Está com viagem programada para o Japão? Então, coloque Nara em seu roteiro de passeios. A pequena cidade cheia de encantos e templos, localizada a 40 km de distância de Quioto, já foi capital do Japão entre os anos de 710 e 784.

Caminhar pelas ruas de Nara é um passeio fantástico. Sabe aquela sensação de paz e pureza espiritual? É exatamente isso que você sente nesse destino que também é perfeito para quem gosta de budismo — isso porque Nara possui uma grande quantidade de templos que são considerados Patrimônios da Humanidade pela UNESCO.

Quanto custa viajar para Nara? Confira os valores atualizados aqui!

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Um dia inteiro é suficiente para você conhecer toda a cidade. Dessa maneira, você pode fazer um bate e volta de Quioto ou de Osaka, por exemplo, caso esteja hospedada em um desses locais.

Mas, se quiser aproveitar mais a cidade, clique aqui e encontre as melhores opções de hospedagem em Nara, no Japão.

Como chegar a Nara, no Japão

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Nara fica a menos de uma hora de distância de Quioto e de Osaka, destinos populares no Japão. Por isso, se você estiver em um desses locais, saiba que é bem tranquilo pegar um trem e passar o dia em Nara.

Você já viu aqui no blog que explicamos como funciona o JR Pass? Esse é um passe de trem no Japão que permite a você viajar para várias cidades pelo país. Ao adquirir esse passe, você consegue sair de Quioto e de Osaka rumo a Nara.

Partindo de Quioto, vá até a estação principal e pegue o JR Nara Line. Dentro da estação existem várias placas indicando a plataforma correta.

Quanto custa viajar para Quioto? Saiba todos os gastos aqui!

Partindo de Osaka, vá até a estação principal e pegue o trem Yamatoji Rapid Train. Programe-se certinho, isso porque o trem parte de 50 em 50 minutos.

Descubra aqui quanto custa uma viagem para Osaka, no Japão!

O que fazer em Nara?

Anote nossas dicas e monte seu roteiro de passeios nesta cidade japonesa linda. Se possível, tente alugar uma bicicleta, algo bem comum em Nara! Assim, você conseguirá visitar todos esses pontos turísticos com maior agilidade 😉

1. Visite o Parque de Nara

As principais atrações em Nara ficam todas dentro do parque, um espaço público lindo e repleto de área verde muito bem preservada.

O parque ainda conta com uma das atrações mais legais da cidade: os cervos sika que vivem soltos e livres por lá.

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Os turistas podem comprar biscoitos próprios para alimentar os animais que são considerados sagrados no Japão. Apesar dos cervos serem acostumados com a presença das pessoas, é sempre bom tomar cuidado.

2. Templo Kofuku-ji

O imponente Templo Kofuku-ji foi construído em 669 a pedido da Princesa Kagami como forma de agradecer pela cura de uma doença que seu marido tinha.

Todo feito de madeira, o templo tem cinco andares e mede quase 51 metros de altura, considerada a segunda torre mais alta do Japão e Tesouro Nacional.

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

É impressionante observar essa construção, ainda mais pelo fato de que o templo já foi destruído durante guerras civis e incendiado cinco vezes — mas sempre reconstruído! Quem curte passeios culturais pode dar um pulinho no Museu Nacional de Nara, que fica pertinho do Kofuku-ji.

3. Templo Todai-ji

nara no japão
Foto: Wikimedia Commons

Seguindo ainda dentro do Parque de Nara, você vai se surpreender com a magnitude do Templo Todai-ji, considerado uma das maiores estruturas de madeira do mundo e símbolo de Nara.

Se a construção do lado de fora chama a atenção, ao passar pelo imenso portal de entrada é que fica uma das surpresas mais bonitas: um Buda Gigante de 15 metros feito em bronze.

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Essa é a maior estátua de bronze do mundo do Buda Vairochana, conhecido no Japão como Daibutsu e a principal atração de Nara. O Buda maior é rodeado por outras estátuas também lindas e grandes!

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

4. Santuário Kasuga Taisha

O santuário Kasuga Taisha é outra atração que fica dentro do parque. O local é conhecido devido à grande quantidade de lanternas, 3 mil no total, sendo algumas inclusive de bronze, que decoram tanto a área interna quanto externa.

nara no japão
Foto: Andrea Schaffer

Apenas durante o Festival das Lanternas, que acontece duas vezes por ano em Nara, é que as luzes dessas lanternas são acesas, criando um dos cenários mais lúdicos e mágicos no Japão.
Vá até o final da construção e entre em uma sala escura. Lá dentro as luzes de algumas lanternas ficam acesas e você pode se encantar com esse cenário.

Veja mais fotos de Nara:

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar
nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Com 1.300 anos, hotel mais antigo do mundo oferece uma autêntica imersão cultural no Japão

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar
nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

O ser humano e a natureza se unem no Festival Echigo-Tsumari no Japão

nara no japão
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar
nara no japão
Foto: Wikimedia Commons

Quando visitar Nara?

O ano inteiro é uma boa pedida para visitar Nara. Porém, são nos meses de primavera, mais precisamente entre março e abril, que o espetáculo da florada das cerejeiras acontece.

nara no japão
Foto: Pixabay

Mais do que deixar as cerejeiras ainda mais lindas, a florada tem um significado bem especial para os japoneses que remete à esperança e renovação. Aproveite esse período para voltar com a energia restabelecida após uma bela viagem <3

Para começar desde já a planejar essa viagem dos sonhos, use nosso buscador de passagens aéreas baratas e fique de olho nas promoções para o Japão. Quem sabe ainda este ano você consiga comprar bilhetes com preços especiais!

1 comentário

  1. É impossível não se divertir em um dia nessa cidade, né? A presença dos veadinhos durante o passeio, fazendo reverências para ganhar um biscoitinho e às vezes até dando “cabeçadas” nas pernas da gente, garante um sorriso permanente no rosto! Coisa boa relembrar Nara com o seu post!
    Um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *