A Rota da Cerveja no Vale do Itajaí abrange diferentes cidades do Vale Europeu, em Santa Catarina, com fábricas que produzem diversos rótulos artesanalmente dessa bebida tão apreciada pelos brasileiros.

A imigração alemã em Santa Catarina trouxe muitas características germânicas para o estado e a produção de cerveja é uma atividade levada a sério, seguindo a tradição alemã, tanto que um roteiro pode ser preparado para que os turistas visitem fábricas e façam degustações de cervejas e chopes artesanais.

Se você gosta de bera e tem vontade de conhecer a região sul do Brasil, anote essas dicas e faça a Rota da Cerveja do Vale do Itajaí.

SE BEBER, NÃO DIRIJA! Escolha o motorista da rodada para fazer a viagem com consciência, combinado?

Rota da cerveja no Vale do Itajaí

Anote essas cidades e prepare-se para experimentar diversos rótulos em uma única trip! O ideal é visitar uma cervejaria pela manhã e outra à tarde, para fazer tudo sem correria e realmente saborear a bebida.

Lembre-se de agendar com antecedência sua visita às fábricas que oferecem esse tipo de tour, ok? Caso contrário, você não poderá ver as instalações, apenas aproveitar os bares.

1. Pomerode

rota da cerveja no vale do itajaí
Foto: Reprodução / Cervejaria Schornstein

Pomerode é considerada a cidade mais alemã do Brasil. Seja caminhando pelas ruas, conversando com as pessoas ou saboreando, culinária local ou aproveitando a Osterfest, você consegue sentir um pedacinho da Alemanha aqui no Brasil.

A Cervejaria Schornstein fica localizada em um prédio histórico e altamente representativo em Pomerode: o antigo Mercado Weege. Mas a qualidade da cerveja, conhecida no mercado nacional, é que faz com que a Schornstein esteja na Rota da Cerveja do Vale do Itajaí.

Ao lado da fábrica fica o Schornstein Kneipe, o bar oficial da cervejaria que reforça as tradições germânicas. Com certeza, é um destino que surpreende pelo paladar e pela beleza da arquitetura.

Se quiser se hospedar na cidade, veja aqui opções de hotéis em Pomerode para passar a noite.

2. Timbó

rota da cerveja vale do itajai
Foto: Reprodução / Berghain Cervejaria

A cidade de Timbó também é conhecida como a “pérola do vale”, isso porque é difícil alguém não se apaixonar pelas suas ruas, praças e belezas naturais do local. Sem dúvidas, é um destino em Santa Catarina que vale muito a pena conhecer, mesmo que não seja fazendo a Rota da Cerveja do Vale do Itajaí.

Mas para quem vai em busca de uma gelada, por lá existem ótimas cervejarias, como a Berghain Cervejaria, que proporciona um ambiente aconchegante, mesclando o melhor do clássico com o contemporâneo com rótulos de qualidade.

Visite também a Cervejaria Borck, fundada em 1996, uma das mais tradicionais e antigas do estado e a Blauer Berg. Para dormir nessa cidade encantadores, encontre aqui hotéis e pousadas de qualidade em Timbó.

3. Blumenau

Foto: Reprodução / Eisenbahn

Blumenau é conhecida como a Capital Nacional da Cerveja! É nela que acontece a segunda maior Oktoberfest do mundo que ocorre todos os anos no mês de outubro. A cidade é a terceira maior de Santa Catarina e perfeita para você encontrar boas opções de restaurantes e lazer.

Na Rota da Cerveja do Vale do Itajaí, as cervejarias que você pode visitar são:

  • Eisenbahn: em 2002, a Eisenbahn trouxe um mestre cervejeiro alemão para dar início à produção de cervejas especiais. A palestra educativa com degustação custa R$ 15.
  • Cervejaria Bierland: fundada em 2003, a quantidade de rótulos que você encontra nessa cervejaria tem tudo para surpreender! A visitação à fábrica está temporariamente suspensa devido à reforma.
  • Cerveja Blumenau: o valor cobrado é de R$ 20 por pessoa, incluso a visitação à fábrica e a degustação.
  • Alles Blau: cervejaria inaugurada em 2018 na cidade. A visitação com degustação e uma taça personalizada da Alles Blau custa R$ 35.
  • Escola Superior de Cerveja e Malte-ESCM: até escola para formação de mestres cervejeiros você pode conhecer! A ESCM oferece visitação guiada, minicurso e degustação de 4 rótulos de cervejas.
  • Cervejaria Container: essa é a primeira cervejaria inglesa do Brasil, que trouxe inspirações da região Norte e Sul da Inglaterra, onde estudou as cervejas “Ales” e “Lagers”. O tour e degustação custa R$ 32.

Aproveite a ida a Blumenau para conhecer o Museu da Cerveja e dar um pulinho na Vila Germânica para se sentir na Alemanha!

Veja aqui opções de hospedagem em Blumenau para ficar durante sua visita. A cidade possui uma rede hoteleira de primeira!

4. Gaspar

rota cerveja vale itajai sc
Foto: Reprodução / Cervejaria Das Bier

Saindo de Blumenau, em 20 minutinhos de carro você chega a Gaspar, que tem bastante influência da colonização italiana, mas também um pezinho na Alemanha com a produção de cervejas artesanais.

O estabelecimento que faz parte da Rota da Cerveja no Vale do Itajaí é a Cervejaria Das Bier, que possui 11 variedades de chopes, inclusive de vinho. Além de agendar uma ida à fábrica, os visitantes podem aproveitar para almoçar ou jantar no restaurante local, sempre acompanhados de uma boa cerveja.

Quer dormir em Gaspar? Confira aqui opções de hotéis baratinhos para ficar!

5. Brusque

rota da cerveja
Foto: Reprodução / Cervejaria Zehn Bier

Fundada em 2003, a Zehn Bier foi uma das primeiras cervejarias da escola alemã da região a ser criada respeitando a lei de Pureza que foi definida em 1516. Essa é a única cervejaria artesanal de Brusque e fica pertinho do centro da cidade.

Já que você estará em Brusque, aproveite para fazer algumas comprinhas, isso porque a cidade é polo industrial têxtil no estado de Santa Catarina (e os preços são bem atraentes).

As opções de hospedagem em Brusque são mais em conta e você pode pernoitar na cidade sem nenhum problema!

6. Ibirama

rota da cerveja vale itajai
Foto: Reprodução / Handwerk Cervejaria

Ibirama é uma cidade legal para quem curte esportes como trekking e rafting, este que pode ser feito no imponente rio Itajaí-Açu. É possível ter um dia bem animado e cheio de adrenalina fazendo os passeios na região.

A cervejaria que faz parte da Rota da Cerveja do Vale do Itajaí é a Handwerk, que fica em um prédio centenário na cidade construído em 1914. Isso já seria motivo para conhecer uma casa histórica colonial, mas o tour pela cervejaria, vendo o processo de fabricação deixam o passeio ainda melhor! Agende seu passeio na Handwerk para conferir como as cervejas e chopes são feitos!

E aí, gostou de conhecer essas cervejarias? Se você estiver vindo de carro de Curitiba, por exemplo, aproveite para parar também em Joinville e Jaraguá do Sul. Mesmo as cidades não fazendo parte da Rota da Cerveja do Vale do Itajaí, elas possuem boas cervejarias também que você pode visitar 🙂 Ein prosit!

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *