Um pacato vilarejo com praia paradisíaca se esconde no Piauí. Após percorrer 400 km a partir da capital se chega ao La Cozinha, restaurante e pousada em Barra Grande, lugar onde está o menor litoral brasileiro. Com bangalôs ecológicos, piscina e comida gourmet à disposição, não haverá do que reclamar.

O casal Hervé e Marie Witmeur costumava sair da Bélgica, seu país de origem, para constantes viagens e aventuras. Quando chegaram ao Nordeste brasileiro, caíram nas graças de todos os encantos da região. A paixão foi tamanha que, a cerca de cinco anos, a dupla veio de mala e cuia para viver no município de Cajueiro da Praia, a “mãe” do vilarejo. 

Foto: divulgação

O chef carrega na barragem prestigiadas instituições culinárias de Bruxelas, expedições ao redor do mundo, troca de saberes relacionados à comida ecológica, que une culinária gourmet e meio ambiente, além de contar com o paladar refinado da companheira. Enquanto o marido está na cozinha, Marie fica responsável pelos serviços do La Cozinha e ajuda a cuidar do jardim.

Depois dessa apresentação, dá pra imaginar que o espaço conquista os clientes pelo estômago. A proposta do restaurante é trabalhar os ingredientes locais, vindos da horta orgânica, para resultar em sabores refinados, criativos e saudáveis. A cozinha aberta permite que todos vejam a refeição sendo preparada.

O menu é uma fusão entre Brasil e França, trazendo peixes e frutos do mar frescos, visto que a pousada em Barra Grande tem entre as vantagens uma boa parcela de pescadores presentes. A experiência gastronômica inclui pratos como o pão de tapioca na folha de bananeira, com vinagrete de pólen e flor; e o ceviche de coco, espuma de moringa, chips de banana e flores.

A assinatura do chef também marca presença no menu executivo, servido durante a semana das 12h às 15h. O restaurante é aberto a não-hóspedes.

A pousada

A propriedade La Cozinha Bungalow no Beco da Moringa foi concebida para ser ecologicamente correta, incorporando recursos sustentáveis na construção e no cotidiano. Uso de energia solar e de equipamentos de baixo consumo energético, captação de água da chuva, coleta seletiva e reuso de resíduos orgânicos estão entre alguns dos exemplos.

Construídos em alvenaria, com detalhes em madeira e cobertura de piaçava, os bangalôs comportam de uma a quatro pessoas por vez. Todos possuem mais ou menos as mesmas características, com cama King size, ar condicionado, ventilador, televisão, mini-bar, cofre e Wi-Fi. Três unidades possuem jardim privativo.

Para quem quiser curtir o oásis piauiense por uma temporada mais longa pode reservar a Casa dos Nômades, a apenas 150 metros da praia. Construída em arquitetura contemporânea, a casa de 250 m² conta com quatro suítes para até oito pessoas, cozinha americana, sala de estar, churrasqueira, uma piscina de 18 metros e terraços mirando o pôr do sol. 

Foto: divulgação

A pousada em Barra Grande tem uma outra piscina para chamar de sua, que reluz sob o sol brilhante. O barman pode preparar drinks refrescantes para serem degustados nas espreguiçadeiras. Aulas de yoga, massagens, passeios turísticos e kitsurf são oferecidos com agendamento prévio.

Com localização privilegiada, a poucos passos dos principais estabelecimentos de Barra Grande e a uma curta distância do oceano, La Cozinha Bungalow é um oásis de tranquilidade. Este é o lugar ideal para se desconectar da sua vida cotidiana.

Tome nota: a cerca de dois anos, o chef apostou em Jericoacoara, no Ceará, para a abertura de outro restaurante, o sofisticado Éllo, seguindo o mesmo conceito de cozinha natural e orgânica. 

Foto: divulgação

Quanto custa

As diárias da pousada em Barra Grande estão a partir de R$ 420. Verifique suas datas e faça a reserva aqui!

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *