Muita gente adora viajar para um país e mergulhar na história daquele local, principalmente desbravando prédios históricos importantes de cada região. Um ponto positivo para quem também curte esse tipo de passeio é visitar castelos, tanto para admirar as construções quanto para entender como aquelas propriedades foram cenários para romances, guerras e intrigas.

A Europa acaba sendo o destino perfeito para quem busca esse tipo de imersão, já que o Velho Continente foi berço de diferentes estilos de arquitetura e mantém essas construções preservadas até os dias de hoje. Na França, especialmente no Vale do Loire (uma região francesa com 280 km que compreende as cidades históricas como Amboise, Angers, Blois, Chinon, Nantes, Orléans, Saumur e Tours) é que esse tipo de construção fica ainda mais evidente.

Se você está com uma viagem programada para o país, confira uma lista com 10 castelos da França que você deve visitar pelo menos uma vez na sua vida, especialmente se você for apaixonado por história e arquitetura. Prepare as suas malas e se jogue nestes passeios cheios de cultura e história.

1. Castelo de Chambord

Foto: Wikimedia Commons

Château de Chambord é um dos castelos mais bonitos da França e fica a 2 horas de carro de Paris! A arquitetura do castelo possui traços típicos do renascimento combinados com elementos góticos, consistindo em uma torre central com mais quatro torres nos cantos.

O Chambord, construído em 1519, é o maior castelo do Vale do Loire com números que deixam qualquer pessoa de boca aberta com tamanha magnitude! No total, o castelo possui 440 quartos, 84 escadas e, acredite: 365 lareiras (dá para acender uma em cada dia do ano!).

Nos arredores do castelo, existe um jardim imenso e imponente, com centenas de árvores e milhares de plantas.

Pesquise pacotes de viagens para Paris. Clique aqui!

Quanto custa visitar o Castelo Chambord?

  • Estacionamento: 6 Euros para carros.
  • Ingresso: 13 Euros com direito a entrada ao Castelo e aos jardins. Menores de 18 anos não pagam.
  • Horário de funcionamento: das 9h às 17h na baixa temporada e das 9h às 18h na alta temporada.

2. Palácio de Versalhes

Foto: Cristian Bortes – Flickr

Versalhes é um dos palácios mais famosos do mundo e um dos pontos turísticos mais visitados na França. A construção começou a ser erguida em 1624 e funcionava, naquela época, como um pequeno pavilhão de caça.

Mas foi em 1662, durante o reinado de Luís XIV, que a arquitetura ficou imponente. A ampliação do palácio fez com que a propriedade ficasse com aproximadamente 700 quartos! Hoje, o palácio abriga o Museu da História da França com milhares de obras de arte.

Partiu? Pesquise passagens aéreas para Paris. Clique aqui!

Além do palácio, ainda existem os lindos Jardins de Versalhes, com acesso gratuito, que impressionam pelo tamanho e pela maneira como são bem cuidados. Ao longo do passeio, você vai se deparar com estátuas de mármore e fontes que embelezam ainda mais o ambiente.

Como os jardins são imensos, você não vai conseguir percorrer todos os cantos dele. Tente priorizar a visita ao Grand Triton, um palácio de mármore rosa construído no jardim, e o Domínio de Maria Antonieta, espaço onde a esposa de Luís XVI relaxava e tinha contato com a natureza.

Quanto custa visitar Palácio de Versalhes

  • Estacionamento: 5 Euros por duas horas e 12 Euros por oito horas.
  • Transporte público: a estação de trem mais próxima é a Versailles Château Rive Gauche e a passagem custa 2,95 Euros.
  • Ingresso: bilhete com horário agendado custa 20 Euros. Menores de 18 anos não pagam. A entrada no jardim é gratuita.
  • Horário de funcionamento: das 9h às 18h30. Fechado toda segunda-feira.

3. Monte Saint-Michel

Foto: Pixabay

O Monte Saint-Michel é uma das paisagens mais impactantes da França e acaba entrando na lista dos sonhos de quem é apaixonado por viagens! No alto de um morro de um vilarejo medieval todo murado, situado entre a Normandia com a Bretanha (a 360 km de Paris), temos um Castelo (mais precisamente uma abadia) com tamanha beleza capaz de deixar os visitantes emocionados.

Apesar da beleza inquestionável da arquitetura que atrai milhares de turistas todos os dias, um dos fatos que mais chamam a atenção no Castelo Monte Saint-Michel é um fenômeno da natureza que acontece por lá: a subida da maré. Em pouco mais de uma hora, a maré sobe e deixa o castelo ilhado, deixando o cenário do castelo ainda mais sensacional.

Quanto custa viajar para diferentes cidades da França? Clique e descubra 😀

Quanto custa visitar o Castelo Mont Saint-Michel

  • Estacionamento: a partir de 6,50 Euros.
  • Ingresso: 10 Euros, menores de 18 anos pagam 8 Euros.
  • Horário de funcionamento: baixa temporada das 9h30 às 18h e alta temporada das 9h às 19h.

4. Palácio Ussé

Foto: Wikimedia Commons

Quem é apaixonado por contos de fadas vai adorar conhecer o Castelo Ussé, no Vale do Loire, isso porque o castelo inspirou o autor Charles Perrault a escrever A Bela Adormecida (já dá pra imaginar o quão lindo é, não é mesmo?).

Se visto de longe a beleza do castelo, com sua arquitetura renascentista e medieval, já impressiona, por dentro é que você realmente vai ficar de boca aberta. Os móveis de época são do tempo da Revolução Francesa e até peças de vestuários e tapeçaria, do XVIII, estão à mostra. Inclusive, tem uma ala especial para recontar a história da Bela Adormecida.

O castelo fica a 280 km de Paris e, como já era de se esperar, tem um belíssimo parque em seu entorno, que praticamente emoldura o castelo no centro.

Passagens aéreas para Paris: pesquise os melhores preços aqui!

Quanto custa visitar o Castelo Ussé?

  • Estacionamento: gratuito em frente ao castelo.
  • Ingresso: 14 Euros. Crianças de 8 a 16 anos pagam 4 Euros. Menores de 8 anos não pagam.
  • Horário de funcionamento: das 10h às 18h.

5. La Mothe-Chandeniers

Uma das coisas que mais impressiona na história do castelo é que a internet realmente se uniu para salvar a propriedade.

Desde o tempo da Idade Média, o castelo sofreu ocupações inglesas e durante a Revolução Francesa, toda a magnitude do palácio foi largada às traças. Mesmo após restaurações no século XIX, em 1932 um incêndio detonou a construção.

Foi então que a união da internet fez a força. Em 2017, uma campanha no site de crowdfunding (plataformas que fazem uma espécie de “vaquinha”) Dartagnans surgiu com o intuito de salvar o castelo.

O projeto inicial tinha o objetivo de juntar 500 mil Euros para que a propriedade fosse comprada — e quem colaborasse se tornaria um dos proprietários do castelo. O sucesso foi tanto que a campanha já foi encerrada e o valor arrecadado foi de 1.615.646 Euros. Agora, o castelo tem verba suficiente para ser restaurado.

6. Castelo de Fontainebleau

Foto: Wikimedia Commons

O Velho Continente é capaz de nos presentear com construções realmente impressionantes e este é o caso do Castelo de Fontainebleau, construído em 1137. O castelo é o único na Europa que foi habitado por 700 anos consecutivos e cada família real que passou por ali deixou sua marca — até Napoleão viveu nele.

Quem é fã da arte renascentista vai se encantar ao entrar no castelo e ver a decoração deslumbrante de salas, quartos, bibliotecas e salões reais. O Castelo de Fontainebleau fica a 70 km de Paris, praticamente 1 hora de carro de distância. Dessa forma, você pode colocar o castelo no seu roteiro, fazendo um bate-volta.

Onde se hospedar em Paris? Descubra os melhores preços.

Quanto custa visitar o Castelo Fontainebleau?

  • Estacionamento: a partir de 6 Euros.
  • Ingressos: 12 Euros. Tarifa reduzida 10 Euros. Uma hora antes do castelo fechar, a entrada custa 7 Euros.
  • Horário de funcionamento: alta temporada, das 9h30 às 18h, baixa temporada das 9h30 às 17h.

7. Castelo Chenonceau

Foto: Wikimedia Commons

O Castelo Chenonceau fica em Chenonceaux e é um dos mais visitados no Vale do Loire. A propriedade também é conhecida como o “Castelo das Damas” por ter sido administrado por sete mulheres durante a sua história. O castelo foi erguido no século XIII e passou pelo comando de muitas famílias.

Visualmente, a arquitetura impressiona, já que o castelo foi construído sobre o Rio Cher. Os arcos que sustentam o castelo dão um charme todo especial.

O interior não deixa nada a desejar, pelo contrário: todos os móveis e cômodos estão bem conservados e você consegue ter uma ideia bem fiel de como era a vida e os costume da época. Se visitar o castelo, aproveite para caminhar às margens do rio, pelo bosque e pelo labirinto.

Aluguel de carros na França: pesquise as melhores tarifas.

Quanto custa visitar o Castelo Chenonceau?

  • Estacionamento: gratuito.
  • Ingresso: 14 Euros. Jovens de 7 a 18 anos pagam 11 Euros. Menores de 7 anos não pagam.
  • Horário de funcionamento: das 9h às 18h na maior parte do ano. Clique aqui e consulte os horários específicos no período em que for visitar o castelo.

8. Castelo de Chantilly

Foto: Wikimedia Commons

Quem está viajando por Paris pode visitar sem nenhuma dificuldade o Castelo de Chantilly, a 55 km de distância da capital francesa. Charmoso ao extremo, muitos brasileiros conhecem esse castelo, pois foi nele que o jogador de futebol Ronaldo (o Fenômeno) casou-se com a atriz Daniela Cicarelli.

A construção tem dois edifícios, o Petit Château, erguido em 1528 e o Grand Château, feito durante a Revolução Francesa. Quem é apaixonado por obras de artes vai adorar esse passeio, pois dentro do castelo muitas paredes de diferentes cômodos são decoradas com telas. A história do castelo está ligada com a culinária, já que reza a lenda que François Vatel teria criado a receita do creme de chantilly ali no castelo. Não deixe de passear pelos jardins!

[LEIA +] Parque em Paris reúne boas opções gastronômicas e eventos ao ar livre.

Quanto custa visitar o Castelo de Chantilly

  • Estacionamento: 3,50 Euros.
  • Ingresso: 17 Euros, tarifa reduzida custa 10 Euros.
  • Horário de funcionamento: das 10h às 18h, os jardins fecham às 20h.

9. Castelo de Vaux le Vicomte

Foto: Benh LIEU SONG – Flickr

O Castelo de Vaux le Vicomte fica em Maincy, a 50 km de Paris. Um destaque é que a decoração do castelo é uma das poucas que permanece intacta desde o século XVII. Quem quiser entrar ainda mais no clima pode alugar trajes de época durante a visita guiada.

O castelo tem uma tradição bem bonita desde 1980: de maio a outubro, todos os sábados à noite o Château de Vaux-le-Vicomte oferece aos seus visitantes uma experiência única, que é visitar do castelo e os jardins iluminados por 2 mil velas! Para fechar com chave de ouro, fogos de artifício ouro e prata iluminam o céu (eita noite romântica!).

[LEIA +] Viagem no tempo: lugares para curtir a Belle Époque em Paris.

Quanto custa visitar o Castelo de Vaux le Vicomte?

  • Estacionamento: gratuito
  • Ingressos: 16,50 Euros, de 6 a 17 anos 10,50 Euros e menores de 6 anos não pagam.
  • Horário de funcionamento: das 10h às 19h, varia conforme período. Verifique aqui.

10. Castelo de Cheverny

Foto: François Philipp – Flickr

No Vale do Loire, na região de Sologne, você também pode visitar o Castelo de Cheverny, que foi construído no século XVII. Por fora, a arquitetura não é tão imponente quanto a de tantos outros castelos do Vale, mas é o interior do castelo que realmente chama a atenção.

Os móveis antigos e bem conservados deixam os cômodos ainda mais elegantes. Vale a pena visitar a sala de jantar, para ficar babando na riqueza da decoração, os quartos, inclusive o do Rei, a biblioteca e os apartamentos privados. Assim como todo castelo, a área verde ao redor também é interessante para fazer um passeio.

[LEIA +] Discreto museu em Paris nos leva de volta à infância com a imersão num mundo lúdico.

Quanto custa visitar o Castelo de Cheverny

  • Estacionamento: gratuito.
  • Ingresso: 11,50 Euros, tarifa reduzida no valor de 8,20 Euros. Menores de 7 anos não pagam.
  • Horário de funcionamento: das 9h15 às 18h30 na alta temporada e das 10h às 17h na baixa temporada.

Sua viagem vai ficar ainda mais inesquecível, visitando algum desses castelos da França. Conta aqui nos comentários: você já visitou algum destes castelos da França? Como foi sua experiência?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *