O arquipélago de Ilhabela é um dos destinos favoritos dos paulistanos para os finais de semana de sol ou para simplesmente sair da correria do dia a dia e relaxar. Além das praias com visual paradisíaco, tem bastante passeio bacana para fazer na ilha. Quem gosta de história e arquitetura pode passar uma tarde bem gostosa na Fazenda do Engenho D’Água que está aberta para visitas.

No século passado, o engenho da Fazenda do Engenho D’Água foi fonte de renda para muitas famílias na região. A área de mais de 43 mil m² abriga a construção que servia como moradia e também o espaço destinado à produção de aguardente, atividade que durou o começo do século XX.

Quanto custa uma viagem para Ilhabela? Confira tudo aqui!

O passeio contempla as áreas externas da fazenda em Ilhabela, passando pelo jardim e pelo local onde os produtos alimentícios eram desenvolvidos. Seguindo pela propriedade, o visitante chega até o edifício tombado como Patrimônio Histórico pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico) em 1945.

fazenda engenho d'água
Foto: Wikimedia Commons

Não é possível entrar nesta sede, mas só a observação externa, percebendo os detalhes da arquitetura do sobrado com varanda de meados do século XVIII, feito de alvenaria de pedra e cal e de pau-a-pique, consegue ser bastante especial!

O tour pelas instalações da fazenda segue até o reservatório de abastecimento e distribuição de água que era utilizado na produção de aguardente, pelo aqueduto, pela roda d’água que movimentava as máquinas que moíam a cana-de-açúcar, pelos toneis de madeira com capacidade de 20 mil litros cada, além de um trator e um caminhão de 1932, os primeiros veículos de Ilhabela.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Silvia Rossetto (@silviarossetto_) em

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Kluka’s cottage & Tour (@klukascottage) em

A visitação à Fazenda Engenho D’Água em Ilhabela é gratuita e acontece sempre às sextas-feiras, sábados, domingos e feriados das 9h30 às 11h30 e das 14h às 17h, com saídas a cada 30 minutos. Por ser um passeio a céu aberto, nos dias de chuva não há visitação.

Espaço para apreciar obras de arte

A Fazenda Engenho D’Água em Ilhabela ainda abre seus jardins para exposição de obras de artes. A mais recente, possui esculturas do renomado artista plástico Gilmar Pinna e ficará fixa no local.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Claudia Fernandes (@cacau_.trip.3591) em

Com 46 esculturas feitas de aço inox de 3 metros de altura cada que pesam cerca de 300 quilos, a exposição “Paixão – Caminhando no amor, na união e na justiça” traz 15 estações das passagens que Jesus Cristo percorreu na “Via-Crúcis”, sendo amparado em suas dificuldades por outros líderes religiosos, como Buda, Allan Kardec, Iemanjá, Oxalá, Tupã, Krishina, Ganesha e Amon Rá.

Como chegar a Ilhabela?

Para chegar até a ilha é preciso pegar uma balsa que sai de São Sebastião. A balsa parte de meia em meia hora em ambos os sentidos, todos os dias, das 05h às 24h. Esse trajeto tem duração de aproximadamente 20 minutos.

Pedestres não pagam pelo deslocamento com a balsa, enquanto para carros e motos, o trecho São Sebastião/Ilhabela é cobrado e custa:

  • Dias de Semana: motos: R$ 8,10 e carros: R$ 16,30;
  • Finais de Semana: motos R$ 12,20 e carros: R$ 24,40.

Para voltar para São Sebastião com a balsa, apenas os carros pagam uma Taxa Ambiental de R$ 7,50.

Onde ficar em Ilhabela?

hostel da vila em ilhabela
Foto: Reprodução Booking.com

Após um dia de passeio pela Fazenda Engenho D’Água, nada melhor do que ficar em um lugar bem confortável para ter uma ótima noite de sono. Nossa dica de hospedagem é o Hostel da Vila, um lugar mágico capaz de deixar todo mundo com vontade de acampar! O TW Guaimbê Exclusive Suites também é outra hospedagem dos sonhos que vale a pena conferir.

Veja todas as opções de hospedagem em Ilhabela aqui!

Gostou desta dica? Agora, é só esperar pelo próximo feriado ou final de semana e cair na estrada rumo a esta ilha deliciosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *