Conhecer a Patagônia Chilena é um desejo de muitos brasileiros. Com paisagens exuberantes, natureza na sua forma mais pura, montanhas, geleiras, vulcões e muitas atrações para os aventureiros de plantão, a região é um destino dos sonhos para muita gente. Hoje, você vai conhecer mais sobre a Reserva Natural Melimoyu, destino não muito popular entre os turistas, mas que possui belezas raras e as águas mais cristalinas da Terra.

A Reserva Natural Melimoyu faz parte da Rota dos Parques da Patagônia Chilena, considerada uma das estradas mais lindas do mundo. O trajeto tem, no total, 2.800 km e passa por 17 parques nacionais.

Visitar Melimoyu é magia pura! Em apenas um dia, é possível observar geleiras, cachoeiras que caem a milhares de metros, baleias-azuis, golfinhos e sapos raros da floresta. Este é um lugar bonito e ecologicamente significativo, onde a floresta temperada se encontra com o oceano e as geleiras, proporcionando um ecossistema único!

Bora pro Chile? Encontre sua passagem aérea aqui!

Uma grande atração dessa reserva natural que fica na baía do Golfo do Corcovado é o imponente Vulcão Melimoyu, a 2.400 metros acima do nível do mar, com seu cume coberto de gelo.

reserva natural melimoyu
Foto: Reprodução / Ruta de los Parques

Este local é o lar de uma coleção de espécies que não existem em nenhum outro lugar do mundo, mas somente ali em Melimoyu. A vida selvagem na região inclui pumas, raposas, pudús (um nativo em miniatura ameaçado de extinção no Chile), o sapo de Darwin e uma incrível variedade de pássaros.

Mas, é a vida marinha que atrai os entusiastas pela natureza até o local. Isso porque, no verão, baleias-azuis, as protagonistas da Reserva Natural de Melimoyu, reúnem-se na costa da ilha para se alimentar e ter seus filhotes. Golfinhos, pinguins, focas e leões marinhos completam a extraordinária vida marinha de Melimoyu.

Hoje, a reserva é habitada pelos últimos colonos do Chile que chegaram em 1983 em busca de melhores condições de vida e que vivem, agora, do ecoturismo. Juntos eles construíram uma memora coletiva e conseguiram superaram o rigor do lugar.

Veja também: Roadtrip de Buenos Aires a Ushuaia, desbravando a Rota do Fim do Mundo

Como chegar à Reserva Natural Melimoyu

reserva natural melimoyu
Foto: Reprodução / Fundacion Meri

O acesso à reserva só é feito de avião ou barco. De avião, é possível ir de Santiago até Melimoyu, fazendo uma conexão em Puerto Montt. O tempo de viagem será de 2h45.

Outra possibilidade, onde o último trajeto pode ser feito de barco, é saindo de avião de Santiago, fazendo duas pausas em Puerto Montt e, depois, Chaitén — onde deverá pegar um ônibus até Raúl Marín Balmaceda. Esse deslocamento de busão será de 4h. Após desembarcar, segue-se mais 1h de viagem de barco até Melimoyu.

A Patagônia Sur é uma das únicas empresas que oferece esse tipo de passeio, com pacotes de 3, 4 e 7 noites com tudo incluso. O viajante deve ir até Puerto Montt, local onde acontece a saída de avião para a Reserva Nacional Melimoyu. O valor do pacote para 3 noites com tudo incluso custa a partir de US$ 3.950.

Veja também: 23 lugares imperdíveis para conhecer no Chile

O luxo e o conforto estão garantidos com a hospedagem no Hotel Casa Bahía que conta com apenas com 6 quartos, proporcionando uma expedição bem reservada e intimista. A refeição servida é preparada por chefs, que servem café da manhã, lanches, almoço e jantar, além de coquetéis para animais a noite.

Foto: Reprodução / TripAdvisor

Entre os roteiros de passeios da Patagônia Sur, estão inclusos safáris marítimos para observar as baleias-azuis durante o verão, rafting, canoagem, pesca, passeio de helicóptero, flutuação nos rios com águas cristalinas e muitas caminhadas pela floresta.

Conhecer a Reserva Natural Melimoyu é uma experiência que vai além das expectativas. Essa ilha isolada do mundo tem muitas belezas naturais surpreendentes que garantem uma viagem dos sonhos.

Além dela, existe mais uma dezena de parques legais na Patagônia Chilena para conhecer durante uma viagem. São bons exemplos o Parque Nacional Pumalín Douglas Tompkins, o Parque Nacional Alerce Andino, o Parque Nacional Hornopirén,Parque Nacional Corcovado, o Parque Nacional Queulat e o imponente Parque Nacional Torres del Paine.

Onde se hospedar na Patagônia? Confira os preços de hotéis em várias cidades chilenas

Sem dúvidas, a região da Patagônia Chilena é o destino perfeito para os aventureiros de plantão e pessoas que adoram fazer longas caminhadas em meio à natureza. Inclusive, você já viu aqui no blog que ficar quatro dias em contato com a natureza deixa as pessoas mais calmas e criativas, não é mesmo? Quem sabe, essa pode ser a oportunidade que você precisa para relaxar e se descontar da correria do dia a dia 😉

Quer transformar esse sonho em realidade? A Equipe do Quanto Custa Viajar preparou uma planilha de planejamento de viagem perfeita para isso. Com ela, você anota todos seus orçamentos e monitora certinho quanto precisará investir para fazer uma viagem sem ficar no vermelho.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verão 2020

Programe-se para curtir as belezas da Bahia no próximo verão! Temos dicas de lugares incríveis para suas férias.