Se você já viajou para várias cidades da Argentina, é bem provável que tenha encontrado passagens aéreas oferecidas pela empresa Flybondi. Por ser desconhecida pelos brasileiros, muita gente fica com receio de comprar os bilhetes, que são BEM mais baratos se comparados aos de outras companhias aéreas.

Por isso, resolvemos falar mais sobre a empresa para que na sua próxima viagem à Argentina você decida se deseja voar com ela 😉

Flybondi: companhia aérea argentina low cost

Foto: divulgação / Flybondi

Em julho de 2019, a ANAC (Agência Nacional de Avião Civil) autorizou a operação da Flybondi no Brasil e, com isso, muita gente que nem sabia da existência da empresa começou a se surpreender com os preços das passagens aéreas.

A Flybondi é a primeira companhia aérea de baixo custo na Argentina. Mesmo desconhecida entre os brasileiros, ela é a terceira maior na Argentina, graças aos seus preços ultra competitivos.

O preço das passagens fica mais barato porque a empresa possui uma única frota, faz alto uso diário de cada aeronave, tem otimização de tempos de escala em terra e tem boa capacidade máxima de assentos em cada aeronave.

A Flybondi voa para 17 destinos conectados através de 26 rotas. O Brasil está na lista dos destinos com voos de saída e retorno no Rio de Janeiro e também em Florianópolis — as duas cidades brasileiras têm voos de ida apenas para Buenos Aires. Da capital argentina, o passageiro pode comprar voos para todos os outros destinos.

Confira a lista de destinos operados pela Flybondi:

Inclusive, quem mora em Foz do Iguaçu ou perto da cidade paranaense também pode aproveitar os preços competitivos da Flybondi para viajar, isso porque os voos operam no Aeroporto de Puerto Iguazu, pertinho da fronteira Brasil-Argentina.

Flybondi é confiável?

Foto: divulgação / Flybondi

Sim, a Flybondi é uma companhia aérea confiável e você pode comprar suas passagens sem medo. Vimos relatos em comunidades de viajantes que adquiriram os bilhetes em fevereiro para viajar em setembro e tudo ocorreu bem!

Segundo informações de setembro de 2019 da própria Flybondi, a taxa de pontualidade da empresa foi de 92% com taxa de ocupação de 88%.

A empresa é a 3ª maior linha aérea na Argentina e tem 570 empregados. Os voos são realizados em 5 aviões Boeing 737-800 NG com 189 assentos. Mais de 2 milhões passageiros já viajaram com a Flybondi, dos quais 400 mil são pessoas que viajaram de avião pela primeira vez na vida.

Os principais investidores da Flybondi são a Cartesian Capital Group LLC, a Yamasa Co. Limited. Os executivos Michael Cawley (Ryanair) e Michael Powell (Wizz Air) também são acionistas da companhia aérea argentina. Logo: tem gente grande no mercado que injeta dinheiro na empresa, vai sem medo!

Mas é mesmo mais barato? Fizemos uma simulação rápida

Foto: Hernan Senki

Para termos uma noção de preços, fizemos uma simulação rápida de Floripa para Buenos Aires, definindo datas de saída e retorno ainda para dezembro de 2019 (uma busca em cima da hora, cujos preços normalmente já são mais altos, com retorno na véspera de Natal!).

O valor, já com as taxas e impostos, ficou R$ 500 por pessoa mais barato se a viagem fosse feita com a Flybondi. Além do preço bom para uma pesquisa em cima da hora, o que também nos agradou foi o tempo de voo da Flybondi. O trecho Florianópolis – Buenos Aires é concluído em duas horas, enquanto a outra companhia aérea com o melhor preço pesquisado faz conexão em Assunção, jogando o tempo de viagem para 17 horas!

Se realmente fossemos para Buenos Aires no período, economizaríamos R$ 500 por pessoa e viajaríamos muito mais rápido!

A bagagem inclusa nesse valor é uma mochila (não vale mala de mão) com até 6 km e medindo 30cmx20cmx40cm que deve ser guardada embaixo do assento à frente. No próprio site da companhia, é possível adicionar o valor caso tenha outra bagagem para despachar.

As poltronas são normais como um avião de voo doméstico e não reclinam muito. Além disso, não tem comida a bordo gratuita, tudo deve ser pago a parte em pesos argentinos, até mesmo a água.

Já a simulação para o mesmo período, saindo do Rio de Janeiro, ficou mais cara na Flybondi — isso porque a oferta diária de voos Rio-Buenos Aires é maior e mesmo pesquisado em cima da hora, o preço fica melhor.

Então, você deve procurar sua passagem com antecedência e verificar todas as possibilidades. Uma coisa legal é que sempre tem promoções no site da Flybondi. Inclusive, já vimos viajantes que conseguiram passagens por UM REAL + taxas em uma promoção relâmpago! Vale sempre dar uma olhadinha com carinho para ter a chance de pagar menos.

Voos para Argentina em 2020

Para que os viajantes comecem o ano com o pé direito, a Flybondi já colocou a venda mais de 120 mil passagens para 17 destinos, dos quais 14 são argentinos e três são internacionais.

O Rio de Janeiro terá uma nova frequência a partir de dezembro. Atualmente, são três voos semanais, ofertados às quartas, sextas e domingos. Mas graças à alta demanda, a Flybondi colocará um quarto voo às segundas-feiras.

Florianópolis começará a voar low cost com a Flybondi no dia 19 de dezembro e incorporará uma nova frequência às três que já se encontravam à venda. Agora, a Flybondi vai conectar Floripa e Buenos Aires nas terças, quintas, sábados e domingos.

Então, resumindo:

  • Pesquise passagens com antecedência para garantir bons preços;
  • Se pretende comprar vinhos, doce de leite ou outras coisas na Argentina: compre o despacho da mala com antecedência (na hora é mais caro);
  • Leve mochila, mala de mão não conta como bagagem interna para eles e, caso leve-a, será cobrado;
  • Não tem comida gratuita a bordo, leve peso argentino se quiser comprar algo;
  • Os voos que saem do Brasil chegam no Aeroporto El Palomar em Buenos Aires. Tem transfer pela Tienda Leon na faixa de 250 pesos que vai até Palermo, Retiro e em Puerto Madeiro.

E aí, você já viajou com a Flybondi? Conta aqui nos comentários como foi sua experiência 😉

3 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *