Conhecida por ser a Europa da América LatinaBuenos Aires consegue ser tão charmosa quanto as cidades do velho continente. A arquitetura antiga, ruas tranquilas, limpas e arborizadas, pessoas estilosas e centenas de barraquinhas de flores pelas calçadas mostram que sim, existe um pouco de ar europeu por estas bandas. Confira nossas dicas de Buenos Aires!

Apelidada de BsAs, a capital argentina é repleta de bons cafés e restaurantes, com ressalvas não só para os famosos alfajores, doces de leite, empanadas e parrillas, mas para as pizzas e sorvetes, que impressionam pela qualidade de uma forma inesperada. Os museus, como o moderno Malba, que reúne obras de Frida Kahlo e Tarsila do Amaral, e o tradicional Evita, dedicado a Eva Duarte, numa bela casa antiga, têm bastante qualidade.

Buenos

O ideal a se fazer é: andar, e muito! A cidade é plana e as principais avenidas acabam nos levando ao Obelisco. Memorize o nome de uma delas para quando estiver perdido, pois vai ser fácil se achar. No antigo metrô, observe os ladrilhos que decoram as paredes. Vá até a Puente de la Mujer e observe o Rio da Prata. Curta, enfim, os pequenos prazeres que o destino portenho reserva.

bsas

Buenos-Aires-8

Buenos-Aires-9

Buenos-Aires-10

Buenos-Aires-7

Palácio do Congresso

Buenos-Aires-2

 

Vista da Biblioteca Nacional

Buenos-Aires

 

Puerto Madero

Puerto Madero District in Buenos Aires

Planetário

Planetario

Onde dormir:

Callao Plaza Suites – a primeira vez que estive na cidade, fiquei no bairro Palermo Soho, que é ótimo e um tanto mais caro. Mas na segunda vez optei por ficar em Callao e gostei muito! No caso, peguei um apartamento simples – cada um é decorado de um jeito -, que é limpo umas duas vezes na semana, e me senti mais “em casa”. A região é bem bacana, tem uma praça grande na frente, o café Martínez logo ao lado, assim como o bar Notorious, que eu amo. Na mesma rua tem uma estação de metrô e a poucas quadras já estava na vibrante Av. Santa Fé. Ou seja, localização e custo benefício excelentes.

CallaoPlaza

callaoplazasuites

CallaoP

Hostel America del Sur – Esse hostel já recebeu diversos prêmios e tem um ótimo custo benefício. Além de quartos compartilhados, tem quartos duplos para casais ou com duas camas de solteiro, e banheiro privativo. O valor da diária inclui toalhas, lençóis e cobertores, secador de cabelo e café da manhã. As instalações são novas e modernas.

ameria del sur

hostelbuenosaires

Mais dicas de onde se hospedar? Região, preços, opções… Confira aqui!

Onde comer:

Café Martínez – o café da manhã em Buenos Aires pode ser uma “roubada” dependendo de onde você for. No Martínez, que tem várias unidades pela cidade, encontrei o melhor custo benefício por uma “desayuno”completo e deliciosa! O combo vem com suco, café, medialunas, geleia e pão, mas tem várias opções para o cliente escolher.

Martinez

Kentucky – A tradicional pizzaria, que opera desde 1942, é ideal para provar pedaços de vários sabores a um preço super amigo. A qualidade das pizzas é tanta, que deveria custar mais caro. Além disso, a melhor coisa é pedir uma jarra de Quilmes pra acompanhar, que vem trincando de tão gelada. Estava num calor tão absurdo quando fui, que a cerveja foi praticamente santificada.

pizzariabsas

kentucky

kentucky bsas

Buenos-Aires-19

La Cabaña – o restaurante é sofisticado e intimista. A equipe é muito atenciosa, serviram o melhor vinho da minha vida (infelizmente não me recordo do nome) e a Parrilla estava excelente. Comi e bebi feito uma rainha e achei que, para duas pessoas e pelo tanto que consumi, o valor foi bom. Deu 600 pesos, o equivalente a uns 270 reais na época.

la cabana

la cabanaa

lacabana

 Choripán e Sanduiche de Bondiola – Estes são os típicos lanches argentinos. O chori é composto por pão, chorizo (linguiça) e chimichurri; o Bondipan é feito com pão francês, bondiola (ombro de porco/paleta) e temperos como alho, mel, cebola roxa, pimenta e limão. Podem ser provados em mil lugares pelas ruas, mas também em Costanera Sur, onde tem várias barraquinhas de comida.

Choripan-bsas

Temos muito mais dicas de alimentação em Buenos Aires aqui!

O que fazer:

Vale a pena conhecer os pontos turísticos mais conhecidos, como a Casa Rosada, próxima a Av. de Mayo. De lá, o ideal é seguir até o famoso Café Tortoni, o mais clássico de toda a cidade e também o mais caro.

Para comprar, o ideal é percorrer a Av. Santa Fé, onde tem de tudo. Aliás, essa avenida corta um pedaço enorme pela cidade, então quando estiver perdido, procure por ela. Vale a pena conhecer a galeria Bond Street, onde se concentram lojas e pessoas descoladas. A rua Florida é bem falada internet afora, mas sinceramente, não há tantas coisas interessantes assim e os preços são “pra turista ver”. De qualquer forma, também tem bastante loja.

Quem gosta de design pode aproveitar para conhecer as lojas incríveis pelo bairro Palermo Soho, como as da rua Jorge Luis Borges. Na busca por livros ou por um visual impressionante, vá até a antiga livraria El Ateneo. Esse lugar é mágico e não à toa está entre as livrarias mais belas do mundo. Meu fascínio se justifica pela arquitetura, de 1919, época em que foi fundado para sediar uma Catedral de Artes Cênicas.

Buenos-Aires-29

Buenos-Aires-28

Buenos-Aires-27

Cafe Tortoni

Tortoni

Buenos-Aires-16

Ateneo

A Av. Corrientes tem preços bem em conta e parece que é onde se vendem coisas mais populares, meio Brás e 25 de março (que fica em SP). A avenida também é conhecida por peças de teatro e espetáculos da Broadway que rolam por ali. Já a Av. Córdoba é repleta de outlets, onde o preço nem sempre é mais baixo do que por aqui, mas é legal para conferir as marcas locais. Aos domingos, recorra à Feira de San Telmo, região cheia de antiquários e lojinhas. A feira tem de tudo um pouco, prezando por trabalhos manuais, como bolsas de couro e caixas de madeira, que eu achei belíssimas!

Na Av. Corrientes não deixe de conhecer o Paseo La Plaza, um open mall onde fica o Museu dos Beatles. O museu é basicamente formado por 2 mil itens de um colecionador e não é nada grande, mas o passeio não deixa de ser interessante, ainda mais para quem é fã da banda. Pelo caminho, passe nos “kioskos”, lojinhas de conveniência, para comprar alfajores “baratex” deliciosos, como o Jorgito e o Capitán del Espacio.

Buenos-Aires-14

Buenos-Aires-12

Aproveite as andanças para desbravar os bairros, tomar um sorvete – que é delicioso em BsAs -, e conhecer os parques. Indico o lindo jardim de 18 mil roseiras El Rosedal, dentro do parque Tres de Febrero. Próximo dali está o zoológico, em frente à Praça Itália, que tem pista de patins, corrida, bike e skate que o cerca ao lado de fora. É um dos meus lugares favoritos na cidade. E por favor, se querem ver animais, aproveitem para vê-los em seu habitat “quase” natural, e não dopados no famoso Zoo Luján, mas fica a critério de cada um.

Buenos-Aires-24

Buenos-Aires-20

Buenos-Aires-25

Buenos-Aires-26

Para conhecer de perto as famosas casinhas coloridas de El Caminito, se planeje com antecedência e prefira ir de dia. A região é remota e periférica, um tanto sinistra se você virar na rua errada. O lugar é realmente bacana, dá para pechinchar preços e comprar coisas legais, especialmente de artesãos, mas os restaurantes nem são tão interessantes. No mesmo bairro, La Boca, também fica o La Bombonera, estádio do time Boca Juniors.

Buenos-Aires-30

Compre online ingressos e passeios em Buenos Aires.

Buenos-Aires-35

Buenos-Aires-33

Buenos-Aires-31

Durante o dia, Puerto Madero em bem bonito, mas à noite fica ainda melhor, cheio de luzes que refletem na água. É por ali que também fica uma das baladas mais cobiçadas, a Asia de Cuba. Ainda para se distrair à noite, especialmente para quem está com amigos, é o Jobs, uma casa de jogos de mesa bem legal, com sinuca, arqueria, dardos e cerveja. Além disso, é imperdível uma noite de tango portenho, como na tradicional Señor Tango.

Buenos-Aires-4

Buenos-Aires-15

A rua Rodriguez Peña também é bem bacana, cheia de bares e baladinhas. O mais engraçado é que a rua em si parece muito tranquila se comparada aos bairros badalados do Brasil. Os bairros Palermo e Recoleta são repletos de barzinhos e restaurantes, alguns com mesas na calçada que são um convite para uma cerveja nos dias quentes.

Se quer deixar a Quilmes de lado, vá ao Antares e prove as cervejas artesanais. Os preços valem o sabor e o bar é lindo, com luz baixa, bem intimista. Termine a noite no Notorious, bar de jazz que fica atrás de uma loja de discos. Os músicos que se apresentam são de primeira qualidade, a comida é deliciosa e o clima bem agradável. Você pode conferir o post sobre o Notorious neste link.

Antares

Antares2

notorious

 

 Texto por Brunella Nunes
Fotos: reprodução e acervo próprio

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para ajudar você a enfrentar essa quarentena...

Preparamos muito conteúdo bacana para você viajar sem sair do sofá!