Um dos personagens mais adoráveis e adorados do mundo completa 70 anos em 2020. E há muito o que comemorar: desembarcando no Brasil, a rede de café do Snoopy já está em São Paulo, Brasília e Belo Horizonte, fazendo a alegria dos fãs que podem curtir seus personagens favoritos da decoração ao prato.

Foi em meados de 1950 que a turma do Peanuts, criada por Charles M. Schulz, apareceu em formato de tirinhas. Não demorou muito para o cãozinho cheio de personalidade conquistar pessoas em nível global, junto a outros personagens complexos, como o melancólico Charlie Brown, a mau humorada Lucy e o simpático passarinho amarelo Woodstock.

É claro que a graciosa turminha acabou migrando do desenho para o mundo real. Com livros, pôsteres, roupas e brinquedos, Snoopy definitivamente não é apenas um mero personagem, mas um produto bem lucrativo, afinal, quem não quer ter um pedacinho dele, não é?

“A vida é como uma casquinha de sorvete. Você deve aprender a equilibrá-la…”
(Charlie Brown)

Foto: divulgação/Snoopy Café

Com licenciamento de marca, surgiu o primeiro café do Snoopy em Tóquio, no Japão. Tendo os personagens como inspiração, vários outros estabelecimentos apareceram, cada qual com suas características. Existe também o “Charlie Brown Cafe“, que se espalhou pela Ásia, chegando a Tailândia, Taiwan e Singapura.

Peanuts Café em Tóquio – Foto: divulgação/Peanuts Café

Café do Snoopy no Brasil

No Brasil, quem comanda a rede de franquias é a empresária Renata Vigna, junto ao grupo Infinity, responsável por marcas como a norte americana Wendy’s. A primeira a abrir as portas por aqui foi a unidade do shopping Morumbi, em São Paulo, que apareceu a cerca de um ano atrás.

Num quiosque de 12 m² no piso térreo, o público tem direito a cardápio personalizado, loja de souvenirs e decoração temática. O menu tem opções de cafeteria e lanches, incluindo doces, salgados, saladas, cafés variados, milk shakes, sundae e casquinhas.

Foto: divulgação/Snoopy Café
Foto: divulgação/Snoopy Café

Os personagens estampam desde a espuma de leite do café até a massa de waffles e panquecas, que podem ser acompanhadas de Nutella. Em datas comemorativas, como Halloween e Natal, há um cardápio especial com algumas novidades. No mesmo espaço também são comercializados produtos licenciados como copos, canecas, camisetas, pelúcias, entre outros.

A previsão é de que outros locais da cidade recebam o café do Snoopy neste ano: os shoppings Eldorado, Ibirapuera e Vila Olímpia. Há duas outras lojas brasileiras em funcionamento. Uma dentro do embarque doméstico do terminal 2 no aeroporto de Confins, em Belo Horizonte; e outra no Conjunto Lab, em Brasília.

Foto: divulgação/Snoopy Café
Foto: divulgação/Snoopy Café
Café do Snoopy em SP – Foto: divulgação/Snoopy Café
Café do Snoopy em BH – Foto: divulgação/Snoopy Café

Hotel do Snoopy

Em agosto do ano passado, a cidade de Kobe, no Japão, abriu o Peanuts Hotel, um hotel temático do Snoopy, que segue o conceito de parecer com a casa de um velho amigo. A inspiração veio das histórias em quadrinhos, que trazem Woodstock se sentindo confortável o suficiente para dormir na casa do cãozinho.

Foto: divulgação/Peanuts Hotel

São 18 quartos com decoração única, baseada em uma tirinha específica, além de jardim, restaurante e cafeteria, que segue a mesma linha da unidade do Peanuts Cafe instalada no bairro Nakameguro, em Tóquio. As diárias custam a partir de ¥ 30,000, equivalente a US$ 278.

A cidade de Kobe pode ser acessada a partir de Kyoto e Hiroshima por trem, ou pelo aeroporto internacional de Osaka.

Foto: divulgação/Peanuts Hotel

Explosão de fofura! Conheça o Sanrio Puroland, parque temático da Hello Kitty no Japão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verão 2020

Programe-se para curtir as belezas da Bahia no próximo verão! Temos dicas de lugares incríveis para suas férias.