Sim, a gente ama o Brasil e aqui no blog do Quanto Custa Viajar não faltam motivos para que você se entregue a este amor também. Desta vez, é hora de mostrar por que você deveria largar tudo e ir para a bucólica Ilha da Gigóia, no Rio de Janeiro. O lugar quase que secreto em plena Barra da Tijuca pode ser perfeito para férias relaxantes ou um passeio rápido.

A região faz parte do arquipélago de 11 ilhas da Lagoa de Marapendi. Por uns instantes nem dá pra imaginar que se está no solo da vibrante Cidade Maravilhosa. O visual pitoresco acompanha os aproximados 3 mil habitantes, que afirmam que ali a violência sequer chega. Aliás, falta também um bocado de infraestrutura, como saneamento básico, fazendo com que os moradores utilizem fossas ou sumidouros. A luz e o telefone funcionam de forma precária, mas você definitivamente vai adorar essa ideia.

ilha gigoia

O acesso à este cantinho quase surreal é feito somente de barco ou chalana, por meio de uma pequena via entre a Unimed e o Barra Point, na Avenida Armando Lombardi. Não circulam carros no local, o que o torna ainda mais especial. As casas costumam ter píer e embarcações estacionadas. Quem quiser pode se hospedar em pousadas ou hostel dentro da Gigóia mesmo.

O ideal é se programar para um almoço nos bons restaurantes que há por lá ou um final de tarde, a tempo de pegar o pôr do sol incrível da ilhota. O restaurante Laguna é um dos mais famosos da região, e apesar de não ser barato, vale a pena pelos pratos com frutos do mar. Tem também as pizzas do Alla Pergola, as massas do Capriccio, o animado Bar Caiçara, o Bar do Galego, que está em funcionamento há 45 anos e, na Ilha Primeira, logo ao lado, o Bar do Cícero.

ilha da gigoia

Gigoia

ilha da gigoia2

Gigoia2

gigoia6

Gigoia

Gigoia3

gigoia5

gigoia4

Post por Brunella Nunes
Fotos: divulgação

Economize até 60% em suas viagens de ônibus!