O famoso “Magic Bus” é um dos lugares mais icônicos dos mochileiros desse mundo. Localizado em uma região de difícil acesso no Alasca, o ônibus que foi habitado pelo jovem aventureiro Christopher McCandless em seus últimos dias, era um local de peregrinação para muitas pessoas que se identificavam com sua história.

Christopher McCandless

Christopher McCandless era um jovem que não se identificava com a vida que vivia com sua família de classe média e largou todos os seus bens em busca de um sentido para a sua vida. Toda a sua história foi contada no livro “Into the wild” que serviu de inspiração para o filme de mesmo nome (tradução: Na Natureza Selvagem) dirigido por Sean Penn.

O ônibus sendo visitado por aventureiros. Foto Wikipedia.

Em meio à sua aventura, Christopher McCandless encontrou este ônibus abandonado em um local inóspito do Alasca e viveu lá por mais de 100 dias após ter tentando voltar para um lugar mais seguro sem sucesso. Ele veio a falecer no ônibus em 1992 com 24 anos de idade.

Sua história inspira até hoje algumas pessoas que se identificam com a sua aventura e por isso muitas delas faziam peregrinações até o Magic Bus. Porém o trajeto até o ônibus se dá em uma região perigosa e com poucos recursos.

A remoção do ônibus

Por conta do perigo que pessoas estavam passando para chegar até o ônibus, as autoridades resolveram retira-lo do local.

Em fevereiro deste ano, os bombeiros tiveram que resgatar um grupo de 5 italianos que estavam tentando retornar para a cidade. Já em abril um brasileiro também precisou ser resgatado na região.

O ônibus foi removido de helicóptero e as autoridades ainda estão decidindo qual será o deu destino final, certamente um mais seguro!

Mais informações clique aqui.

Para onde viajar
Eu tenhoBudget
e quero viajar porDias
Para onde viajar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *