Que tal aproveitar os seus finais de semana de 2018 de um jeito diferente? Aqui no Quanto Custa Viajar garantimos que sempre dá para fugir do tédio pertinho da sua cidade. Dessa vez, selecionamos 10 lugares para fazer um bate-volta de Curitiba, a cidade onde nasceu o site. 🙂

Tem muitos curitibanos que planejam uma viagem para longe sem nem ter explorado a região. Isso é mais comum do que possa parecer, não só em Curitiba, mas em outros estados também. Mas ao invés de ficar só na Netflix ou passeando nos mesmos endereços de sempre, chame os amigos, o mozão ou a família e pé na estrada!

Morretes 

Passando por algumas das rodovias mais lindas do Brasil, o caminho até Morretes já impressiona, havendo chances de percorrer a Estrada de Graciosa de trem. O caminho passa pela Mata Atlântica, picos e cachoeiras, rendendo boas fotografias e até mesmo compras, com paradas em mirantes onde são vendidos mel, cachaça e balas de banana. A natureza continua sendo atrativo dentro da cidade, assim como os edifícios históricos e museus. Confira o passeio da equipe do QCV por lá!

Guaratuba

Entre Guaratuba e Tijucas do Sul – sentido Santa Catarina -, a cerca de uma hora de carro de Curitiba, está o Morro dos Perdidos. O local dentro de uma propriedade particular atrai turistas que querem ter uma vista espetacular em um dos pontos mais altos da Serra do Mar. A altitude chega a aproximadamente 1.500 metros, então não se esqueça de levar agasalho, especialmente no final da tarde e nos dias de inverno. Pelo mesmo acesso se chega até a Cachoeira dos Perdidos, igualmente bela.

Foto via

Região de Ponta Grossa

Os arredores de Ponta Grossa têm muito a oferecer, a começar pelo principal atrativo da região, o Parque Estadual de Vila Velha. A unidade de conservação conta com arenitos de formações variadas, Furnas e a Lagoa Dourada, além de outros locais de importância turística, sejam culturais, como o Museu de Arqueologia, ou religiosos, como o Mosteiro da Ressurreição e a Casa do Divino. Outra opção é seguir rumo às cachoeiras Buraco do Padre e da Mariquinha, ambas acessadas por uma trilha fácil, e o Cânion do Rio São Jorge, visitado pela equipe do Quanto Custa Viajar no ano passado.

Vila Velha

Cachoeira e Cânion do Rio São Jorge

Colônia Witmarsum

A paisagem pitoresca, rural e tranquila da Colônia de aproximadamente 1.500 habitantes mostra um pouco do clima dos campos europeus. Colonizada por alemães, a cidade no município de Palmeira é conhecida pela gastronomia tipicamente alemã, que inclui opções caseiras de apfelstrudel (torta de maçã), eisbein (joelho de porco) e chucrute. Para quem busca por aventuras, a sugestão é a Cachoeira do Panelão, que além de bonita, tem uma infraestrutura invejável e área para camping, lanchonete, restaurante e banheiros. Isso acaba refletindo no preço de entrada: R$ 35.


Carambeí

Um dos principais atrativos é o Parque Histórico, formado por réplicas arquitetônicas que reproduzem o estilo da vida do colono no início do século 20, proporcionando uma imersão multicultural. A cultura holandesa é valorizada, presente na arquitetura inspirada no Zaanse Schans dos Países Baixos e na coleção de moinhos em miniatura. A gastronomia também é ressaltada no restaurante, que serve pratos típicos como as almôndegas holandesas gehaktballen.


Lapa

Na região de Campos Gerais, a cerca de 70 km de Curitiba, o município de Lapa retrata bem a história dos tropeiros do Brasil, que antigamente era uma espécie de “Correios”. Homens montados em mulas faziam transportes de mercadorias e mensagens, entre os séculos 17 e 19. Os edifícios coloridos do centro histórico estão bem preservados e os museus têm preços populares nos ingressos, entre R$ 2 e R$ 3. Reserve um tempo para conhecer o teatro, a igreja, a Casa de Memória e o santuário de São Benedito, o maior dedicado ao santo em todo o mundo. A poucos quilômetros da cidade, estique o passeio até o Parque Estadual do Monge, com paisagens bonitas e um mirante.


Colombo

Cheio de charme, Colombo é um município a 30 km de Curitiba, com turismo que permeia os edifícios históricos, as vinícolas, os atrativos naturais e as propriedades rurais. São cinco vinícolas abertas para visitação, além de engenhos, sítios, chácaras e moinhos, comandadas por famílias. Na cidade, vale a pena fazer um passeio cultural, passando pelo museu, o Memorial do Imigrante Italiano e o Memorial Ítalo-Polonês. O que mais leva os visitantes para lá, porém, é a Gruta do Bacaetava, caverna com 200 metros de extensão, repleta de formações rochosas interessantes.

Campo Largo

A cerca de 30 km de Curitiba está Campo Largo, onde dá para fazer passeios de balão com duração de 3h30, para observar edifícios, rios, paisagens e campos a muitos pés acima do chão. A jornada nas alturas pode ser também no paraglider, que parte do Morro do Cal, acessado por uma trilha de nível fácil. Depois de tantas aventuras, siga rumo a Chácara e Recanto Morro Três Barras para um mergulho no Salto Boa Vista, queda d’água de 38 metros de altura. O local conta ainda com tobogã, tirolesa, quadras, piscina infantil e trilhas.

Campina Grande do Sul

Entre os municípios de Antonina e Campina Grande do Sul estão a primeira e a segunda montanhas mais altas da região Sul: o Pico Caratuva e o Pico Paraná. Com 1.850 metros de altura, a área de preservação permanente é acessada por trilhas com subida de três horas, passando pela vegetação da Mata Atlântica. Lá de cima se avista o vizinho, o Pico Paraná, que tem 1.877 metros de altura, de onde se vê a costa litorânea e a baía de Antonina. A região também é bem abastecida de rios e cachoeiras.

Foto via

Estrada Bonita Turismo Rural (SC)

Para cruzar novos horizontes, siga rumo à Estrada Bonita, construída por imigrantes alemães em 1885. Por lá estão belas paisagens, pousadas charmosas, restaurantes de comida caseira e o Museu Rural, dedicado a agrupar e a vender artesanato e produtos regionais, como os cestos feitos por índios e queijos produzidos pelas famílias. Na propriedade de Ango e Ivanir Kersten, o público se diverte em passeios de trator que cruzam o rio Pirabeiraba, observam o canavial e os pastos repletos de animais livres. Apesar de ser em Santa Catarina, o local fica a 106km de Curitiba.

Post por Brunella Nunes
Foto em destaque por Fabiana Mika

Para onde viajar
Eu tenhoBudget
e quero viajar porDias
Para onde viajar

Quando não está viajando pelo mundo, está viajando nas ideias.

4 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *