Viajar para Bariloche não significa apenas pensar em esquiar! A cidade tem muitas atrações charmosas e um dos passeios mais tradicionais é feito de barco no Lago Nahuel Huapi, visitando assim a Isla Victoria e Bosque de Arrayanes. O bom é que esse tipo de passeio pode ser feito o ano tudo, mesmo nos períodos mais frios e com neve.

A Isla Victoria e o Bosque Arrayanes são dois pontos turísticos muito especiais em Bariloche. Quem visita a região se apaixona pela beleza do lago de águas cristalinas, emoldurado pelas montanhas, paisagem esta que pode ser apreciada com vista privilegiada pelos viajantes que conhecem de pertinho essas duas atrações.

Onde ficar em Bariloche? Confira aqui hotéis para se hospedar

Isla Victoria e Bosque de Arrayanes
Vista da Isla Victoria. Foto: Divulgação / Isla Victoria y Arrayanes
Isla Victoria e Bosque de Arrayanes
Isla Victoria. Foto: Divulgação / Isla Victoria y Arrayanes

Conheça outros passeios legais para fazer em Bariloche

Isla Victoria e Bosque de Arrayanes
Bosque de Arrayanes. Foto: Divulgação / Isla Victoria y Arrayanes
Isla Victoria e Bosque de Arrayanes
Bosque de Arrayanes. Foto: Divulgação / Isla Victoria y Arrayanes

As embarcações que oferecem o tour partem de Puerto Pañuelo, na imponente península de Llao Llao, localizado a 25 km do centro de Bariloche. Muitas agências fazem o translado de ida e volta, pegando os visitantes na porta do hotel. Ao fechar o passeio, confirme se seu hotel faz parte da rota.

Também é possível ir até o porto por conta própria com um carro alugado em Bariloche (deixando o veículo no estacionamento pago) ou com o transporte público. Nesse caso, você deverá pegar o ônibus 20 Llao Llao e ir até o porto, passando pelo centro de Bariloche e indo até o ponto final, localizado em frente ao chiquérrimo Hotel Llao Llao.

Viagem de barco para a Isla Victoria e Bosque de Arrayanes: contrate seu passeio aqui

Após embarcar, o tempo de deslocamento com o barco até a Isla Victoria, primeiro local de parada do passeio, é de aproximadamente 30 minutos. Durante esse tempo, aproveite para tirar muitas fotos da paisagem ao redor do Lago Nahuel Huapi, é simplesmente lindo!

O charme de Isla Victoria

Foto: Divulgação / Isla Victoria y Arrayanes

A Isla Victoria, a maior ilha do lago, é cheia de bosques, árvores típicas da Patagônia e muitas trilhas bem sinalizadas para os visitantes conhecerem mais a região. A partir da Isla Victoria, é possível apreciar ainda mais a beleza do Lago Nahuel Huapi, a flora fértil da região e a fauna local surpreendente.

Foto: Divulgação / Isla Victoria y Arrayanes

Uma das trilhas dessa ilha leva os viajantes até a Praia do Toro que chama a atenção tanto pelo visual quanto por sua areia vulcânica. Sem dúvidas, será um passeio inesquecível. O tempo de permanência na Isla Victoria é de 1h10.

Encante-se com o Bosque de Arrayanes

Foto: Divulgação / Isla Victoria y Arrayanes

Saindo de Isla Victoria, é hora de seguir para o Bosque de Arrayanes, uma área protegida que fica na península Quetrihue, dentro do Parque Nacional los Arraynes, criado em 1971. O bosque é repleto de arrayán, que são árvores centenárias com 300 anos que chegam a 20 metros de altura.

Foto: Divulgação / Isla Victoria y Arrayanes

As trilhas para visitar e conferir de perto toda a beleza da floresta é bem estruturada, feita com degraus e corrimão de madeira. Por ser uma área de proteção, o tempo de permanência no Bosque de Arrayanes é de 45 minutos.

Durante o retorno para o porto, com certeza você vai se encantar com o pôr do sol no Lago Nahuel Huapi.

Além do valor pago pelo translado de barco, você também vai precisar pegar a parte ingressos para o Parque Nacional, no valor de AR$ 400 para estrangeiros, e a taxa de embarque, que é de AR$ 90.

Comece desde já a planejar sua viagem. Use nosso buscador de passagens aéreas baratas para encontrar as melhores promoções para Bariloche e conferir essas paisagens ao vivo. Será inesquecível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *