• Café da manhã

    R$11.40 R$18.00 R$26.40
    R$ 11,40 R$ 18,00 R$ 26,40
    Baixo custo Econômico Conforto
  • Almoço

    R$22.80 R$37.20 R$56.40
    R$ 22,80 R$ 37,20 R$ 56,40
    Baixo custo Econômico Conforto
  • Jantar

    R$30.00 R$42.00 R$76.80
    R$ 30,00 R$ 42,00 R$ 76,80
    Baixo custo Econômico Conforto

Guia Alimentação em Balneário Camboriú

Rodeada por águas do mar, a cidade de Balneário Camboriú transporta para as mesas dos restaurantes e das casas dos moradores a forte cultura marítima da região. Com a pesca artesanal fazendo parte da vida da população desde a época da colonização, não é de se espantar que os peixes e frutos do mar tenham uma importância enorme para a gastronomia local. A tradição é antiga, começou com os portugueses que colonizaram o litoral de Santa Catarina e, na época, encontraram na pesca uma fonte de subsídio complementar à agricultura. Desde então o ofício vem sendo passado de geração para geração, assim como o consumo desses alimentos. Por essa razão, dos restaurantes mais baratos aos mais caros da cidade, os peixes e frutos do mar ganham destaque especial.

Um dos pratos mais simples, mas também mais populares por lá é o peixe frito. Presença garantida nas mesas dos descendentes açorianos que colonizaram a região, a iguaria ganha uma preocupação especial durante o seu preparo: o peixe é cortado nas laterais para, então, receber temperos no seu interior. Para finalizar, o prato ganha um toque de sal e pimenta e é frito em óleo bem quente. Além de poder ser consumido em restaurantes, esse prato também é servido às margens da Praia Central. Para acompanhar, peça uma cerveja bem gelada.

Para quem gosta de frituras, outro prato típico da região é o camarão à milanesa. Bastante recorrente em qualquer bar e restaurante da cidade, essa é uma das primeiras iguarias que os turistas pedem assim que colocam os seus pés no local. O camarão à milanesa também é um daqueles pedidos rápidos e fáceis de se preparar e, portanto, pode ser consumido à beira da praia acompanhado por uma boa cerveja gelada. Muitos restaurantes da cidade oferecem também a sequência de camarão, que traz o alimento servido de diferentes formas. Essa é uma ótima pedida para quem quer ter uma experiência bem legítima com frutos do mar!

Seguindo nessa linha, o marisco lambe-lambe também ganha atenção especial nos cardápios dos restaurantes locais. O prato consiste no cozimento do arroz – bastante temperado – junto aos mariscos ainda com cascas. Conforme a comida vai sendo preparada, os mariscos abrem as suas conchas e soltam o seu sabor no arroz. Em contrapartida, o arroz adentra as cascas dos mariscos, criando uma mistura realmente incrível de sabor. Para manter os costumes antigos, o turista que decidir apreciar o marisco lambe-lambe deve comer o prato com as mãos, retirando e saboreando o arroz de dentro das conchas dos mariscos.

Já a caldeirada de frutos do mar é uma opção mais sofisticada (e cara) para quem quer cair de cabeça na culinária local. Servindo geralmente de 2 a 4 pessoas, a iguaria consiste na mistura de diversos peixes e frutos do mar, como cação, camarão, marisco, polvo, lula e siri. O prato é extremamente temperado e saboroso, aparecendo como uma das melhores opções para um almoço ou jantar mais reforçado.

O pirão d’água é mais uma presença garantida nos restaurantes de Balneário Camboriú. Essa mistura de peixe, água, farinha, tomate e temperos produz um dos acompanhamentos mais tradicionais e deliciosos da região. O molho de camarão também está presente em diversos pratos, sempre aparecendo como uma das coberturas que dá mais sabor aos peixes fritos.

Apesar de essas serem as comidas mais encontradas em Balneário Camboriú, vale dizer que o município recebeu imigrantes de diferentes nacionalidades no passado. Isso fez com que a gastronomia local ganhasse influências diversas e, inclusive, o que não faltam são restaurantes das mais diferentes especialidades, espalhados pelos quatro cantos da cidade.