A cidadezinha paulista é bem pequena, mas a infraestrutura hoteleira é bastante desenvolvida. Nesse caso, a primeira pergunta que o turista deverá se fazer é se quer ficar perto do agito ou procura por sossego. Não há melhor ou pior opção, apenas a mais adequada para o seu perfil de viagem. Para aqueles que procuram fazer quase tudo a pé, a boa pedida é se hospedar perto da região central. Agora se você quer uma estadia em meio às araucárias, com bastante paz e tranquilidade, as melhores possibilidades de hospedagem ficam nas montanhas.

Abaixo, o Quanto Custa Viajar lista as melhores regiões para o turista que procura por estadia em Campos do Jordão. Confira!

Capivari

É o centro da cidade, ou seja, onde tudo acontece. É aqui que fica a Praça Benedito Calixto, com sua concha acústica que sedia os principais shows gratuitos do Festival de Inverno. Também é no bairro que fica a Rua Djalma Forjaz, que conta com alguns dos bares, lojas e restaurantes mais badalados da cidade. Para quem vai de ônibus ou não quer ter a dor de cabeça de procurar vaga para estacionar (essa região é muito concorrida e possui estacionamentos com preços salgados), a melhor coisa é escolher uma acomodação que fica no bairro e fazer tudo a pé. 

Alto do Capivari

É ainda uma região próxima ao centro da cidade, mas já garante ao viajante a sensação de paz e tranquilidade. Como fica mais distante do burburinho, o bairro está cheio de mansões, pousadas e chalés intimistas. Para se hospedar nessa região é indicado que o viajante disponha de um carro, pois o acesso fica mais difícil de outra forma. Mesmo que seja mais distante, é possível caminhar a pé do Alto do Capivari até o centro (dependendo do local onde você estiver hospedado) e voltar de táxi, já que a subida requer um pouco mais de fôlego.

Nas montanhas

Essa é a opção favorita para quer curtir a cidade a dois. Os hotéis geralmente são luxuosos e bastante afastados do centro, muitas vezes acessados apenas por estradinhas de terra. O que poderia parecer um incômodo, na verdade se configura como uma grande oportunidade para curtir o clima calmo das montanhas, onde é possível acordar com o cantar dos pássaros e ouvir o fogo da lareira queimar. Muitas das hospedagens da região dispõem de infraestrutura completa, com SPA, piscina, sala de massagem, etc. Tudo isso favorece para que os visitantes fiquem mais tempo na acomodação do que na cidade em si, mas é importante saber que nesse caso é imprescindível dispor de carro (para aproveitar minimamente a infraestrutura do centro e conseguir chegar na hospedagem em si).

Abernéssia

É o principal bairro comercial de Campos de Jordão. Apesar de não ser a opção mais óbvia para os turistas, é uma possibilidade para aqueles que querem economizar. As hospedagens, restaurantes e lojas possuem preços mais acessíveis, justamente por estarem mais afastados do burburinho da cidade. É o primeiro bairro logo após o portal de entrada de Campos do Jordão, então a passagem por aqui é obrigatória. Esse é o bairro onde vive a maioria da população local, fato que também favorece os preços mais acessíveis.

Vila Jaguaribe

Situado entre o Capivari e a Abernéssia, o bairro é uma opção intermediária em questão de valores e distância dos principais passeios de Campos do Jordão. Como principais pontos turísticos da região há a Igreja Nossa Senhora da Saúde, que conta com uma pintura de Camargo Freire, e a famosa Fábrica de Chocolates Araucária. O bairro é bastante bonito e arborizado, então ele também aparece como uma possível opção fora do circuito tradicional de hospedagem de Campos do Jordão.

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Campos do Jordão

Hospedagem em Campos do Jordão

menor valor maior valor
Pousada R$ 89,00 R$ 799,00
Hotel R$ 99,45 R$ 690,00
Apartamento R$ 149,00 R$ 1.190,00
Albergue R$ 150,00 R$ 150,00

Lugares baratos para ficar em Campos do Jordão

Média de preços por dia