A Austrália se destaca pelo estilo de vida litorâneo, marcado pelo surf, e ao mesmo tempo pelas cidades cosmopolitas. O país, assim como o Brasil, é muito dinâmico no que diz respeito a passeios, pois tem em seu território os mais variados tipos de lugares, o que a torna democrática para os turistas. Cercada por belezas naturais, não é difícil encontrar lugares tão bonitos que chegam parecer de mentira. Entre desertos, cânions, praias paradisíacas, alpes nevados, montanhas, florestas tropicais e recifes, não tem como não encontrar o passeio ideal. Selecionamos lugares para visitar na Austrália, confira:

Lugares para visitar na Austrália

1. Tasmânia: marcada por uma beleza antiga e selvagem, a Tasmânia tem  17 parques nacionais para serem explorados, sendo alguns deles considerados Patrimônio Mundial pela UNESCO. Que tal pegar a trilha de Overland no Parque de Cradle Mountain ao Lago St Clair e desbravar os rios indomáveis  da costa oeste?

tasmania2

2. Parque Marinho Ningaloo: Lar de 250 espécies de corais e mais de 500 espécies de peixes, Ningaloo é um dos maiores recifes do mundo. Ao longo de 250 quilômetros, o parque está a apenas 100 metros da costa, permitindo que os turistas não fiquem tão longe das cidades próximas.

Ningaloo

Compre sua passagem aérea para Sidney pelo melhor preço!

3. Ilhas Whitsundays: Formado há milhões de anos, o grupo de 74 ilhas conta com praias isoladas de areia branca, cercadas de palmeiras e águas cristalinas. Um verdadeiro paraíso tropical rodeado pela Grande Barreira de Corais!

whitsundays

4. Uluru: Considerada Patrimônio da Humanidade, este é um dos símbolos da Austrália, rica em cultura indígena e paisagens desérticas. Os passeios são guiados por um aborígine, abordando tradições e histórias de um povo que ainda vive e mantem o local. O visual pode ser apreciado também de cima, via helicóptero ou balão de ar quente.

uluru

5. Parque Nacional de Karijini: Com abismos impressionantes, túneis em rocha de mármore, piscinas de pedra e cachoeiras fantásticas, o parque em Pilbara vem sendo moldada pela natureza ao longo de dois bilhões de anos. Há opções para acampar no meio do sertão ou até mesmo se hospedar num luxuoso refúgio ecológico.

karijini

6. Alpes Australianos: Nem só de praias vive o país. Ao sudoeste, encontram-se montanhas nevadas e o Kosciuszko, o maior pico da região. Trilhas, caminhadas e pedaladas são algumas das atividades a serem feitas neste recanto cercado pela neve.

alpes

7. Kings Canyon: Parte do chamado Red Center, o antigo cânion de arenito é marcado por sua coloração avermelhada. Próximo a Alice Springs e Uluru, a formação rochosa é uma importante área de preservação de mais de 600 espécies de plantas nativas e animais. O visual é imperdível.

kings canyon

8. Ilha Fraser: Também considerada Patrimônio Mundial, a maior ilha de areia do mundo fica em Queensland e é acessada através de uma viagem curta de ferry boat, saindo de Hervey Bay.  Areias coloridas, um mar meio azul turquesa, meio azul marinho, mata tropical, lagos de água doce e observação de baleias encantam qualquer mortal.

fraser island

9. Floresta Daintree: Esta é, segundo os australianos, a floresta tropical mais antiga do mundo, com mais de 135 milhões de anos. A duas horas de carro ao norte de Cairns, o local abriga a maior variedade de plantas e animais do mundo. O ideal é visitar durante a primavera, quando não há chuvas, as temperaturas estão amenas, as orquídeas florescem e as praias de águas calmas ficam ainda melhores.

daintree

10. Freycinet: O parque nacional de Freycinet é um paraíso de montanhas de granito rosa, mar turquesa e areias brancas, na costa leste da Tasmânia. Não tem como ficar entediado; dá para praticar surfe, caiaque com os golfinhos, conhecer o farol histórico, caminhar pela Cordilheira Hazard e avistar a belíssima baía Wineglass.

freycinet

11. Grande Barreira de Corais: O nome se justifica pelos 2 mil quilômetros de barreira de corais ao litoral de Queensland. Os turistas podem nadar, mergulhar e velejar no recife, também considerado Patrimônio Mundial da Humanidade. É um dos melhores lugares para se estar próximo da vida marinha.

grande barreira de corais

12. Cordilheira Flinders: As aventuras no deserto da cordilheira se estendem até uma cidade mineradora subterrânea, Coober Pedy, capital mundial da opala. A região possui 70 campos de mineração, em 5 mil quilômetros quadrados. Uma garantia durante a noite é que as estrelas no céu costumam brilhar ainda mais do que as pedras preciosas.

flinders

Texto por Brunella Nunes

Fotos: divulgação/australia.com

Quando não está viajando pelo mundo, está viajando nas ideias.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *