Quando um lugar tem a codinome de “Vale do Amor”, a gente só consegue pensar em coisa boa, não é mesmo? Localizado em Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, o espaço é um santuário ao ar livre, ideal para quem busca opções de turismo e/ou reflexões espirituais em meio à natureza.

A proposta do Vale do Amor em Petrópolis tem a ver com espiritualidade, e seu criador, Sergio Fletcher, buscou uma forma de construir um espaço ecumênico que contemplasse as mais diversas religiões e crenças.

Os visitantes podem, portanto, aproveitar o passeio em meio à paisagem natural para fazer reflexões religiosas — quem não tem religião alguma é também bem-vindo, vale frisar.

Como chegar ao Vale do Amor em Petrópolis

O acesso ao Vale do Amor se dá pela Estrada Mata Cavalo s/n, na Fazenda Inglesa. Na página do Instagram do santuário existe uma explicação passo a passo a respeito de como chegar até o local, veja as instruções que obtivemos lá:

  • Partindo do Rio de Janeiro, no sentido Itaipava (BR 040), é preciso fazer o retorno no km 7, na altura do Posto Brasão, e voltar no sentido Rio de Janeiro.
  • A partir do Posto Brasão, é preciso seguir em frente e, depois de visualizar a placa de limite de velocidade de 70 km, deve-se entrar à direita em direção à Fazenda Inglesa. Depois, é só seguir até a ponte, que é o ponto final do ônibus Fazenda Inglesa.
  • Chegou na ponte? Agora atravesse-a e fique à esquerda. Siga na Rua Frederico Guilherme Emmel (à direita) e, depois, na Estrada Mata Cavalo, que é de terra, e fica a mais ou menos 2,5 km da entrada do Vale.
  • O ônibus Fazenda Inglesa tem dois pontos de partida: Terminal Rodoviário de Bingen ou no Centro de Petrópolis, mas é importante lembrar que ele não vai até a entrada do Vale, e seu ponto final fica a 2,5 km do santuário.
  • O acesso é adequado para carros, motocicletas, bicicletas, Uber ou táxi — quem está acostumado a fazer caminhadas também dá conta do recado. Se for de táxi ou Uber, a recomendação é a de combinar previamente o retorno com o motorista, pois é difícil conseguir corridas estando no santuário.
  • O local conta com estacionamento gratuito.

O que fazer no Vale do Amor em Petrópolis

Já deu para perceber que o Vale do Amor em Petrópolis é um lugar ideal para a prática de reflexões espirituais e turismo natural. Ao chegar lá, o visitante se depara com uma paisagem repleta de referências às mais diversas religiões, bosques, trilhas, monumentos e até mesmo uma pequena cachoeira — isso sem contar a vista, que é de tirar o fôlego.

No Vale do Amor, você terá acesso a um altar dedicado a Ganesha; à Cachoeira da Umbanda; à Igrejinha de Francisco e Clara; ao Altar da Pedra do Buda e a um jardim de Yin-Yang.

O lugar foi totalmente pensado para ser um espaço ecumênico em meio à energia da natureza, o que traz consigo uma ideia de respeito e fraternidade. Algumas das esculturas presentes no santuário, como as de Buda, foram trazidas diretamente da China para compor o ambiente espiritual com total respeito às religiões ali representadas.

Cada um dos espaços do Vale do Amor merece ser visitado, independente da crença religiosa de cada um — o Altar Franciscano, por exemplo, é uma atração por si só. Alinhado com a montanha da serra, o espaço conta com banquinhos e um jardim incrível, cuja contemplação já é o suficiente para trazer uma sensação de paz e pertencimento.

Vale do Amor: horários, valores e outras informações importantes

Se você já está planejando ver de perto essa maravilha, confira algumas informações essenciais a respeito do Vale do Amor.

  • Endereço: Estrada do Mata Cavalo s/n
  • Horário de funcionamento: Diariamente (exceto em algumas terças-feiras), das 8h às 17h.
  • Valor da entrada: R$ 20 (pagamento feito somente em dinheiro).
  • Contato via WhatsApp: (24) 98801-0310

O Vale do Amor conta com uma pequena lanchonete que vende lanches simples, mas saborosos, e funciona aos fins de semana — o pagamento também é somente em dinheiro.

Não há guias turísticos na região e, infelizmente, por ter um terreno natural e não nivelado, o passeio pode não ser adequado a pessoas com mobilidade reduzida.

A administração do santuário não permite a entrada de animais de estimação, e os visitantes também não podem fazer piquenique ou tomar banho de cachoeira.

Onde se hospedar em Petrópolis

O passeio ao Vale do Amor é do tipo que você faz em um dia, naquele estilo bate e volta que a gente tanto gosta. Se você quiser se hospedar em Petrópolis para fazer o passeio, selecionamos algumas opções interessantes a seguir. Confira:

Ace Casinha & Chalet — Centro Histórico

Foto: reprodução / Booking.com

A 1,4 km do Museu Imperial, o Ace Casinha & Chalet é uma opção charmosa, aconchegante e histórica de hospedagem, afinal estamos falando de uma construção centenária, do tipo que causa aquela sensação de viagem no tempo.

Os hóspedes contam com serviço de quarto, disponibilidade de quarto para famílias e um café da manhã de respeito. Os valores para as reservas variam de R$ 242 a R$ 550, dependendo do número de hóspedes, do tipo de quarto e, claro, da data de hospedagem.

Hotel Casablanca Imperial

Foto: reprodução / Booking.com

Localizado no Centro Histórico da cidade, o Hotel Casablanca Imperial é uma construção tradicional pertinho do Museu Imperial. Com piscina ao ar livre e lareira na área comum, o espaço é uma excelente opção de hospedagem para quem busca mais elegância e requinte. Os valores variam de R$ 319 a R$ 399, mas podem mudar sem aviso prévio conforme a data.

Hotel Solar do Império

Foto: reprodução / Booking.com

Situado em uma região nobre da cidade, o Solar do Império ocupa duas residências do século 19, garantindo um ar retrô e cheio de elegância ao ambiente. O espaço conta também com duas piscinas, bar, serviço de quarto e comodidades para hóspedes com mobilidade reduzida. Os valores vão de R$ 740 a R$ 1.648, mas podem mudar sem aviso prévio.

Hostel Petrópolis

Foto: reprodução / Booking.com

O albergue charmoso que fica no coração de Petrópolis conta com acomodações privativas e banheiros compartilhados. Localizada a 10 km da rodoviária de Bingen, a pousada é queridinha entre os casais que visitam a cidade, além de aceitar animais de estimação e contar com quartos para famílias. Os valores variam de R$ 78 a R$ 529, dependendo da data, da acomodação e do número de hóspedes.

Hospedaria Alecrim — Pousada Sustentável

Foto: reprodução / Booking.com

Eis mais um lugar charmoso para se hospedar em Petrópolis. Na Hospedaria Alecrim, os hóspedes contam com piscina, churrasqueira e uma vista de tirar o fôlego.

O local disponibiliza acomodações para pessoas com mobilidade reduzida, tem bar, serviço de transfer e um café da manhã excelente. Os preços variam de R$ 420 a R$ 740, podendo mudar sem aviso prévio.

Pousada Chalé da Montanha

Foto: reprodução / Booking.com

Mais um lugar bonito e aconchegante para você ficar quando for a Petrópolis. A pousada aceita animais de estimação e oferece aos hóspedes outras comodidades, como piscina, bar e serviço de quarto.

A Pousada Chalé da Montanha fica a 15 km do centro da cidade e a 27 km do Aeroporto do Galeão. Os preços variam de R$ 255 a R$ 360.

E aí, agora que você já sabe como aproveitar aquele seu passeio em Petrópolis, é só se programar e conferir as belezas da cidade e do encantador Vale do Amor. Veja os preços baratos de passagem para o Rio de Janeiro aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *