Imagine passar por 15 biozonas diferentes, cruzar montanhas que chegam a 4.600 metros, descobrir vilas de tradições milenares e ainda encontrar uma verdadeira joia do império Inca. Isso tudo é parte do Vale de Lares, no Peru, uma rota alternativa e (mais) confortável para quem segue até Machu Picchu.

Chegar até o Vale Sagrado é uma jornada e tanto! Como falamos neste post, o percurso pode durar até 24 horas, dependendo do meio de transporte. Quem não é adepto de tanta aventura assim pode recorrer a Rota de Lares, que oferece paisagens deslumbrantes, contato com comunidades, lodges aconchegantes para repousar e percursos mais leves do que os convencionais. E há ainda mais uma vantagem: é menos movimentada.

Algumas agências especializadas organizam viagens pela região, com períodos médios de cinco a sete dias, incluindo pedaladas, cavalgadas e outras atividades que adentram as belezas locais. Em Huacahuasi, os turistas se deparam com peruanos que vivem de atividades rurais, especialmente do cultivo de espécies diferentes de batatas, como se vê no povoado de Viacha. O ingrediente aparece em receitas típicas deliciosas.

O passeio, dividido por categorias como ativo, semiativo e cultural, inclui ainda lagos surpreendentes, campos repletos de lhamas e alpacas, e passagens por lugares como o vilarejo de Choquecancha, onde tecelãs aplicam e ensinam técnicas de tingimento natural. A hospedagem costuma ser em pousadas rústicas com ótima infraestrutura, como o Lodge de Lamay, o Lodge Huacahuasi e o Refúgio Viñak.

Outro destaque dessa opção de percurso é a passagem por Ankasmarka, um sítio arqueológico que servia de armazenamento de alimentos para os incas, onde apenas 1% dos turistas rumo ao Vale Sagrado chegam. O roteiro continua nas ruínas de Pisac e, por fim, chega a Ollantaytambo, local em que o grupo pode pegar um trem até Machu Picchu. É uma experiência inesquecível do início ao fim.

Quanto custa: o pacote de cinco dias pela Mountain Lodges of Peru (incluindo acomodação, todas as refeições, transfers, tours guiados, atividades diárias a la carte, entradas e taxas nos parques, e gorjetas) tem valor a partir de US$ 1.800,00. Já o de sete dias está a partir de US$ 2.300,00. Crianças abaixo dos 12 anos possuem 50% de desconto e entre 13 e 16 anos há 25% de desconto.

[+] Trilha de 4 dias de Lares para Machu Picchu: a partir de US$ 600. Saiba mais!

[+] Primeiro trem de luxo da América do Sul passa por belas paisagens dos Andes Peruanos

Post por Brunella Nunes
Fotos: reprodução/via

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *