Sabe aqueles lagos chilenos incríveis, com águas com coloração azulada exuberante nos dias de sol, cercados por montanhas imensas que praticamente emolduram toda a paisagem? Assim, é a Laguna del Inca, um dos cenários naturais mais bonitos que podemos visitar no Chile.

Localizada na cidade de Portilho e a 164 km de distância de Santiago, a laguna é considerada uma das mais antigas das Américas e fica no meio da Cordilheira dos Andes, a 2.888 metros de altitude. A linda lagoa surpreende também no tamanho, com 4 km² de superfície e 370 metros de profundidade. No inverno, as águas chegam a ficar congeladas e, no verão, o espaço é tomado por pescadores e pessoas passeando de caiaque.

laguna del inca
Foto: 5byfive

Segundo a lenda local, uma princesa Inca morreu tragicamente há poucos dias do seu casamento, caindo de um penhasco. Essa princesa foi enterrada na região onde se encontra o lago. Com essa tragédia, o noivo, o guerreiro Illi Yupanqui, chorou muito pela morte da amada e as lamentações dele podem ser ouvidas até hoje em determinadas noites.

Os barulhos dos ventos que fazem ao redor da laguna, já que está encravada no meio de montanhas, ajudam a deixar a lenda ainda mais real. Seja como for, a história fica ainda mais interessante quando contada por uma guia credenciado.

Como chegar à Laguna del Inca?

A Laguna del Inca está localizada em uma região montanhosa onde as condições climáticas são imprevisíveis. Informe-se sobre a previsão do tempo e das estradas antes de viajar. Atenção redobrada se estiver nevando, já que isso deixa a pista escorregadia e a motorista precisa ser boa na boleia.

Apesar de abrir para visitação o ano todo, em períodos do inverno pode ser arriscado enfrentar a estrada por conta própria. Já durante o verão, o gelo depositado no cume das montanhas costuma derreter por completo, mas a coloração da água fica linda. Já na primavera ou no outono, é possível ver as montanhas com neve, deixando o cenário encantador.

laguna del inca
Laguna del Inca no verão. Foto: Wikimedia Commons

Cajón del Maipo e Embalse El Yeso: passeio IMPERDÍVEL nos arredores de Santiago

Laguna del Inca no inverno. Foto: Wikimedia Commons

Seja indo com uma excursão para Laguna del Inca ou por conta própria com um carro alugado, o bacana para quem sai de Santiago rumo ao lago impressionante é passar pela Estrada de Los Caracoles, um trecho repleto de curvas que rende fotos ótimas e bastante adrenalina.

O lago também fica a 30 km da fronteira do Chile com a Argentina. Quem estiver em Mendoza, por exemplo, pode encarar uma viagem de três horas para conhecer pessoalmente essa maravilha da natureza.

Na região onde fica o lago, ainda existem mais diversas atrações para conhecer. A Puente del Inca, o Parque Nacional Aconcagua, onde fica o ponto mais alto das Américas, o Pico Aconcagua, são apenas alguns dos passeios para combinar com a ida à Laguna del Inca.

A Estação de Esqui Portillo também faz parte do complexo de atrações. O lugar é perfeito para quem deseja esquiar pela primeira vez, já que possui pistas para iniciantes e tem um ambiente bem familiar.

Onde ficar durante essa viagem?

Foto: Divulgação / Ski Portillo

O tempo de deslocamento de Santiago até a Laguna del Inca será aproximadamente 2h30. Não é tanto tempo assim, mas também não é pertinho. Logo, se quiser fazer um bate e volta, ficando em um hotel em Santiago será tranquilo.

Mas, ficar na região também pode ser interessante, especialmente para emendar outros passeios pela redondeza sem correria. Se tiver grana para investir na hospedagem, tente ficar no icônico Hotel Portillo, que conta com 123 quartos todos com vista para a Laguna del Inca ou para o vale onde fica o resort. O preço da diária para quarto duplo é de US$ 386 na alta temporada, algo em torno de R$ 1.480, mas recebendo atendimento de princesa all-inclusive.

Para economizar com hospedagem, você pode optar por ficar em Las Cuervas, do outro lado da fronteira, já na Argentina. O Portezuelo del Viento – Hostel de Montaña sempre tem promoções durante as férias. Uma diária com café da manhã em dormitório compartilhado custa R$ 38.

Já a Pousada Hospedaje Leñas del Tolosa, também em Las Cuervas, tem quartos duplos com diárias a partir de R$ 147. Cogite também ficar no charmoso Refugio Cumbres, em Los Andes, com diárias a partir de R$ 182 e, inclusive, com quartos com vista para as montanhas.

Se possível, evite fazer o passeios aos finais de semana, já que a área fica mais movimentada. Mesmo podendo ir de carro, por questões de segurança, procure uma agência e vá com um motorista. Falando em agências, elas geralmente oferecem algum lanchinho (como bolachas e frutas), mas leve alguma coisa para tapear a fome e sua garrafinha abastecida com água é essencial. Use roupas leves e confortáveis para caminhar ao redor da lagoa. No verão, as temperaturas são mais amenas, no inverno é bem rigoroso.

Agora, é só encontrar uma promoção de passagem aérea para Santiago para curtir sua viagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verão 2020

Programe-se para curtir as belezas da Bahia no próximo verão! Temos dicas de lugares incríveis para suas férias.