• Café da manhã

    $6.40 $8.00 $10.40
    R$ 20,43 R$ 25,54 R$ 33,20
    Baixo custo Econômico Conforto
  • Almoço

    $10.60 $13.50 $18.80
    R$ 33,84 R$ 43,09 R$ 60,01
    Baixo custo Econômico Conforto
  • Jantar

    $14.00 $17.60 $25.00
    R$ 44,69 R$ 56,18 R$ 79,80
    Baixo custo Econômico Conforto

Guia Alimentação em Orlando

Orlando pode até não ser um destino com foco na gastronomia. Mesmo assim, os muitos parques temáticos da cidade oferecem boas opções de restaurantes tanto para quem busca uma alimentação mais casual (leia-se fast food) quanto para quem prefere sentar à mesa e comer com calma.

Na dúvida sobre onde comer em Orlando, saiba que os restaurantes com personagens costumam ser os mais cobiçados. O Chef Mickey’s, que conta com a presença do camundongo mais famoso do mundo no café da manhã e no jantar, exige que você faça a reserva com meses de antecedência. O mesmo costuma ocorrer no Cinderella’s Royal Table, localizado no Castelo da Cinderela, onde se come ao lado das princesas da Disney; e no Be Our Guest, que fica no castelo da Bela e a Fera, e esta última costuma aparecer para cumprimentar os convidados durante o jantar.

Em alguns casos, as reservas chegam a abrir com 180 dias de antecedência e podem ser feitas online no próprio site da Disney. Algumas opções menos cobiçadas, mas nem por isso menos interessantes, são as refeições no Crystal Palace, com a turma do ursinho Pooh; o café da manhã no Cape May Cafe, ao lado da Minnie, Donald e Pateta; ou também a visita ao Wonderland Tea Party, onde os visitantes podem tomar um chá da tarde com os personagens de Alice no País das Maravilhas. Se a presença de um personagem durante a comida não for tão importante para você, experimente então comer um deles: os Mickey Premium Ice Cream Bar são vendidos nos quiosques de sorvetes dos parques e tem o formato da cabeça do protagonista de Fantasia.

Nos parques da Universal as opções são menos elaboradas, mas prometem encantar também aos adultos. É o caso da área dos Simpsons, no Hollywood Studios, onde é possível encontrar o Bar do Moe e o Krusty Burger, além de provar uma autêntica cerveja Duff. No Islands of Adventure, a dica é visitar o Three Broomsticks, com pratos inspirados no universo do bruxinho Harry Potter. Já no CitiWalk, área que funciona como um centro onde não é necessário pagar entrada para o parque, a dica é apostar na visita ao Bubba Gump Shrimp, restaurante de frutos do mar inspirado no filme Forrest Gump.

Uma peculiaridade interessante sobre a alimentação em Orlando é o fato de que tanto os hotéis localizados nos parques da Disney quanto aqueles que ficam nos parques da Universal oferecem planos de refeições para seus hóspedes. Os planos dão direito a fazer um determinado número de refeições diárias dentro dos parques e são uma boa ideia para quem pretende passar o tempo na cidade curtindo essas atrações. Com opções que atendem a diferentes orçamentos, será importante analisar qual plano está mais de acordo com as suas necessidades, já que cada um irá oferecer um número diferente de refeições e restaurantes.

Além disso, também é possível transformar sua refeição em uma verdadeira aventura no Sea World. Isso porque o Sharks Underwater Grill é um restaurante onde algumas paredes são ocupadas por aquários gigantes, em que tubarões nadam enquanto você desfruta da comida.

Longe dos parques temáticos, as principais áreas de restaurantes frequentadas pelos turistas são a West Sand Lake Road e a International Drive, onde está localizado o maior McDonald’s temático do mundo. O interessante nesse sentido é que o McDonald’s de lá não serve apenas os tradicionais sanduíches do fast food, mas também alguns pratos que não se encontram em outras lojas da rede.

Mesmo assim, McDonald’s é uma coisa que você pode comer quando voltar para casa. Então que tal provar uma comida típica americana no LongHorn Steakhouse? O T-Bone e o Ribeye servidos no local fazem a alegria dos turistas.

Embora em menor número, há também uma boa gama de opções saudáveis espalhadas por Orlando. Praticamente todos os restaurantes irão oferecer uma salada e os carrinhos que vendem lanches nos parques geralmente incluem alguma opção de fruta, o que é perfeito para quem não abre mão de se alimentar bem enquanto viaja. 
           
Muita gente que vai para a região pode ter dificuldades em se adaptar com a comida gringa. Nesse caso, nada supera o restaurante brasileiro Camila’s, onde é possível encontrar carnes, feijão e arroz e também uma boa variedade de saladas do jeitinho que os brasileiros gostam. No estilo bom e barato, ele se tornou um dos queridinhos dos brazucas na hora de escolher onde comer em Orlando.