Santiago definitivamente já caiu no gosto dos brasileiros e tem atrações que agradam a todos os tipos de viajantes. Mas, um tipo de passeio é certeiro por lá: aquele que você pode apreciar toda a beleza da cidade vista a centenas de metros de altura! Afinal de contas, todo mundo quer ver a cidade cercada pela magnífica Cordilheira dos Andes! Por isso, quem deseja ter uma visão encantadora da capital chilena precisa conhecer o Cerro San Cristóbal e Cerro Santa Lucía.

Esses dois montes possuem mirantes que proporcionam um espetáculo diante dos olhos dos turistas. O melhor de tudo é que você pode adicionar os dois passeios no mesmo dia enquanto estiver desbravando cada cantinho da capital do Chile. Se você já está com viagem programada para Santiago ou ainda começando a planejar essa trip, confira nossas dicas para ver a cidade nas alturas!

Bora ser feliz no Chile? Encontre dicas de hospedagem em Santiago aqui!

Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Cerro San Cristóbal

O Cerro San Cristóbal fica dentro do Parque Metropolitano, uma imensa área verde em Santiago. Clique aqui para ver o mapa completo e ter noção do espaço.

Subir o Cerro San Cristóbal é um passeio praticamente obrigatório para todo mundo que visita Santiago pela primeira vez. A vista que os visitantes têm lá de cima é impressionante! Tomara que o dia esteja bem limpo, sem neblina ou poluição para que você consiga observar a cidade lá do alto.

cerro san cristóbal
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Quais os passeios e tours mais populares em Santiago? Veja todos aqui!

cerro san cristóbal
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

No alto desta montanha com 880 metros acima do nível do mar (e a 280 metros acima do nível de Santiago) é possível apreciar a Cordilheira dos Andes, aproveitar o comércio nas barraquinhas e chegar até a estátua da Virgen de la Inmaculada Concepción, com 14 metros de altura sobre um pedestal de 8,5 metros.

cerro san cristóbal
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Veja mais: 7 passeios diferentes em Santiago, no Chile

Como subir o Cerro San Cristóbal?

Existem duas maneiras de subir o Cerro San Cristóbal: uma com o funiculare, um trenzinho; e outra com o teleférico, que ficou fechado durante 6 anos, desde o terremoto que atingiu o Chile em 2010.

Funiculare

cerro san cristóbal
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Quem deseja subir com o funiculare deve ir até o endereço: Pio Non, 450, no bairro de Bellavista — uma região que vale muito a pena ser explorada, com ótimos bares e restaurantes. É por essa entrada que o acesso ao trenzinho é feito.

Para chegar a essa entrada, você deve pegar o metrô linha 1 e descer na Estação Baquedano. Compre seus ingressos na bilheteria local. Assim que descer na estação, caminhe por aproximadamente 10 minutos até chegar à entrada.

A subida com o funiculare dura de 8 a 10 minutos, fazendo uma parada na estação do Zoológico antes de chegar ao topo. Se você estiver viajando com crianças ou se tiver mais tempo disponível durante sua viagem é legal fazer uma pausa. Apesar de pequeno, o Zoológico é um dos mais importantes da América Latina.

O percurso feito de funiculare é: Estación Pío Nono > Estación Zoológico > Estación Cumbre.

Quanto custa o funiculare?

Os preços são de:

Foto: Reprodução / Parquemet

Clique aqui e confira a tabela de preços atualizada

Horário de funcionamento do funiculare

O funiculare fica aberto de de terça a domingo das 10h às 18h45 e segunda das 13h00 às 18h45 durante o inverno. E, no verão, o horário, muda para de terça a domingo das 10h às 19h45 e segunda das 13h às 19h45.

  • A 1ª segunda-feira de cada mês o funiculare fica fechado para manutenção;
  • A última descida do cume no inverno é às 18h45 da tarde, enquanto no verão às 19h45.

Os grafites e arte urbana do museu a céu aberto em Santiago vão te conquistar

Teleférico

Foto: Wikimedia Commons

O teleférico do Cerro San Cristóbal é praticamente um cartão-postal de Santiago! Após a reforma, passaram a existir 46 cabines que percorrem os 4,8 km de cabos de aço.

Quem deseja subir com ele deve ir até a Pedro de Valdivia. Para isso, pegue o metrô linha 1 e desça na Estação Pedro Valdivia ou na Estação Tobalaba. Assim que descer da estação, caminhe por aproximadamente 20 minutos até chegar à entrada.

O percurso feito pelo teleférico é: Estación Oasis > Estación Tupahue > Estación Cumbre.

Quanto custa o teleférico?

Os preços são de:

Foto: Reprodução / Parquemet

Clique aqui e confira a tabela de preços atualizada.

Horário de funcionamento do teleférico

Aberto de terça a domingo, das 10h às 18h45 no inverno. Durante o verão, o horário passa a ser de terça a domingo, das 10h às 19h45.

  • Toda segunda-feira, o teleférico fica fechado para manutenção;
  • A última descida do cume no inverno é às 18h45 da tarde, enquanto no verão às 19h45.

É possível subir de teleférico e descer de funiculare (ou vice-versa)? Sim, é possível! Porém, tenha em mente que a saída não será no mesmo lugar que você entrou — e elas ficam bem distantes uma da outra.

Foto: Reprodução / Parquemet

Uma dica para quem deseja conhecer o Cerro San Cristóbal e Santa Lucia no mesmo, ainda emendando com a ida ao Sky Costanera, é subir com funiculare e descer com teleférico. Isso porque a saída (ou entrada) do teleférico é pela Pedro de Valdívia, próximo ao Costanera Center, onde fica o mirante do Sky Costanera.

É bacana subir com os dois meios de transporte porque a vista é diferente e você pode descer em outras estações para conhecer mais detalhes do parque.

Também dá para fazer o trajeto a pé e de bicicleta, caso você tenha bastante fôlego e tempo. As trilhas do Parque Metropolitano são excelentes! Quem faz o percurso a pé realiza paradas maravilhosas pelo meio do caminho no Jardim Mapulemu e pelo Jardim Japonês (descendo no mesmo sentido do teleférico). Isso sem contar que antes de chegar ao Jardim Mapulemu é possível ter uma vista do Sky Costanera sensacional!

Mas, tudo isso depende do seu tempo e condicionamento físico. Fazer o trajeto tanto com funiculare quanto com teleférico é muito bacana.

Cerro Santa Lucía

Pertinho do centro de Santiago fica o Cerro Santa Lucía, um espaço turístico com acesso gratuito com praça, parque e uma escadaria que leva os visitantes até a Torre Mirador que proporciona uma visão do centro da cidade.

cerro santa lucía
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Mas para chegar até o topo, a caminhada é longa! São várias escadarias e caminhos de paralelepípedo para percorrer. Aproveite o visual do passeio, apreciando os detalhes pelo trajeto, como a rocha com a figura de Caupolicán, o maior guerreiro Mapuches, povo indígena que habitava o morro antigamente.

Um dos destaques no Cerro Santa Lucía é o Terraço Neptuno, espaço com uma fonte, inspirada na Fontana di Trevi em Roma, decorada com itens europeus.

cerro santa lucía
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Veja aqui opções de pacotes de viagem para Santiago com hotel + aéreo!

cerro santa lucía
Foto: Equipe Quanto Custa Viajar

Mais acima, você ainda encontra o Terraza Calpolican e na Praça Circular. Mais para frente que fica a Torre Mirador. Portanto: prepare o fôlego e bora caminhar!

Como chegar ao Cerro Santa Lucía?

A entrada oficial é pela Avenida Libertador Bernardo O’Higgins. Pegue o metrô da linha vermelha e desça na Estação Santa Lucía. Também é possível entrar pela Rua Merced. Nesse caso, pegue o metrô da linha verde e desça na Estação Bellas Artes.

Lugares que proporcionam uma vista panorâmica de Santiago são ótimas pedidas para você conhecer a cidade sob uma nova perspectiva e Cerro San Cristóbal e Cerro Santa Lucía são destinos que não podem ficar de fora do seu roteiro. Partiu conhecer essa cidade linda? Encontre aqui passagens aéreas baratas para Santiago e boa viagem!

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *