Aparentemente, uma das grandes atrações da Argentina é a carne. Realmente, existe algum ingrediente secreto no país que transforma os cortes em iguaria, tornando-os talvez os mais deliciosos e suculentos que você já provou na vida. Para forrar seu estômago e ainda ter um belo custo-benefício, reunimos aqui os melhores restaurantes e churrascarias em Buenos Aires para degustar uma boa parrilla.

Restaurantes e churrascarias em Buenos Aires

Parrilla Peña

Despretensioso e pouco chamativo, o restaurante esconde uma das melhores parrillas da Argentina e muita gente sequer dá bola ao passar pelo endereço. Localizado entre as Avenidas Córdoba e Corrientes, onde se concentra comércio popular, shoppings e outlets, o Peña é simples e mega tradicional, com funcionários que estão trabalhando há décadas e famílias portenhas. O atendimento é rápido e sim, ali realmente é um lugar para provar as melhores carnes da sua vida. Peça a provoleta (queijo derretido e temperado), o chorizo e o bife de chorizo – acompanhados de chimichurri -, bem servidos e de dar água na boca. O custo benefício pode ser o melhor da cidade, mas só aceitam dinheiro vivo no pagamento.

parrilla-pena

parrilla-pena

Parrilla Don Julio

Impossível falar de parrilla sem mencionar o Don Julio. Em Palermo, o restaurante atrai turistas e locais por inúmeros motivos: uma notável carta de vinhos, ótimo serviço, ambiente agradável e comida que derrete na boca. Com uma vasta lista de carnes, incluindo molleja, ojo de bife, bife de chorizo, as indispensáveis papas fritas e cogumelos grelhados. Em horários de pico, a fila de espera é longa…

Membros do Quanto Custa Viajar já foram no Don Julio e aprovaram a comida, apesar de um pouco cara, é realmente muito boa!

don-julio

donjulio

Fotos: Agustina Marino/via

Parrilla La Cabrera

Meio hype, o sempre lotado restaurante atrai tanto a atenção de turistas que mal se ouve espanhol lá dentro. Mas há motivos para tanto burburinho: a seleção de carnes é uma das melhores da cidade. O lomo (filé mignon) se destaca e os pratos podem ser facilmente divididos. Os vegetarianos também podem ser felizes com os acompanhamentos, que variam entre batatas, vegetais, pães e saladas. Dica importante para quem quer poupar o bolso: todas as noites, durante o happy hour (entre 19h e 20h), todos os itens do menu estão com 40% off. Isso mesmo. TODOS.

la-cabrera

la-cabrera

El Pobre Luis

Perto do bairro chinês está ele, o pobre Luis, uruguaio que comanda a grelha. O tradicional restaurante é forrado por camisas de futebol e ganha fama como uma das melhores parrillas de BsAs. Amigos e famílias se reúnem para degustar cortes típicos e outros bem diferenciados, como riñones a la tela, rins assados envolvidos numa membrana do estômago do porco. Há quem goste, e muito! Na busca por algo menos “estranho” aos ouvidos, peça o ojo de bife, o bife de chorizo e pamplonas de cerdo, carne suína recheada com presunto, bacon, queijo e pimenta ají.

el-pobre-luis

el-pobre-luis

Fotos via

El Corralón

Tipicamente portenho e um pouquinho cafona, o El Corralón é ótimo para quem quer comer uma boa parrilla e gastar pouco. Fotos de famosos e camisas de time de futebol adornam as paredes, mostrando que o lugar, mesmo que nada sofisticado, atrai uma clientela mais exigente. Aliás, o dono do local sempre gosta de contar boas histórias aos clientes. Os pratos são abundantes e ideais para dividir.

el-corralon

el-corralon

La Carniceria

Enfim, BsAs tem uma churrascaria descolada e de ótima qualidade. Aberto para jantar todos os dias e almoço aos fins de semana, o pequeno espaço já conquista corações com seu ar moderno e boa gastronomia. As carnes ganham toques contemporâneos ao chegar na mesa, com pratos bonitos de ver e deliciosos para o paladar. Os itens favoritos de asado estão no menu, incluindo chorizo, proveleta, molleja e carnes defumadas. Buena onda!

la-carniceria

la-carniceria

La Cabaña

Ali no miolo de Puerto Madero, ao redor da Puente de la Mujer, tem uma infinidade de restaurantes, em sua maioria servindo parrilla. Como o local é ponto turístico, óbvio que os preços sobem. Para dias especiais, pode valer a pena. Entre as opções está o sofisticado e intimista La Cabaña. A equipe é muito atenciosa e a Parrilla é excelente. Um sommelier indica boas opções de vinho para acompanhar a comilança. Na última vez que fui, a conta deu 600 pesos (quase R$ 300 em meados de 2014), para duas pessoas.

El Ferroviario

Tá afim de um rolê bem local, zero sofisticado e totalmente sem frescura? Então anota aí porque este é o lugar certo e fica em Liniers, uma estação de trem nada turística. As mesas, sempre ocupadas, indicam que existe alguma coisa muito especial lá dentro. Com grelhas enormes e carcaças devidamente penduradas para assar, o El Ferroviario é aquele point que reúne grupos de amigos, times de futebol e famílias inteiras. Ali se provam todos os cortes de carne possíveis e imagináveis, além de empanadas, massas e milanesas. Entre os cortes mais conhecidos, morcilla, chorizo, costela (tira), mollejas e chinchulines (intestino delgado do boi) saem da brasa o tempo todo.

el-ferroviario

el-ferroviario

Ficou com vontade? Confira quanto custa viajar para Buenos Aires aqui!

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *