O litoral brasileiro é uma das paixões nacionais e também deixa os gringos caidinhos de amor. A beleza é tamanha, que não é preciso ir até paraísos caribenhos ou as ilhas Maldivas para curtir boas opções. Duvida? Então dá uma olhada nas 15 melhores praias de Alagoas e veja com seus próprios olhos os encantos do “Caribe brasileiro”.

Não é por acaso que o turismo na região só cresce. A estimativa para os primeiros dois meses de 2018 é de 600 mil visitas, segundo levantamento recente da Sedetur (Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo). Nossa dica para as suas férias requer um bocado de tempo, mas vale a pena: faça o roteiro da Costa dos Corais.

Enquanto esse dia não chega, anota aí as melhores praias para curtir em Alagoas!

Melhores praias de Alagoas

Praia do Francês – Marechal Deodoro

A apenas 30 km de Maceió, o destino de Marechal Deodoro faz sucesso por conta da praia do Francês. Longe de prédios, o lugar atrai muitos turistas que vão em busca de piscinas naturais e de ondas ideais para surfistas. A cidade, onde nasceu Deodoro da Fonseca, tem também uma grande importância histórica, já que este foi o proclamador da República e primeiro presidente do Brasil. A arquitetura colonial ganha destaque, passando por igrejas em estilo rococó e casinhas coloridas.

Praia de Paripueira – Paripueira

É em Paripueira que começa uma barreira de corais que segue até Pernambuco. A região é conhecida pela variedade de espécies marinhas, com destaque para a preservação de peixes-boi, e por seus galés, semelhantes aos de Maragogi. Ao todo, conta com mais de 20 piscinas naturais, muito transparentes e azuis. O traslado é feito em lanchas e dura cerca de duas horas.

Praia do Antunes – Maragogi

Maragogi é ideal para mergulho, feito em águas calmas, mornas e cristalinas, onde se observam corais e até barcos naufragados. Na praia do Antunes, o visual paradisíaco e cenográfico parece até que saiu de um filme. Na maré baixa, bancos de areia se formam no mar de águas quentes e calmas, facilitando o acesso até as piscinas naturais. O pôr do sol é imperdível.

Praia do Toque – São Miguel dos Milagres

Os casais descobriram São Miguel dos Milagres e não largam mais. Destino típico para Lua de Mel, a cidade tem tudo para tornar a viagem romântica: pousadas aconchegantes, restaurantes românticos e praias selvagens. É o caso da Praia do Toque, que reúne tudo isso num só lugar, com a vantagem de ter lindas piscinas naturais em suas águas mornas e cristalinas durante a maré baixa. E ah! O jornal inglês The Guardian a colocou como a terceira mais bonita do Brasil em uma de suas publicações.

Foto: pousada do toque

Praia do Gunga – Roteiro

Mundialmente famosa e uma das mais bonitas do Brasil, a praia do Gunga fica a 49 km de Maceió. Este pedaço de paraíso emoldurado por coqueiros une as águas do Oceano Atlântico com a Lagoa do Roteiro. A península conta ainda com falésias coloridas e um mirante que oferece visão panorâmica de seus encantos.

Pontal do Coruripe – Coruripe

O município de Coruripe abriga uma importante usina local, mas seu principal atrativo mesmo é a bela praia do Pontal, parte do maior litoral do Alagoas. Tranquila, conta com grandes recifes em suas águas mansas, de frente para os coqueirais. É comum a prática de caiaque e vela. Um farol, construído como réplica da caravela portuguesa de Pedro Álvares Cabral, ajuda a tornar o cenário mais bonito

Carro Quebrado – Barra de Santo Antônio

Muito conhecida, a praia de Carro Quebrado tem um cenário exótico e atrai casais apaixonados. Parte de uma Área de Proteção Ambiental a apenas 37 km de Maceió, o local passa boa parte do tempo deserto, sem a presença de pousadas, ambulantes ou quiosques. Enormes paredões de falésias avermelhadas contrastam com o mar azulão e a areia branquinha. Lá do alto é possível avistar todas as cores que compõem suas águas.

Pontal do Peba – Piaçabuçu

Localizada numa Área de Proteção Ambiental, essa é a praia mais extensa do estado. E haja espaço para seu rico ecossistema, composto de aves migratórias, mangues, dunas, coqueirais, Mata Atlântica e tartarugas marinhas. No mar, águas mornas e cristalinas; na faixa de areia, muita calmaria, já que quase não há pessoas. Aproveite para visitar o mercado de arte e navegar de barco pelo rio São Francisco até a sua foz.

Praia do Patacho – Porto de Pedras

A sossegada Patacho já esteve entre as mais bonitas do país segundo a mídia especializada em turismo. Parte da chamada Rota Ecológica, em suas águas mornas e cristalinas se formam arrecifes e piscinas naturais durante a maré baixa. O acesso é fácil, mas mesmo assim ela continua deserta, garantindo tranquilidade aos visitantes. É preciso levar comida, bebida, sacolinha de lixo e o que mais achar necessário para passar o dia longe do estresse.

Jacarecica do Sul – Jequiá da Praia

A cerca de 65 km de Maceió está a bela e ainda desconhecida Jacarecica. Rodeada por falésias avermelhadas com até 15 metros de altura, que atribuem ao local um cenário mais selvagem, a praia conta não só com o mar, mas também uma lagoa de água doce em uma de suas extremidades. Não há muita infraestrutura e uma das formas de acesso é pelo passeio conhecido como Circuito Pau de Arara, através das dunas de Massapé.

Praia de Lages – Porto de Pedras

Se o visual caribenho muito te agrada, mas você não pode pagar no momento, então pegue suas economias e vá para Lages! O povoado a 100 km da capital e a 20 km de Maragogi tem um visual paradisíaco, com mar apaixonante de águas mornas. Na maré baixa, eis que surgem as tão aguardadas piscinas naturais. A boa notícia é que ainda é pouco frequentada por turistas, tornando-se naturalmente mais exclusiva. Há pousadas bem convidativas e românticas.

Ponta Verde – Maceió

Tipicamente urbana, essa é a mais badalada de Maceió, mas ainda assim tem seus encantos. O visual é semelhante às vizinhas, assim como seus atrativos: piscinas naturais que se formam na maré baixa do mar esverdeado. Mas, devido sua localização, é preciso checar antes as condições da água e ver se estão aptas para banho. A orla conta com hotéis, restaurantes, bares e trechos para a prática de esportes.

Pajuçara – Maceió

Uma das mais famosas do estado, Pajuçara é também muito procurada por turistas durante a alta temporada, devido sua infraestrutura e os passeios de jangada que levam até as piscinas naturais, a cerca de 2 km da costa. É importante notar o uso de embarcações adaptadas para cadeirantes, fazendo com que o local seja mais inclusivo. No calçadão, quem faz sucesso além dos bares e restaurantes são os artesanatos, feitos em couro, renda e barro.

Barra Grande – Maragogi

O mar em Barra Grande parece mais uma piscina: é calmo e cristalino, do jeito que a criançada gosta. Na maré baixa formam-se bancos de areia que facilitam o acesso até as piscinas naturais, em 1 km de caminhada, não necessitando de barcos – e consequentemente um custo a mais – para essa tarefa. Só não se esqueça de checar os horários da tábua de marés para voltar a tempo, antes que a maré suba.

Garça Torta – Maceió

Ainda dentro de Maceió, rumo ao litoral norte, está a quase esquecida praia de Garça Torta, uma das mais bonitas da cidade. Essa opção une o melhor dos mundos: um mar esverdeado que também forma piscinas naturais na maré baixa; visual bonito; e infraestrutura completa, com chuveiros, orla e beach clubs com playlists interessantes.

[+] Confira nossas dicas para aproveitar o melhor de Maceió

Post por Brunella Nunes
Fotos: divulgação/turismo Alagoas

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *