Quem vai até a Holanda busca por, entre outras coisas, um país livre de amarras. Dificilmente você iria até lá para encontrar um refúgio tropical, mas é essa a intenção do Aloha Bar, em Rotterdam. Construído no espaço onde funcionava o parque aquático Tropicana, o lugar ainda segue com a estratégia de ser um oásis relaxante no meio da segunda maior cidade dos Países Baixos.

Com uma vibe meio havaiana, o ambiente rodeado por muita luz natural é cheio de plantas e cactus, aproximando a galera da natureza. Um terraço aconchegante com vista para o rio Mosa é ideal para quando o sol está brilhando.

O menu conta com opções para almoço, jantar e drinks. A ideia é manter pratos elaborados com ingredientes locais, em boa parte provenientes da horta em constante crescimento que eles mantêm, além do apiário e do jardim. Entre as especialidades da casa estão as criativos bolinhas de cogumelos com maionese de café, costela e o “bife” vegano de couve-flor.

Os cafés são outro diferencial do Aloha. Os grãos verdes são importados de pequenos produtores e torrados no próprio restaurante. Baristas preparam as bebidas cafeinadas, servidas quente ou fria.

 

O Aloha fica junto ao super descolado centro comercial Blue City, repleto de startups e empreendedores focados em ações sustentáveis para o planeta. Fazendo parte dessa missão, o bar faz coleta seletiva, utiliza composteira, se preocupa com o zero desperdício na cozinha e se preocupa com a origem de seus produtos, trabalhando apenas com fornecedores responsáveis com o meio ambiente.

Quanto custa: a média de preço dos pratos vai de 2 a 15 euros.

Indo para Roterdã? Confira aqui opções de hospedagem!

Fotos: divulgação

Com poucos presos, Holanda transforma presídios desativados em hotéis moderninhos

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquise aqui sua passagem aérea!