. Quando chegar na ilha, se informe sobre as localizações e características de cada uma para definir as suas melhores opções. 

Trilhas
Uma das melhores maneiras de se conhecer um lugar é andando por ele. Fazer trilhas pela Ilha do Mel é uma atividade obrigatória, já que tudo precisa ser feito a pé ou de bicicleta. Para ir até o lado norte, por exemplo, são quase oito horas de trilha pela mata. Cansativo, porém recompensador. Já a caminhada da Praia do Farol até Encantadas dura aproximadamente três horas, saindo do trapiche, passando pela restinga e chegando na Praia do Belo. Um caminho inesquecível.

Farol das Conchas
Construído em 1872 por ordem de Dom Pedro II, o Farol está localizado no alto do Morro da Concha, orientando os barcos da Baía de Paranaguá há 146 anos. Hoje a visitação não é mais permitida, mas vale conhecer os seus arredores e subir os primeiros degraus para desfrutar da vista panorâmica. Assistir ao pôr do sol no Farol é uma atividade imperdível.

Gruta da Praia de Fora
Também conhecida como Gruta das Encantadas, a famosa atração da Ilha do Mel está localizada na parte sul, na praia de mesmo nome. Ela fica no nível do mar, e por isso só é possível vê-la e visitá-la quando a maré está baixa. Lendas sobre sereias que há centenas de anos atraem pescadores para gruta tornam a atração ainda mais interessante.

Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres
Erguida no século 18, a Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres é o único monumento de resistência militar que existe no estado do Paraná. Foi edificada para proteger a Baia de Paranaguá dos constantes ataques piratas e espanhóis que buscavam ocupar a região. A construção passou centenas de anos esquecida, e só foi ser restaurada em 1985, em um trabalho que durou dez anos. Na visita, é possível observar (além da incrível vista do mar) os seus 12 canhões que são protegidos por cinco camadas de muralhas.

Capela de São Francisco
Com vista para a Praia de Fora das Encantadas, a Capela de São Francisco foi construída no Morro Nhá Pina, ao pé do Cruzeiro, e abriga em seu interior diferentes imagens de santos. O padroeiro da capela que está localizada a 151 metros do nível do mar é São Francisco de Assis, o santo protetor dos animais. Um passeio imperdível, seja pela vista ou pela capela.

Passeio de barco
Outras pequenas ilhas, baías e praias desertas paradisíacas podem ser visitadas em um passeio de barco, que parte do trapiche. A melhor maneira de agendar uma viagem é conversando com um dos barqueiros que irá te informar o preço e combinar um trajeto. A Baía dos Golfinhos, localizada há poucos quilômetros do trapiche, é um dos pontos mais interessantes para se visitar, já que é possível observar os animais brincando há poucos metros do barco. Não deixe de conhecer também a Ilha das Peças, a Ilha do Superagui, a Ilha das Palmas e a Baia dos Pinheiros.