A região de Los Lagos, no Chile, é cercada por parques belíssimos. Quem curte trekking e também as paisagens da Patagônia Chilena precisa conhecer um lugar imperdível e visitar o Parque Nacional Alerce Andino.

Há milhares de anos, essa região ecológica era isolada e coberta por gelo. Isso fez com que, com o passar dos anos, uma floresta única no mundo se formasse no local — tanto que 1/3 das espécies presentes no parque não existem em nenhum outro lugar do planeta.

As trilhas são perfeitas para os aventureiros que gostam de desbravar destinos em meio à floresta com mata fechada. Alguns trechos são mais simples, com trilhas de 1km, enquanto outras precisam de disposição e preparo físico.

parque nacional alerce andino
Foto: TripAdvisor

A grande atração do Parque Nacional Alerce Andino é o Alerce, uma árvore parente das sequoias de mais de 3 mil anos. Para chegar até o local onde essa árvore milenar está plantada, os turistas precisam percorrer uma trilha com 4 km de distância de ida (e depois esses mesmo 4km para retornar).

Todo o esforço do trekking é recompensado com a vista da natureza pelo caminho até a contemplação da imponente árvore de 80 metros de altura.

parque nacional alerce andino
Foto: TripAdvisor

Além da flora e fauna preservadas, o parque também possui 50 lagoas cercadas por árvores nativas, como a Chaiquenes, a Triángulo, a Chilco, a Fría e a lagoa Gaviota.

Também vale a pena ver a cachoeira Salto Chaicas, a Laguna Sargazo (que tem uma ponte bem bonita)

parque nacional alerce andino
Foto: TripAdvisor

Apesar do parque ficar aberto o ano inteiro, a melhor época para visitá-lo é de outubro a abril, evitando os meses de inverno chileno, quando muitas atrações e hotéis ficam fechados.

Como chegar ao Parque Nacional Alerce Andino

parque nacional alerce andino
Foto: TripAdvisor

O Parque Nacional Alerce Andino faz parte da Rota dos Parques da Patagônia, considerada uma das estradas mais lindas do mundo, abrangendo um trecho de 2.800 km que cruza 17 parques.

Uma das melhores maneiras de visitar o parque é saindo de Puerto Varas, um destino bem popular entre os turistas no Chile que fica a 70 km de distância. Se quiser facilitar ainda mais o deslocamento, contrate uma excursão que parte de Puerto Varas com passeio guiado pelo Parque Nacional Alerce Andino.

Foto: TripAdvisor

Existem entradas em três cidades chilenas: Lenca, Correntoso e Sargaza. A principal fica em Lenca, mas chegar até ela pode ser complicado, principalmente porque em um certo trecho somente carros 4×4 conseguem passar.

Se essa não é sua vibe, você pode seguir pela Rota 7 até Chamiza e pegar a V 65 até Corretoso, onde tem uma entrada para o parque. Siga por aproximadamente 9 km até chegar à entrada de Sargazo.

Planeje bem seus passeios, isso porque às 16h todas as trilhas são fechadas, mesmo que tenha sol.

Quanto custa? A entrada para o Parque Nacional Alerce Andino custa 4 mil pesos chilenos, aproximadamente R$ 24.

Dicas gerais para quem visita o parque

parque nacional alerce andino
Foto: TripAdvisor
  • Prepare uma mochilinha com água e lanches para aguentar o tempo de caminhada.
  • Faça o trekking vestindo calça e blusa de manga comprida, isso ajuda a se proteger dos insetos.
  • Falando nos insetos, eles são atraídos por cores escuras: vá com roupas claras.
  • Leve repelente e protetor solar.
  • Coloque seu boné ou chapéu na mochila para se proteger do sol.
  • Não se esqueça dos óculos de sol.
  • Os banheiros ficam apenas na entrada do parque e não possuem papel higiênico, leve o seu na mochila.

Curtiu esse parque lindão na Patagônia Chilena? Agora que você sabe que Puerto Varas fica próximo ao parque, que tal usar nosso buscador de passagens aéreas baratas para ficar de olho nas promoções? 😉

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *