Existem alguns lugares bem curiosos no Brasil e este é mais um deles. O Jardim do Nêgo, em Nova Friburgo (RJ), chama a atenção por conta das esculturas gigantes feitas em barrancos pelo cearense Geraldo Simplício, que chegou ao município em 1969. Em seu sítio e ateliê no meio da Mata Atlântica, costumava trabalhar com madeira na hora de fazer artes, até que um dia despertou o olhar para a terra.

As obras de grandes proporções, com até 10 metros de altura, são feitas em barro por meio de uma técnica que mistura argila, pedra e areia. As esculturas talhadas a mão são recobertas com um limo verde, um tipo de proteção natural, e exigem manutenção diária devido a erosão do solo. O clima úmido faz com que o musgo cresça e faça o acabamento de cada uma das peças.

Em 2011, uma tragédia causada pelas chuvas prejudicou a região serrana do Rio de Janeiro e também os 30 trabalhos artísticos criados por Nêgo. Depois de se recompor, tem hoje 17 figuras humanas e animais esculpidas ao redor do terreno, que se tornou um verdadeiro museu a céu aberto, já visitado por mais de 100 mil pessoas de diversas partes do mundo.

O jardim fica no km 55 da estrada RJ-130 e abre diariamente, das 8h às 17h. A entrada custa R$ 15 para os adultos e crianças até 12 anos não pagam ingresso.

Foto: Cris Isidoro / Diadorim Ideias.

[+] Que tal aproveitar a viagem para fazer uma excursão cultural pelo Rio de Janeiro?

Foto: Cris Isidoro / Diadorim Ideias.

Foto: Cris Isidoro / Diadorim Ideias.

Foto: Cris Isidoro / Diadorim Ideias.

Foto: Cris Isidoro / Diadorim Ideias.

Foto: Cris Isidoro / Diadorim Ideias.

[+] Conheça outro jardim ecológico escondido no interior do Rio!

Post por Brunella Nunes
Fotos: reprodução

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verão 2020

Programe-se para curtir as belezas da Bahia no próximo verão! Temos dicas de lugares incríveis para suas férias.